História da Primária


 


Aurelia Spencer Rogers, uma mãe de 44 anos de idade, sentiu fortemente que algo que deveria ser feito sobre o comportamento dos meninos do bairro que corriam livremente pela cidade dia e noite. Sentia que muitas dessas crianças não aprendiam os valores e princípios básicos e, portanto, não estariam preparadas nem com o conhecimento ou comportamento para levar avante o evangelho ou mesmo para serem bons pais ou cidadãos.

A irmã Rogers conversou sobre suas preocupações e um plano de ação com a presidente geral da Sociedade de Socorro Eliza R. Snow. Com a aprovação do Presidente John Taylor e depois de receber um chamado de seu bispo, a irmã Rogers começou a planejar a primeira reunião da Associação da Primária. Assim que esses líderes decidiram que “cantar era necessário”, as meninas também foram convidadas para “fazer parecer tão bem quanto deveria”. Crianças com idade de 4 a 14 foram convidados a participar na primeira Primária.

Sob a direção do sacerdócio, a primeira primária foi realizada na capela de Farmington Rock no domingo, 25 de agosto de 1878, com a participação de 224 crianças. Agora, mais de 130 anos depois, essa organização para crianças tem cerca de um milhão de participantes.


Aurelia Spencer Rogers

A fundadora da Primária: 1878

Embora Aurelia Rogers nunca tenha servido como Presidente geral da Primária, ela sempre foi reconhecida como o sua fundadora. Durante sua primeira década, a Associação da Primária foi organizada em quase toda colônia SUD. Desde seu início, a Primária incluiu músicas, a poesia e as atividades. Todas as crianças reuniram-se em um só grupo durante os primeiros dez anos. Depois disso, foram divididas em grupos etários.


Eliza R. Snow

Presidente geral de fato da Primária: 1878–1887

Durante os primeiros anos da Primária, R. Eliza. Snow, como presidente geral da Sociedade de Socorro, foi presidente geral da Primária de fato. Ela viajou por todas as comunidades Santos dos Últimos–dias do oeste americano, incentivando a organização das Primárias locais e instruindo as novas presidências.


Louie Bouton Felt

Primeira presidente geral da Primária: 1880–1925

Aos trinta–anos–de idade Louie B. Felt foi a primeira Presidente da Primária da Ala Salt Lake City Onze quando foi chamada como primeira Presidente geral da nova Associação da Primária em 1880. Ela continuou a seu serviço como presidente da Primária da ala e só gradualmente assumiu as responsabilidades completas da liderança geral da Primária. Antes de a irmã Felt ser desobrigada em 1925, muito do que é hoje em dia ainda familiar na Primária foi organizado.


May Anderson

Presidente geral da primária: 1925–1939

Em 1925, May Anderson que serviu na Primária por muito tempo se tornou a 2ª presidente geral da Primária. A irmã Anderson, um membro converso da Inglaterra, conheceu a irmã Felt apenas cinco anos após a Primária ter sido organizada. Elas se tornaram grandes amigas, e ela foi logo chamada como secretária da presidência geral da Primária e depois serviu por muitos anos como conselheira da irmã Felt antes de receber seu chamado como presidente geral.


May Green Hinckley

Presidente geral da Primária: 1940–1943

Tendo vivido a maior parte de sua vida fora do oeste americano, May Hinckley trouxe um entendimento dos desafios enfrentados pelos membros de fora do oeste americano para o seu chamado como a 3ª presidente geral da Primária em 1940. Durante seus breves três anos e meio de serviço, a irmã Hinckley e sua junta criaram um novo currículo que consolidou os alicerces espirituais da Primária e acrescentou um programa de leitura das escrituras para líderes e professores.


Adele Cannon Howells

Presidente geral da Primária: 1943–1951

Antes de seu chamado como a 4ª presidente geral da Primária em 1943, Adele Howells havia sido editora de The Children’s Friend [O Amigo das Crianças], tornando-a muito mais amigável para as crianças e continuou com esse interesse durante todo o seu período de serviço. Ela encarregou Arnold Friberg de criar sua famosa série de gravuras do Livro de Mórmon para a revista e incentivou as crianças a contribuírem com centavos para o novo Hospital para Crianças da Primária.


LaVern Watts Parmley

Presidente geral da Primária: 1951–1974

Durante os 23 anos da irmã Parmley, como a quinta presidente geral da Primária, o Escotismo tornou-se uma parte importante do programa para os meninos. As meninas foram incentivadas a trazer seus próprios exemplares de uma edição especial do Novo Testamento para a Primária. O hino favorito, “Sou um filho de Deus” foi apresentado em 1957, o novo Hospital para Crianças da Primária foi concluído e a revista o Amigo se tornou a revista da Igreja para as crianças.


Naomi Maxfield Shumway

Presidente geral da Primária: 1974–1980

O tema da administração da irmã Shumway era “A Primária é para treinar, não entreter”. Como a 6ª presidente, ela trabalhou para fortalecer o alicerce espiritual de todas as crianças; a reverência e treinamento dos professores receberam ênfase renovada. A Igreja em todo o mundo era então uma realidade, e cada decisão que tinha que levar em consideração como os novos ramos nos locais mais distantes seriam afetados. Em 1978, a Primária celebrou seu centésimo aniversário.


Dwan Jacobsen Young

Presidente geral da Primária: 1980–1988

Dwan Young, 7ª presidente geral da Primária, tomou as rédeas da Primária em 1980 exatamente quando o horário de reuniões consolidado estava sendo implementado em todo o mundo. Um novo currículo foi preparado para o domingo da Primária, com os ajustes ao programa para atender a situação dos membros em todo o mundo. Com a Primária agora com uma hora e meia, o tempo de compartilhar se tornou uma ferramenta adicional para envolver as crianças e ensinar o Evangelho.


Michaelene Packer Grassli

Presidente geral da Primária: 1988–1994

Os programas da Igreja continuaram a ser simplificados durante os anos da presidência da irmã Grassli. Em vez do envio de roteiros para o programa anual da reunião sacramental da Primária, um livreto curto descrevendo o tema anual com sugestões para implementá-lo durante o ano, agora é enviado para todas as unidades da Igreja. Depois de dez anos de desenvolvimento, o novo belo Músicas para Crianças também foi apresentado durante esse período.


Patricia Peterson Pinegar

Presidente geral da Primária: 1994–1999

Com o crescimento da Igreja, a Primária precisou adaptar-se a uma ainda maior variedade de circunstâncias. Durante o período de seu chamado como a 9ª presidente, a irmã Pinegar organizou um currículo com estrutura simplificada. Agora todas as classes da primária seriam ensinadas a partir de apenas três diferentes manuais por ano, dependendo da idade das crianças. Um programa expandido Dias de Realização para as meninas de 8 a 11 anos de idade foi criado em paralelo ao programa de Lobinhos para os meninos.


Colleen Kent Menlove

Presidente geral da Primária: 1999–2005

O foco da irmã Menlove como a décima Presidente geral da Primária era preparar as crianças para suas funções futuras na Igreja. Em 2003, um novo programa Fé em Deus foi apresentado com guias separados para meninos e meninas que foram criados para ajudar os Rapazes a se prepararem para o Sacerdócio Aarônico e as meninas para se tornarem Moças justas. O site da Primária em LDS.org foi também publicado e ampliado durante seus anos de serviço.


Cheryl C. Lant

Presidente geral da Primária: 2005–2010

Durante o período da irmã Lant como a décima primeira presidente geral da Primária, o formato do esboço para o tempo de compartilhar foi revisado e um Livro de Gravuras do Evangelho foi publicado, ajudando crianças a aprenderem mais diretamente das escrituras. Além disso, foi publicado um novo manual do berçário e um novo manual da Igreja, publicado em 2010, ajudou os líderes e professores a usarem os princípios de liderança do evangelho para prepararem e planejarem o crescimento do evangelho.


Rosemary M. Wixom}

Presidente Geral da primária: 2010 – presente

A irmã Rosemary M. Wixom foi apoiada como a 12ª Presidente Geral da Primária em três de abril de 2010. Ela foi criada em Salt Lake City e estudou na Universidade Estadual de Utah, onde se formou em Educação com ênfase em Ensino Fundamental. Ela e o esposo, B. Jackson Wixom, têm seis filhos e nove netos. Ela participou da junta geral da Primária, da junta geral das Moças e serviu com o seu esposo na designação dele como Presidente da Missão Washington D.C. Sul.