Cresce a Presença da Igreja na América do Sul, Relatam os Élderes Oaks e Bednar

  Enviado por Jason Swensen, redator da equipe do Church News

  • 9 November 2012

O Élder Dallin H. Oaks reúne-se com o Arcebispo de Santiago, Chile, Monsenhor Ricardo Ezzati Andrello. Foto cortesia da Missão América do Sul Sul.

Destaques do Artigo

  • Destaques da visita das Autoridades Gerais incluem um exame da Área América do Sul Sul, reuniões de liderança com os missionários e liderança do sacerdócio e devocionais com jovens e jovens adultos solteiros.
  • O Élder Oaks atribuiu aos membros locais a amizade florescente usufruída pela Igreja e muitos líderes cívicos no sul da América do Sul.
  • Em cada reunião de treinamento e devocional, as Autoridades Gerais falaram da importância de alcançar um nível mais elevado do “crescimento real”, por meio do aumento na frequência da reunião sacramental, investiduras e casamentos no templo e jovens servindo missões de tempo integral.

“Saímos da Obscuridade e das Trevas. Essa verdade reflete-se na maneira pela qual os funcionários do governo [Sul Americano] conhecem e reconhecem a Igreja e como os representantes da Igreja são recebidos aonde quer que cheguemos.” — Élder David A. Bednar, do Quórum dos Doze Apóstolos.

A seção de abertura de Doutrina e Convênios contém a profecia de que a Igreja vai sair “da obscuridade e das trevas”. Esse dia pode ter chegado a grande parte da América do Sul.

“Saímos da obscuridade e trevas”, disse o Élder David A. Bednar, do Quórum dos Doze, após seu retorno recente da América do Sul. “Essa verdade reflete-se na maneira pela qual os funcionários do governo [América do Sul] conhecem e reconhecem que a Igreja, e como os representantes da Igreja são recebidos aonde quer que cheguemos”.

O Élder Bednar, acompanhado de um companheiro e Apóstolo mais antigo, o Élder Dallin H. Oaks, em uma visita de 19–28 de outubro à Área América do Sul Sul. Eles se reuniram, em sua designação, com o Élder Donald L. Hallstrom, da Presidência dos Setenta, e suas respectivas esposas, irmã Kristen Oaks, irmã Susan Bednar e irmã Diane Hallstrom. Destaques da visita dos irmãos incluíram um exame da Área América do Sul Sul, reuniões de liderança missionária e do sacerdócio e devocionais para os jovens e jovens adultos solteiros que foram transmitidas pelo Chile, Argentina, Uruguai e Paraguai.

Foram recepcionados, durante sua viagem, pela Presidência da Área — o Élder Mervyn B. Arnold, Élder Jorge F. Zeballos e o Élder Francisco J. Viñas, dos Setenta. As Autoridades Gerais visitantes também tiveram audiências com uma ampla gama de funcionários do governo e religiosos, incluindo-se o Presidente uruguaio, José Mujica, e o Presidente paraguaio, Luis Federico Franco.

“Cada um dos funcionários que conhecemos mostrou grande respeito pela Igreja”, disse o Élder Oaks, cuja programação também incluiu uma visita ao arcebispo de Santiago, Chile, Monsenhor Ricardo Ezzati Andrello. “A maioria estava muito bem informada sobre a Igreja. (…) Fiquei muito feliz com o espírito respeitoso com o qual fomos recebidos”.

O Élder Oaks atribuiu aos membros locais a amizade florescente usufruída pela Igreja e muitos líderes cívicos no sul da América do Sul. “Tivemos uma sucessão de líderes muito bons nas Áreas América do Sul Sul e Chile. Eles construíram um bom alicerce”.

Ele observou também as associações pessoais que muitos líderes do governo tiveram com os membros individualmente. Essas associações positivas atraíram a confiança e respeito — resultando em um “sensível ponto” de acesso para líderes da Igreja visitantes, como o Élder Oaks, o Élder Bednar e o Élder Hallstrom.

Os líderes do governo local, comentou o Élder Bednar, “estão atentos quanto aos nossos valores e os respeitam”.

Os Apóstolos também sorriram, admirados com o número de líderes do governo (incluindo o Presidente paraguaio Franco) que já jogaram basquete com vários membros. O Ministro do Interior uruguaio, Eduardo Bonomi Verala, por exemplo, conheceu o Élder Viñas há anos, durante animadas “batalhas” na quadra de basquete.

O Élder Oaks, Élder Bednar e o Élder Hallstrom também apreciaram o tempo passado com milhares de membros em toda a Área América do Sul Sul.

“Fiquei muito impressionado com a Igreja aprofundando-se por várias gerações nestes países”, disse o Élder Hallstrom. “É comum ver membros da quarta geração”.

Os itinerários das autoridades visitantes incluíram reuniões com mais de 1.800 missionários que servem em quatro países da área. “Apertamos as mãos de todos os missionários que encontramos, e eles pareceram bem”, disse o Élder Oaks. “Era uma impressionante força de missionários da América do Norte e do Sul”.

Cerca de 15.000 pessoas também assistiram a um par de devocionais para os jovens e jovens adultos solteiros, respectivamente. O Élder Oaks presidiu o devocional de jovens adultos solteiros, que foi transmitido para 326 locais em toda a área. O Élder Bednar foi a autoridade presidente no devocional dos jovens, com a presença de jovens de 12 a 18 anos e seus pais, reunidos em 439 locais.

As nações do sul da América do Sul tornaram-se, conforme profetizado, um poder na Igreja. “Mas ainda há muito trabalho a realizar nesses países”, disse o Élder Oaks.

Em cada reunião de treinamento e devocional, as Autoridades Gerais visitantes falaram sobre a importância de alcançar um nível mais elevado do “crescimento real”, por meio de aumento na frequência à reunião sacramental, das investiduras e casamento no templo, como também mais jovens servindo em missões de tempo integral. No devocional dos jovens adultos solteiros, por exemplo, o Élder Oaks enfatizou a importância de se tomar o sacramento todos os domingos.

“É imperativo”, disse ele, “que vocês assistam à reunião sacramental e tomem o sacramento a cada dia do Senhor, para que tenham a promessa de que sempre terão o Espírito com vocês”.

No devocional dos jovens, os rapazes e moças foram convidados a fazer perguntas ao Élder Bednar, Élder Hallstrom e às outras Autoridades Gerais. As Autoridades Gerais responderam a uma vasta gama de questões sobre a preparação missionária e como permanecer dignos em um mundo cada vez mais iníquo.

“Muitas das perguntas tinham a ver com a conversão espiritual, que é uma parte central de nossa mensagem”, disse o Élder Hallstrom. “Ficamos muito impressionados com a profundidade do seu raciocínio”.

As Autoridades Gerais também aconselharam os líderes locais do sacerdócio a que o crescimento real só pode ocorrer na área com o aumento de serviço missionário e retenção. Um núcleo fértil de ex-missionários é necessário para garantir às gerações futuras líderes experientes, disse o Élder Oaks.

Os testemunhos das Autoridades Gerais visitantes foram ouvidos por mais que os membros e líderes cívicos. O Élder Bednar foi apresentado em um programa de televisão de público paraguaio, em que falou sobre a Igreja e sua história e doutrinas centralizadas em Cristo. “Ensinamos o evangelho durante 30 minutos na televisão nacional”, disse ele. “Foi ótimo”.

O Élder Arnold descreveu a visita das Autoridades Gerais e suas respectivas esposas como “inspiradora, edificante e muito informativa”.

“Seu amor, bondade e ensinamento sempre serão lembrados”, disse ele.