Templo de Atlanta Abre as Portas Depois do Final de Semana de Celebração, Rededicação

  • 3 Maio 2011

O Presidente Thomas S. Monson rededicou o renovado Templo de Atlanta Geórgia no domingo, 1º de maio de 2011.

Destaques de Artigos

  • O Presidente Thomas S. Monson rededicou o renovado Templo de Atlanta Geórgia em duas sessões em 1º de maio de 2011.
  • O templo estava fechado, havia quase dois anos, para passar por uma reforma profunda.
  • Quase 2.700 jovens participaram de uma celebração cultural na noite anterior à rededicação.

“A luz [do templo] de alguma forma diminuiu por quase dois anos (…) [mas] essa luz voltou.” —Presidente Thomas S. Monson

Após um final de semana de celebração cultural e duas sessões de rededicação no domingo pelo Presidente Thomas S. Monson, o Templo de Atlanta Geórgia abriu suas portas em 3 de maio de 2011, para reiniciar o trabalho formal do templo.

Houve muitas expressões de gratidão na celebração cultural de sábado e durante as sessões de rededicação de domingo.

“É muito difícil descrever os sentimentos que você experimenta quando está dentro do templo com um profeta”, disse Paula Watson, que compareceu à sessão de rededicação de domingo de manhã. “Eu estava bem ali com o [Presidente Monson]. É muito tocante. O Espírito é simplesmente arrebatador. Você sente paz. Você sente amor, mas principalmente gratidão pelo templo ter sido rededicado e podermos entrar por suas portas novamente.”

Anne Burns compareceu à rededicação e disse, “Para nossa família significa união para sempre”.

Aqueles que participaram e foram à celebração cultural da noite anterior também comentaram sobre o espírito do evento.

Inicialmente começou com uma luta, disse Tony Parker, presidente da Estaca Atlanta Geórgia, mas ele acrescentou: “Vi uma mudança magnífica quanto à maneira em que [os jovens] abraçaram a oportunidade de representar seu Estado, suas famílias e sua Igreja”.

Uma atmosfera de entusiasmo permeou o Centro Cívico de Atlanta, onde congregações de mais de 150 áreas — 2.700 jovens — reuniram-se para cantar, dançar e mostrar a história e a cultura da Geórgia.

Brooke Wolfgramm conseguiu fazer parte da ação no palco na celebração. “Meu coração estava pegando fogo o tempo inteiro”, disse ela. “Foi simplesmente incrível sentir o Espírito (…) e [saber] que tínhamos anjos nos ajudando.”

Estavam presentes o Presidente Thomas S. Monson, o Élder M. Russell Ballard do Quórum dos Doze Apóstolos, e os Élderes Walter F. González e William R. Walker, ambos do Quórum dos Setenta.

O Presidente Monson disse que os participantes da celebração cultural seriam abençoados pela luz que emanou de cada um deles, “os filhos da luz”.

“O magnífico Templo de Atlanta, nesta bonita parte do país, será rededicado pela manhã”, disse ele. “Ele é, obviamente, a razão desta grande celebração. Embora (…) sua luz tenha sido um pouco ofuscada por quase dois anos, amanhã essa luz irá retornar.”

O Templo de Atlanta Geórgia foi originalmente dedicado em 1º de junho de 1983, pelo Presidente Gordon B. Hinckley (1910–2008), na época, conselheiro na Primeira Presidência. Fechou em 1º de junho de 2009, para reformas profundas, incluindo a substituição completa dos sistemas elétrico, AVAC (aquecimento, ventilação e ar condicionado) e encanamento, bem como a instalação de um sistema de chuveiros automáticos contra incêndios.

Renovações estéticas múltiplas também foram feitas, tais como a colocação de novas obras de arte originais, madeira de lei do Brasil, vitrais e paisagismo.

Mais de 56.000 pessoas visitaram o templo durante as duas semanas de visitação pública antes da rededicação.

O templo serve a mais de 76.000 santos dos últimos dias que vivem na Geórgia e ao seu redor. No mundo, existem 134 templos em funcionamento, além de outros 26 anunciados ou em construção.