Irmã Marriott: Acampamento das Moças Fortalece a Fé e as Amizades

Contribuição: Irmã Neill F. Marriott, segunda conselheira na presidência geral das Moças.

  • 22 Julho 2014

Os acampamentos das Moças podem ser diferentes pelo mundo, mas com atividades e devocionais, as moças de todos os lugares desenvolvem fé e amizades, e assim retornam aos seus lares fortalecidas pela união que sentiram.

“O acampamento pode oferecer um ambiente calmo para as jovens, uma nova localidade, uma perspectiva diferente e uma compreensão mais profunda dos sentimentos de outras pessoas à medida que o Espírito abre seus corações.” — Irmã Neill F. Marriott da presidência geral das Moças

Neste verão, milhares de jovens SUD vão aos acampamentos para caminharem e se desconectam de seus celulares, computadores e conexões digitais. Elas estão descobrindo que se desconectar do mundo e se reconectar com a natureza é algo que nos aproxima do Criador.

O acampamento das Moças, normalmente com duração de três ou quatro dias ao ano, exerce uma função poderosa ao permitir que as moças sintam a beleza das criações do Senhor e as verdades do Seu evangelho. Testemunhos são compartilhados ao redor das fogueiras, durante percursos feitos com carrinhos de mão ou em caminhadas.

Uma laurel do Colorado, Melaine S., disse: “Eu sinto uma grande paz quando estou no acampamento das moças, talvez por estar distante das distrações de minha vida cotidiana e do meu celular! Comecei a sentir a verdade de que o Senhor criou este belo mundo para nós. É mais fácil sentir-se próxima a Ele e receber influência espiritual quando estou rodeada de Suas criações puras. Por exemplo, lembro de observar as árvores com mais cuidado e as associo a mim, pensando sobre o Senhor e o plano do Pai Celestial para o nosso crescimento. O acampamento me ajudou a registrar meus sentimentos no diário e a ser mais grata a Ele.”

Tais sentimentos de união com o Salvador podem surgir quando as moças deixam para trás as vozes do mundo que as chamam constantemente, entram na tranquilidade da natureza e permitem que o Espírito Santo sussurre para seu coração. O mesmo pode acontecer com pessoas de todas as idades, se nos esforçarmos para achar um lugar tranquilo que deixe nosso coração focado em Jesus Cristo e em Sua mensagem para nós. “O acampamento pode oferecer um ambiente calmo para os jovens, uma nova localidade, uma perspectiva diferente e uma compreensão mais profunda dos sentimentos dos outros à medida que o Espírito abre seus corações.”

Irmã Neill F. Marriott, segunda conselheira na presidência geral das Moças.

Os acampamentos das Moças podem ser diferentes pelo mundo. No Peru, as moças podem montar suas barracas em um campo aberto. com atividades e devocionais, as moças desenvolvem fé e amizades, e assim retornam aos seus lares fortalecidas pela união que sentiram.

Em Anchorage no Alasca, 900 moças, de todas as áreas do estado, reuniram-se para um acampamento em uma bela região do estado em junho deste ano. Líderes separados por milhares de quilômetros “reuniram-se” algumas vezes durante o ano por meio de conferência telefônica, e 21 comitês espalhados pelo estado realizaram possivelmente o maior acampamento de moças já registrado. Com o tema “Tornar-se Um”, os líderes e as moças organizaram dezenas de estações para que todas as 900 jovens pudessem aprender e viver as verdades do evangelho — assim como fazer projetos de serviço, participar de desafios culinários e artesanato. Durante o ano, as moças do Alasca se prepararam espiritualmente para seu acampamento por meio da leitura do Livro de Mórmon e da memorização de “O Cristo Vivo: O Testemunho dos Apóstolos”. Força, união e fé fluíam por um grande auditório enquanto elas ficavam de pé e recitavam esse documento inspirado.

Um acampamento em Utah foi interrompido por uma grande nevasca que veio de surpresa durante a noite. As barracas balançaram e se desmontaram e com as temperaturas abaixo de zero, os líderes tiveram que levar as jovens de volta a seus lares. Embora não estivessem rodeados das belezas naturais, as moças e seus líderes se reuniram na manhã seguinte para continuar o “acampamento” na sede da estaca. Após uma trilha em um desfiladeiro, elas foram conduzidas a chalés próximos à rota para ficar hospedadas naquela noite e em seguida voltaram ao local original do acampamento. As moças disseram que a sua experiência com o acampamento foi como estar em um “acampamento circense itinerante” e ainda assim testificaram que aquele foi o melhor acampamento que já tiveram. Elas falaram que puderam entender o quanto precisavam confiar umas nas outras e nos conselhos dos líderes. Elas aprenderam que ao trabalhar juntas, venceriam grandes adversidades. Essas moças dividiram as tarefas, foram flexíveis, riram e aprenderam que o Espírito Santo pode ensinar e edificar mesmo quando há interferências que modificam os planejamentos mais elaborados.

No Hino “Grandioso És Tú”, entoamos nossas vozes para falar das maravilhas criadas por Deus e concluímos com a declaração “Senhor, grandioso és tú”. Os acampamentos para as moças podem ser feitos em vários lugares e em todos os níveis, da simplicidade à complexidade; porém o mais importante é a natureza espiritual desses agrupamentos.

Apesar de ficar em um lugar sereno, tranquilo e remoto parecer ser a situação ideal, o Senhor pode é irá andar ao lado das moças em qualquer situação possível para um acampamento. As moças de todo o mundo sentem tais bênçãos, mesmo que as “clareiras das florestas” não estejam disponíveis.