Vocês Têm um Nobre Legado

First Counselor in the Young Women General Presidency


Julie B. Beck
Vocês podem aprender mais sobre a sua vida e sua missão na Terra preparando-se para receber sua bênção patriarcal e depois estudando-a sempre.

No ano passado, vi a luz de Deus brilhando no rosto de vocês, moças, em grandes devocionais realizados desde o Brasil até a República Dominicana. Vi vocês puxando carrinhos de mão em trilhas de pioneiros. Vi sua luz ao cantarem e se divertirem em seus acampamentos. Vi essa luz de Deus brilhando no rosto de moças no batistério de templos, desde o México até Utah. Sua luz fez uma grande diferença para mim e para muitas outras pessoas. Vocês têm luz porque são literalmente filhas espirituais de Deus, “[filhas geradas] por pais celestiais” 1 com uma natureza divina e um destino eterno. 2 Vocês receberam suas primeiras lições de seus pais celestiais no mundo espiritual. 3 Foram enviadas à Terra para serem “provadas”. 4

Vocês estão em uma época da vida na qual tomam algumas das suas mais importantes decisões. Vocês estão sendo bombardeadas por tantas mensagens incorretas sobre quem vocês são, que precisam de orientação extra. Vocês podem aprender mais sobre a sua vida e sua missão na Terra, e sobre a luz que existe em vocês, preparando-se para receber sua bênção patriarcal e depois estudando-a sempre.

Nunca é cedo demais para começarem a aprender sobre bênçãos patriarcais. 5 Sou grata por ter recebido a minha antes de ter sido muito influenciada pelas mensagens confusas e incorretas do mundo. Saí daquela experiência com a segurança reconfortante de que o Senhor me ama e me conhece e, daquele dia em diante, comecei a pensar mais na eternidade do que na popularidade.

Esta é a ocasião para as moças se prepararem e receberem sua bênção patriarcal. Seu bispo e seus pais podem ajudá-la a decidir sobre qual é o melhor momento para você, porque a idade e a preparação variam de pessoa para pessoa. 6 Quando você compreender o significado e o propósito da bênção patriarcal e tiver um desejo sincero de fazer o trabalho do Senhor, estará madura o bastante para recebê-la. 7 Às vezes as pessoas esperam mais tempo do que o necessário para recebê-la, imaginando que precisam qualificar-se de alguma forma especial. Se você se qualifica para receber uma recomendação para fazer batismos no templo, então você deve estar pronta para receber a bênção patriarcal. É importante preparar-se com jejum e oração para que o seu espírito seja humilde e ensinável. A sua preparação pessoal é muito importante.

Ao receber a sua bênção, você terá um vislumbre da eternidade. Você começará a enxergar o que está à frente porque a sua bênção fará referência à sua jornada eterna e ao seu propósito. O patriarca não sabe o conteúdo de sua bênção antes de dá-la. Ele depende do Espírito conferir-lhe o que dizer. A bênção fala de sua ancestralidade na casa de Israel. Essa é a sua linhagem familiar, que às vezes é chamada de tribo. Todas as tribos têm seu início no grande patriarca Abraão. A sua linhagem é importante, pois significa que você tem direito às promessas dadas a Abraão de que por meio dele todas as nações da Terra seriam abençoadas. 8

A sua linhagem é uma “relação de consangüinidade”. 9 Isso as torna literalmente “filhas dos profetas” 10 e de nobre nascimento. É por isso que dizemos sempre que vocês são “jovens de nobre estirpe” 11 e que pertencem a uma geração real e escolhida. 12

Uma amiga me disse: Quando entrei para a Igreja, aos 16 anos, comecei a aprender sobre a minha identidade. Recebi minha bênção patriarcal a qual me dizia que eu era da casa de Israel. Na ocasião, eu não sabia o que isso queria dizer, mas com o passar do tempo aprendi que tenho o grande privilégio de ser descendente direta de profetas. Tenho uma herança preciosa e as melhores oportunidades.

Como Abraão, procure obter a bênção, para que possa ter maior conhecimento e receber instruções do Senhor. 13 Ao recebê-la, você descobrirá que o Senhor a conhece pelo nome. No início da Igreja, muitas pessoas desejavam que Joseph Smith inquirisse a Deus para que lhes desse orientação na vida. Algumas dessas revelações são agora parte de Doutrina e Convênios. Como os santos daquela época faziam, você pode considerar a sua bênção patriarcal como uma “escritura pessoal”. 14 Você deve considerá-la sagrada e mantê-la restrita à sua própria família imediata. 15

O patriarca pode prever o desenvolvimento e as condições da sua vida e pode dar-lhe uma bênção relacionada a elas. Certa vez, uma moça me disse: “Havia coisas sobre mim na minha bênção, que nem meus pais sabiam”. O Presidente James E. Faust disse que cada bênção patriarcal é uma “revelação pessoal e inspirada vinda de Deus”. Cada uma é “uma estrela a se seguir, (…) uma âncora para nossas almas”. Ela revela nossas habilidades e potencial. 16

O Presidente Packer disse que nossa bênção é um “[parágrafo] do livro de [nossas] possibilidades”. 17 O Presidente Monson chamou nossa bênção de “uma Liahona de luz”. 18

Visto que o objetivo da bênção patriarcal não é predizer todas as coisas que acontecerão na vida de quem a recebe, devemos buscar e seguir a orientação do Espírito Santo para obter melhor entendimento do curso de nossa vida. Os ensinamentos do evangelho guiam-nos sempre para uma plena compreensão de nosso destino e privilégios. Por exemplo, as bênçãos patriarcais podem não mencionar que a pessoa se casará ou terá filhos, mas somos ensinados no evangelho a casar-nos no templo e constituir famílias. Podemos seguir esses ensinamentos do evangelho por nossa conta, sem necessidade de uma orientação pessoal específica.

Quando eu estava no curso médio, uma consultora viu as notas de meus testes e me disse que eu não me sairia bem na faculdade. Mas depois de estudar fervorosamente minha bênção patriarcal, senti que não devia abandonar minha meta de vida. E assim, por ter a visão do plano que o Senhor tinha para mim, consegui seguir adiante com confiança e esperança. Descobri que teria sucesso e conquistei um diploma universitário. Quando sabemos quem somos e o que se espera que façamos é mais fácil tomar decisões importantes sobre os estudos, a carreira e o casamento. É mais fácil fazer nossa luz brilhar em nossa família, entre os amigos e em todos os outros lugares.

O Salvador disse: “Em verdade, em verdade vos digo que eu vos concedo serdes a luz deste povo. Não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte.

Eis que acendem os homens uma candeia e colocam-na debaixo de um alqueire? Não, colocam-na em um velador e ela dá luz a todos os que estão na casa.

Portanto fazei brilhar vossa luz diante deste povo de tal forma que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está no céu”. 19

Quando você sabe quem você é e o que deve fazer de sua vida, você não procura esconder a sua luz.

Por exemplo: Vocês não vão querer “esconder sua luz” vestindo roupas que diminuam seu potencial real. Não vão querer usar linguagem imprópria ou macular seu corpo com tatuagens ou outros procedimentos indignos para uma filha de legado real. Não diminuirão seu legado ingerindo qualquer substância que seja prejudicial ou que cause dependência. Tampouco verão coisas ou participarão de condutas imorais que rebaixem sua nobre estatura. Procurarão tudo que for “digno, virtuoso e amável, de boa fama ou louvável” 20 porque sabem que são de nobre linhagem.

Vocês são as preciosas filhas da promissão. Se guardarem os estatutos e mandamentos do Senhor e derem ouvidos à Sua voz, Ele prometeu que as exaltará sobre todas as nações para louvor, para fama e para glória. 21 Sua bênção patriarcal deve inspirá-las a fazer mudanças em sua vida quando forem necessárias. Ela contém promessas que vocês podem receber só por meio de sua fidelidade. Se não forem fiéis, não poderão contar com o cumprimento de suas bênçãos.

Às vezes, as moças acham que por terem cometido erros não são dignas de receber uma bênção patriarcal ou se desqualificaram para a bênção que já receberam. Lembrem-se de que o ensinamento fundamental do Senhor Jesus Cristo é fé Nele e em Seu poder de expiar nossos pecados. “Satanás quer que vocês pensem que não podem arrepender-se, mas isso absolutamente não é verdade!” 22 Quando tomamos o sacramento a cada semana, assumimos o compromisso de melhorar nossa vida. Sempre devemos procurar nos tornar uma nova pessoa mais semelhante a nosso Salvador Jesus Cristo. O Apóstolo Paulo chama isso de “[caminhar] em novidade de vida”. 23 Se você tiver cometido erros graves que possam desqualificá-la em sua nobre estirpe, leve suas lágrimas de tristeza ao bispo. Ele é seu amigo no processo de arrependimento e foi designado juiz aqui na Terra em lugar do Salvador, que é o Juiz Eterno. O arrependimento é como um apagador gigante que pode apagar até a tinta permanente! 24 Não é fácil, mas é possível. O Senhor disse: “Eis que aquele que se arrependeu de seus pecados é perdoado e eu, o Senhor, deles não mais me lembro.” 25

Moças, sua bênção patriarcal vai ajudá-las a saber que vocês têm um nobre legado. Ao amadurecerem, vocês verão as profecias da bênção acontecerem em sua vida. O Senhor tem coisas importantes e estimulantes para vocês fazerem. Agora é a hora de vocês se erguerem e brilharem,“para que [sua] luz seja um estandarte para as nações”. 26 “Portanto fazei brilhar vossa luz diante deste povo de tal forma que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está no céu”. 27 Em nome de Jesus Cristo. Amém.

Exibir Referências

  1.  

    1. Bruce R. McConkie, Mormon Doctrine, 2ª edição (1966), p. 589.

  2.  

    2. Ver “A Família: Proclamação ao Mundo”, A Liahona, outubro de 2004, p. 49.

  3.  

    3. Ver D&C 138:56.

  4.  

    4. Ver Abraão 3:25; Guia para Estudo das Escrituras, “Eleição”, p. 65.

  5.  

    5. Ver “Teaching Children about Patriarchal Blessings.” Ensign, outubro de 1987, p. 54. O Presidente Spencer W. Kimball ensinou: “Vocês preparam seus filhos para [sua bênção patriarcal], ou deixam que o momento chegue e simplesmente aconteça? (…) Penso que toda mãe deveria falar sobre a bênção patriarcal a seus filhos quando ainda são bem pequenos, para que estejam preparados para recebê-la” (Conference Report, Manchester England Area Conference, junho de 1976, p. 23).

  6.  

    6. Ver Ezra Taft Benson, Sermons and Writings of President Ezra Taft Benson (2003), p. 149.

  7.  

    7. Ver Ensign, outubro de 1987, p. 55.

  8.  

    8. Ver Gênesis 26:4; Abraão 2:9.

  9.  

    9. Ver Joseph Fielding Smith, Doutrinas de Salvação, comp. Bruce R. McConkie, 3 vols, (1954–1956), volume 3, p. 290.

  10.  

    10. 3 Néfi 20:25.

  11.  

    11. “Constantes Qual Firmes Montanhas”, Hinos, nº 184.

  12.  

    12. I Pedro 2:9.

  13.  

    13. Ver Abraão 1:2–3

  14.  

    14.  Sermons and Writings of President Ezra Taft Benson, p. 149.

  15.  

    15. Ver “Sempre Fiéis — Tópicos do Evangelho” (2004), pp. 30 a 32.

  16.  

    16. Conference Report, outubro de 1995, pp. 81–82; ou Ensign, novembro de 1995, p. 63.

  17.  

    17. “O Patriarca da Estaca”, A Liahona, novembro de 2002, p. 42.

  18.  

    18. Conference Report, outubro de 1986, p. 83; ou Ensign, novembro de 1986, p. 67.

  19.  

    19. 3 Néfi 12:14–16.

  20.  

    20. Ver a 13ª Regra de Fé.

  21.  

    21. Ver Deuteronômio 26:17–19.

  22.  

    22.  Para o Vigor da Juventude, (2001), p. 30.

  23.  

    23. Romanos 6:4.

  24.  

    24. Ver Sempre Fiéis — Tópicos do Evangelho”, pp. 132–134.

  25.  

    25. D&C 58:42.

  26.  

    26. D&C 115:5.

  27.  

    27. 3 Néfi 12:16.