Notícias da Igreja

Os Membros de Honduras Preparam-se para o Primeiro Templo do País

  Enviado por Jason Swensen, redator da equipe do Church News

  • Visitação pública: de 9 de fevereiro a 2 de março; dedicação, 17 de março
Data
9 Fevereiro - 17 Março 2013

O Templo de Tegucigalpa Honduras é o primeiro templo em Honduras e o sexto templo na América Central. A Primeira Presidência anunciou recentemente que o templo será dedicado em 17 de março, depois da visitação pública e da celebração cultural dos jovens.

Os membros de Honduras estão vendo que as semanas que antecedem a dedicação do primeiro templo do país podem ser de trabalho cansativo, mas também alegre.

Com a rápida aproximação da abertura do Templo de Tegucigalpa Honduras, milhares de homens, mulheres e jovens foram chamados para organizar, participar das apresentações e servir juntos em vários eventos. Para a maioria, é uma tarefa ímpar. O templo será o primeiro do seu tipo neste país da América Central, e os membros estão ansiosos para ajudar de alguma forma a fim de garantir seu sucesso.

“Todos, especialmente os jovens, estão tão entusiasmados em ter um templo!”, disse Nelson Enamorado, um morador da capital que serve na presidência da estaca Tegucigalpa Honduras Guaymuras. “Sabemos que esta é uma oportunidade especial de servir.”

A Primeira Presidência anunciou recentemente que o sexto templo na América Central será dedicado em três sessões no domingo, 17 de março. Espera-se que dezenas de milhares de hondurenhos visitem o interior do novo templo e seu exuberante jardim durante o período de visitação pública programada para antes da dedicação. A visitação pública será realizada de 9 de fevereiro a 2 de março, exceto aos domingos.

Uma celebração cultural de música e dança será realizada no dia anterior à dedicação, no sábado, 16 de março, apresentando um enorme elenco de jovens de todo o país. A celebração cultural e a dedicação serão transmitidas para as unidades da Igreja em Honduras e Nicarágua.

O templo será aberto para ordenanças no dia 19 de março.

“Os membros de Honduras estão dedicando seu tempo e sua vida para esses eventos”, disse o Presidente Enamorado. Muitos jovens que já estão ensaiando seus papéis para o evento cultural também vão servir na visitação pública do templo. Lá eles irão trabalhar ao lado de centenas de adultos que estão sendo treinados para fazer da visitação pública um evento espiritual e memorável para todos os visitantes.

Os membros estão ansiosos para servir, pois esperaram gerações para ter um templo em sua própria terra, acrescentou ele. Já faz quase seis anos desde que a Igreja anunciou os planos para construir um templo aqui. A construção começou em 2009. Muitos usaram esse tempo para se prepararem para servir no templo, viajando regularmente à cidade da Guatemala, Guatemala. Outros melhoraram sua vida pessoal, para que pudessem ser dignos e estar preparados para adorar e trabalhar com a família no templo de Tegucigalpa.

“O templo já provou ser uma bênção”, acrescentou.

Honduras, com mais de 142.000 membros e três missões, ainda está escrevendo seus primeiros capítulos na história da Igreja. Os primeiros missionários começaram a servir aqui em 1952, pouco tempo depois de o Élder Spencer W. Kimball do Quórum dos Doze Apóstolos, ter feito uma visita apostólica ao país. A primeira estaca em Honduras foi organizada cerca de duas décadas mais tarde, em 1977.

A Igreja continua a crescer em Honduras, mesmo durante os períodos de violenta guerra civil e desastres naturais. Em 1998, o Presidente Gordon B. Hinckley viajou para Honduras para dar conselhos espirituais e cuidar dos membros após a enorme devastação do furacão Mitch. A Igreja também forneceu alimentos e outros tipos de ajuda humanitária após a catástrofe.

O terreno do templo situa-se em um lugar de destaque, no topo de uma colina, e é visível em grande parte da capital. O presidente Enamorado disse que o edifício já se tornou um farol de luz e esperança para muitos que vivem naquela área.