Primeiro Seminário Multi-estacas de Preparação Missionária em Portugal

  Joaquim Moreira, Setenta de Área

  • 5 Agosto 2013

O Presidente e a irmã Teixeira com o outros líderes e jovens que participaram no seminário de Preparação Missionária.

A presidência da Área da Europa pediu aos líderes do sacerdócio para que todos os rapazes e moças completassem, antes do serviço missionário, o curso do Instituto de Preparação Missionária. Com este propósito, foi realizado na estaca de Setúbal nos dias 19, 20 e 21 de Julho de 2013, o primeiro seminário multi-estacas de Preparação Missionária.

Este seminário é baseado no Curso de Religião 130 dos Seminários e Institutos, e os participantes receberão créditos de Instituto após completarem o curso.

O propósito deste seminário é o de assistir os líderes do sacerdócio a ajudar os jovens, potenciais futuros missionários, a prepararem-se para servir o Senhor como missionários de tempo integral.

O número de jovens que participou nesta actividade foi de 42 e a cada um deles foi dada a oportunidade de desenvolver habilidades, doutrinas e princípios do trabalho missionário. Eles tiveram experiências que os ajudaram a descobrir o seu potencial missionário através do estudo do planeamento, ensinar com um companheiro e a prepararem-se para uma significativa experiência missionária no CTM, podendo assim sentir algumas das alegrias do trabalho na vinha do Senhor.

Para levar a efeito esta actividade foram convidados os seguintes participantes: José A. Teixeira da Silva, presidente da Área de Europa e a sua esposa, Filomena Teixeira; Joaquim Moreira, Diretor Regional dos Seminários & Institutos e Setenta de Área; Francisco Xavier Dias, Coordenador dos Seminários & Institutos; José de Castro, Coordenador dos Seminários & Institutos; José Quinteiro, 1º Conselheiro da presidência da estaca de Oeiras; Amaro Graça, presidente da estaca de Setúbal; Joana Dias, Instrutora do CTM de Madrid e Júnior Dias, Instrutor do CTM de Madrid.

O presidente José A. Teixeira da Silva ensinou como desenvolver o desejo do nosso coração em relação ao trabalho missionário. A importância das metas na missão. Viver segundo os padrões para conhecer melhor o Salvador. Estar dispostos a fazer sacrifícios. Aconselhou os jovens a serem missionários de milagres, através da avaliação entre o esforço, dedicação e da quantidade de trabalho, da diligência e obediência. Falou também sobre a expectativa e os resultados de um missionário e como um missionário deve saber gerir e medir estes esforços na missão.

A irmã Filomena Teixeira ensinou sobre a importância do estudo do Pregar o meu evangelho e as escrituras. Ligarmo-nos ao Pai Celestial pelas ordenanças. Como falar e a conversar uns com os outros. No estudo do Pregar meu evangelho identificar os nuncas e sempre. Como vencer o desânimo na missão estudando Alma 26:26-30, o exemplo de Amon.  

Todos os outros participantes ensinaram sobre os fundamentos do Pregar o meu evangelho e do manual do Instituto de Preparação Missionária, curso de religião 130.

Seguem alguns testemunhos dos participantes do curso:

Miguel Ribeiro, presidente da estaca de Oeiras: “Gostaria de agradecer, em meu nome e em nome da presidência da estaca de Oeiras, a excelente oportunidade que os nossos jovens tiveram no passado fim-de-semana. Ontem e hoje tive o prazer de ouvir e ler alguns dos testemunhos destes jovens, que muito me impressionaram. A minha própria filha surpreendeu-me ao relatar a sua experiência na noite familiar de ontem. A minha gratidão pelo exemplo e esforço dedicado.”

Danilson C., estaca de Oeiras: “Primeiro de tudo queria agradecer-vos por essa grande oportunidade que tivemos para estar nesse mini CTM. Foi uma bênção fazer parte de algo que nunca antes tinha sido realizado em todo o país. Estou realmente muito grato ao Senhor por tudo. Aprendi tanta coisa boa que ainda estou a tentar organizar tudo na minha vida. Tentei estar o mais concentrado possível, nesses 3 dias para poder sair mais edificado e assim foi. Eu amo a minha família, mas infelizmente não são membros e aqui em casa ninguém apoia e gosta da ideia de eu servir uma missão. Por vezes criticam e tentam fazer-me desistir. Passei momentos em que me encontrava muito triste e sentia-me sozinho mas procurei refúgio no Senhor. Os últimos tempos têm sido muito difíceis, mas a vida é feita de desafios e certamente não sou o primeiro que passou por isso e nem serei o último. O evangelho é o plano de felicidade que o Senhor nos deu aqui na terra. Sou muito feliz por ter conhecido o evangelho e hoje sinto uma grande necessidade de o partilhar com as outras pessoas. Ir para missão é a melhor coisa que podia fazer. Hoje sei, sem sombra de dúvidas, que fiz a escolha que o Senhor queria que eu fizesse, não pensaria nem duas vezes em ir para missão já amanhã. Sou uma pessoa melhor por ter passado esses três dias no CTM. Agradeço a todos por essa oportunidade.”

Daniela Benjamim, estaca de Oeiras: “É com enorme prazer que escrevo sobre a actividade. Estes três dias foram espectaculares, o meu desejo de ir para a missão aumentou imenso, estou com uma vontade enorme de sair como missionária e pregar o evangelho, dar às pessoas a mesma felicidade que eu tenho por ter a Igreja na minha vida, dar-lhes a oportunidade de um dia voltarem para casa, para junto do Pai Celestial juntamente com as suas famílias para sempre.

Durante o mini CTM fiquei com um desejo gigante, como se estivesse com sede, de estudar o manual Pregar o meu evangelho bem como de fazer metas (algumas simples como a hora máxima para me deitar e a hora de me levantar, tal como os missionários também têm horário de dormir), para assim crescer mais espiritualmente, tornar-me numa pessoa melhor e também para quando for uma missionária, chegar o mais próximo possível de ser uma missionária da zona de milagres.

Fiquei super entusiasmada quando soube que alguns dos oradores são professores do CTM; ter pessoas que ensinam missionários a falar para nós, a ensinar-nos e a dar-nos dicas para sermos excelentes missionários é uma oportunidade única, super entusiasmante e motivadora. Também gostei de todos os outros oradores pois são grandes homens que captam toda a nossa atenção quando falam e sente-se o Espírito, sendo isso factores importantes no nosso aprendizado e interesse. A maioria das vezes nem dava conta que já estava sentada durante muito tempo, porque estava a gostar e a prestar atenção, o tempo parecia que era cortado ou que voava!

Adorei ter uma companheira e fazer tudo como se fosse uma verdadeira missionária! A minha companheira era excelente, tinha um desejo enorme de servir uma missão, estando esse desejo perto de se realizar. Fizemos tudo direitinho, levamos o mini CTM a sério, nada de TV, deitamo-nos a horas e o estudo pessoal e com a companheira para mim foram uma das melhores partes, é bom poder falar com pessoas com os mesmos padrões e objectivos que nós, fazíamos orações antes de sair, de dormir, de estudar, etc. O nosso nível espiritual como dupla foi muito alto. Várias vezes durante a actividade senti-me como se estivesse realmente na missão, foi uma sensação muito boa, os três dias foram uma oportunidade excelente para mim. Não sei outras maneiras de agradecer a não ser dizer muito obrigado a vocês todos que se disponibilizaram e sacrificaram para a concretização desta actividade, do fundo do meu coração, estou extremamente grata! Mais uma vez, muito obrigada!”

Elder Joaquim Moreira, Setenta de Área: Foi sem dúvida uma actividade muito motivadora e espiritual. Deu a oportunidade de desenvolver a semente do trabalho missionário no coração de cada jovem que participou no curso.