Jovens na Apresentação Teatral ao ar livre de Páscoa Prestam Testemunho de Cristo

  Heather Wrigley, Notícias e Acontecimentos da Igreja

  • 10 Maio 2011

Ao pensar mais sobre o Salvador durante a preparação e a exibição da Apresentação Teatral ao ar livre de Páscoa de Mesa, Arizona jovens atores perceberam que seu testemunho a respeito Dele foi fortalecido.

Destaques do Artigo

  • Vários adolescentes estão envolvidos na Apresentação Teatral anual ao ar livre de Páscoa de Mesa, Arizona.
  • Vários membros do elenco compartilharam experiências sobre a apresentação teatral ao ar livre deste ano com as Notícias e Acontecimentos da Igreja.

“Minha experiência com a apresentação teatral ao ar livre de Páscoa realmente me ajudou a obter um testemunho pessoal do Salvador como pessoa. Por ter estudado as escrituras e participado das cenas, pude fazer parte de um relacionamento pessoal com Ele.” —Kayla Partridge, anjo

A Apresentação Teatral ao ar livre de Páscoa de Mesa, Arizona, é a maior apresentação teatral ao ar livre de Páscoa do mundo, atraindo mais de 100.000 pessoas durante duas semanas de apresentações e envolvendo aproximadamente 1.000 pessoas entre elenco e produção. Os jovens que participam da apresentação contando a história da Ressurreição por meio de discursos, música, dança e atuação descobriram que ao voltar seus pensamentos ao Salvador durante a preparação para a apresentação teatral, o coração deles voltou-se para o Salvador também.

“Por meio [da apresentação] nos aproximamos de Cristo”, disse Don Evans, presidente da apresentação teatral ao ar livre de Páscoa de Mesa. “Ela muda a vida não só das pessoas na plateia, mas também dos próprios participantes.”

Tyler Pace, que tem 21 anos agora e que foi um centurião na apresentação teatral deste ano, já desempenhou vários papéis ao longo dos anos, inclusive o de Jesus adolescente. A apresentação teatral ao ar livre trouxe-lhe uma compreensão maior das coisas pelas quais o Salvador passou, disse ele.

“Ganhei um testemunho maior de Jesus Cristo”, disse ele. “Mas essa foi a única vez em que me senti como se estivesse vivendo a vida Dele. (…) É algo de que eu nunca vou me esquecer.”

Lee e Carol Pace, os pais de Tyler, e sua família emprestam ovelhas para a apresentação todos os anos, inclusive um cordeiro branco para a cena do sacrifício. A família começou a participar da apresentação há treze anos, quando os sete filhos eram todos jovens.

O filho deles, Michael, disse que todos os anos em que participa, a apresentação traz-lhe um “maravilhoso sentimento de paz e de calma”. Sinto que “minha vida está mais em conformidade com os ensinamentos do Salvador”, disse ele.

Teen Armando Diaz, que não é membro da Igreja, fez o papel de um dos pastores nas apresentações deste ano. “Não importa qual é a sua religião, o sentimento é de que estamos reunidos como se fizéssemos parte de uma só”, disse ele.

A filha de Nick e Debra Parker, Meigan, fez o papel de uma criança da multidão que se senta no colo de Jesus e lhe dá um beijo no rosto. Ela disse que estava animada por fazer parte da apresentação.

Sua mãe também considera a apresentação uma experiência valiosa. “Quando nossos filhos mais velhos eram mais novos, tive a impressão que a Páscoa estava tornando-se tão comercializada quanto o Natal”, disse a irmã Parker. “Fiquei-me perguntando como poderia ajudar meus filhos a sentir mais o verdadeiro significado da Páscoa.”

Então eles começaram a participar da apresentação; 2011 marca o sétimo ano de participação.

Michelle Laparra, uma jovem que fez o papel de uma pessoa na multidão, lembra-se de estar na apresentação com doze anos de idade.

“A apresentação de Páscoa é boa parte do motivo de eu estar mais próxima ao Pai Celestial e sentir-me mais perto de Jesus Cristo”, disse ela. “Na última cena nós saímos e cantamos ‘Eu sei que Ele vive’. Orei e senti com certeza que Cristo vive; testifiquei disso a todos na plateia e sabia que era verdade.

Outra participante da apresentação, Kayla Partridge, fez o papel de um anjo este ano. Ela afirma que seu testemunho foi fortalecido ao participar da apresentação com sua família.

“Minha experiência com a apresentação teatral ao ar livre de Páscoa realmente me ajudou a obter um testemunho pessoal do Salvador como pessoa”, afirma. “Por ter estudado as escrituras e participado das cenas, sinto que tenho um relacionamento mais pessoal com Ele.”