Parte 5: Ensinar o Evangelho de Jesus Cristo

Contribuição de Carol F. McConkie, da presidência geral das Moças

  • 9 Agosto 2016

A reunião da presidência de classe é uma oportunidade para ensinar o evangelho à medida que cada membro da presidência de classe das Moças trabalha para cumprir suas responsabilidades de modo eficaz.

Destaques de Artigos

  • O ensino efetivo é a própria essência da liderança na Igreja.
  • As presidências de classe têm muitas oportunidades de ensinar o evangelho.
  • Uma líder da presidência de classe pode “[inflamar] o coração com a devoção à verdade”.

“À medida que as jovens servindo nas presidências de classe buscam o Espírito e se mantêm atentas aos sussurros que vêm à sua mente e a seu coração, elas têm a coragem de falar destemidamente, ensinar e testificar umas às outras, aos amigos e a seus familiares.” — Carol F. McConkie, da Presidência Geral das Moças

Este artigo é o quinto de uma série sobre as presidências de classe das Moças.

A reunião da presidência de classe é uma oportunidade de preparar cada membro das presidências de classe das Moças para aplicar o princípio de liderança “Ensinar o Evangelho”.

Há alguns anos, o Presidente Gordon B. Hinckley instruiu os líderes gerais da Igreja, dizendo: “O ensino efetivo é a própria essência da liderança da Igreja” (“How to Be a Teacher When Your Role as Leader Requires You to Teach” [Como Ser um Professor Quando Seu Papel de Líder Requer que Você Ensine], Reunião da Junta de Autoridades Gerais do Sacerdócio, 5 de fevereiro de 1969).

No capítulo 3 do Manual 2: Administração da Igreja, aprendemos que todos os líderes são professores porque são chamados para ajudar outros a fortalecer seu testemunho do Pai Celestial e Jesus Cristo e a viver de acordo com os princípios do evangelho. O Presidente Thomas S. Monson ensinou: “Os líderes mais influentes geralmente são aqueles que nos inflamam o coração com a devoção à verdade, (…) que transformam um acontecimento comum em uma visão do tipo de pessoa que desejamos ser” (“Exemplos de Retidão”, A Liahona, maio de 2008, p. 67).

As líderes das Moças podem ajudar as jovens que servem nas presidências de classe a entender que, como líderes, elas têm muitas oportunidades de ensinar o evangelho, tanto em situações formais quanto informais. Informalmente, “os jovens ensinam uns aos outros o tempo todo — contam experiências, ajudam um amigo a entender um princípio do evangelho ou dão exemplo por meio de suas ações” (Ensinar à Maneira do Salvador, p. 28).

Uma pergunta comum feita à Presidência Geral das Moças é: Com que frequência as moças devem ensinar as aulas no domingo?” Somos guiadas pela instrução que se encontra no Manual 2, 10.6.2. “As moças podem dar a aula de tempos em tempos. Quando uma moça der a aula, um membro da presidência das Moças ou uma consultora a ajuda a preparar-se.” Não importa onde ou quando as moças ensinam, todo momento de ensino é uma oportunidade de elevar, inspirar e fortalecer outros.

As lições de liderança para as presidências de classe que enfatizam o “Ensino do Evangelho” as ajudarão a aplicar os quatro princípios de ensino a seguir, para que elas estejam mais preparadas para influenciar outros para o bem, pelo exemplo e em diferentes situações de ensino.

Ame as pessoas a quem você ensina

À medida que os membros da presidência de classe buscarem o Espírito, elas receberão orientação divina para saber o que o Senhor gostaria que fizessem para demonstrar amor cristão sincero, o tipo de amor que enternecerá o coração de todas as jovens e preparará sua mente para receber a palavra do Senhor. Talvez elas cumprimentem pessoalmente todas as jovens que entrarem na sala, demonstrem preocupação sincera por aquelas que estão com dificuldades e ajudem a todas a sorrir e a se sentir bem-vindas. Elas podem ajudar aquelas que não estão frequentando enviando-lhes uma mensagem de texto, telefonando para elas ou as visitando. Por meio de seu empenho, a classe das Moças pode se tornar um lugar seguro e sagrado onde o ensino e o aprendizado são ministrados pelo Espírito.

Ensinar e testificar pelo Espírito

“Ensinar e testificar pelo Espírito requer que vivamos dignamente, que oremos com fervor e aprendamos a reconhecer e seguir corajosamente a orientação do Espírito” (ver D&C 43:15–16 e “Ensinar o Evangelho”, Lições de Liderança para as Presidências de Classe das Moças). À medida que as jovens que estão servindo nas presidências de classe buscam o Espírito e se mantêm atentas aos sussurros que vêm à sua mente e a seu coração, elas têm a coragem de falar destemidamente, ensinar e testificar umas às outras, aos amigos e a seus familiares.

Testemunhei uma presidente da classe das Lauréis levantar-se e prestar testemunho do poder das escrituras. Ela compartilhou que sua família estava passando por dificuldades extremamente difíceis. Ela queria fazer algo que pudesse fortalecê-la para prosseguir com fé. Ao orar, ela se sentiu inspirada a ler as escrituras diariamente e, por isso, fez um compromisso pessoal de seguir a inspiração. Desde janeiro, ela não falhou um dia. Ela prestou testemunho do poder celestial que descobriu nas escrituras. Pelo Espírito, ela pode sentir o poder da Expiação de Jesus Cristo agindo em sua vida. Ela pode sentir o amor do Pai Celestial por ela e por sua família. Ler diariamente a fortaleceu espiritual e emocionalmente. Essa jovem falou pelo Espírito e com uma convicção tão profunda que inspirou e incentivou todas as moças a buscar as bênçãos do estudo das escrituras.

Ensinar a doutrina a partir das escrituras

As líderes ajudam as presidências de classe a confiar na virtude da palavra de Deus e em seu efeito poderoso no coração e na mente (ver Alma 31:5). Elas ensinam a partir dos materiais autorizados, das escrituras, dos ensinamentos dos profetas modernos e de outros recursos aprovados pela Igreja. Elas não diluem a doutrina de Cristo com as filosofias dos homens (ver Colossenses 2:8). Elas não se esquivam das perguntas difíceis, mas banqueteiam-se nas palavras de Cristo em seu estudo pessoal. Elas entesouram as palavras dos profetas e estão preparadas para falar quando sentem a inspiração ou são chamadas a fazê-lo.

Quando uma presidente de classe ou uma conselheira compartilha o que uma escritura ou discurso de conferência significa para ela pessoalmente, suas palavras têm grande relevância e influência na mente de suas amigas. Pelo Espírito, suas palavras podem elevar e inspirar outras e incentivá-las a voltarem-se para a fonte da verdade, para sentir o Espírito e encontrar repostas para suas perguntas e a ter um sentimento de união e amor pelo Senhor e umas pelas outras.

Convidar os membros da classe ao aprendizado diligente

As presidências de classe inspiram todos os membros da classe a participar do aprendizado. Elas levam as escrituras para a classe, leem e compartilham seus versículos favoritos. Participam dos debates e compartilham suas citações favoritas dos discursos de conferência ou experiências que edificam o testemunho. Um membro da presidência de classe pode iniciar a primeira parte da aula, compartilhando como aplicou um princípio do evangelho em sua vida. No final da aula, a presidente da classe pode conduzir a seção “viver o que aprendemos” e aconselhar-se com a classe sobre o que elas farão ou o que cada jovem gostaria de fazer para aplicar um princípio do evangelho ou padrão relacionado ao que aprenderam ou sentiram na aula. As líderes dão às presidentes de classe tempo suficiente durante uma aula para que possam incentivar as outras jovens a agir.

Quando as líderes das Moças ajudam uma jovem que está servindo na presidência de classe a estar preparada, ela tem a capacidade de cumprir as palavras proféticas do Presidente Monson. Ela pode ser a líder que “[inflamará] o coração com a devoção à verdade”. Ela será a serva chamada por Deus que ajudará outra jovem a se tornar a pessoa que deseja ser.