Mensagem das Professoras Visitantes

Buscar e Receber Revelação Pessoal

Imprimir Compartilhar

    Ensine estas escrituras e citações ou, se necessário, outro princípio que abençoe as irmãs que você vai visitar. Preste testemunho da doutrina. Peça à pessoa que você visita que compartilhe o que sentiu e aprendeu.

    Como Posso Buscar Revelação Pessoal?

    “Nós nos preparamos para receber revelação pessoal da mesma maneira que os profetas: estudando as escrituras, jejuando, orando e fortalecendo a nossa fé. A fé é a chave. Recordem a preparação de Joseph para a Primeira Visão:

    ‘E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus. (…)

    Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando.’”1

    Élder Robert D. Hales, do Quórum dos Doze Apóstolos

    “A oração é a sua chave pessoal do céu. A fechadura fica do seu lado do véu.

    Mas isso não é tudo. Para aqueles que acham que a revelação vai fluir sem nenhum esforço, o Senhor disse:

    ‘Eis que não compreendeste; supuseste que eu o concederia a ti, quando nada fizeste a não ser pedir-me.

    Mas eis que eu te digo que deves estudá-lo bem em tua mente; depois me deves perguntar se está certo e, se estiver certo, farei arder dentro de ti o teu peito; portanto sentirás que está certo.’”2

    Presidente Boyd K. Packer, Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos.

    Como Posso Receber Revelação Pessoal?

    “Em sua forma mais conhecida, a revelação ou inspiração vem por meio de palavras ou pensamentos comunicados à mente (ver Enos 1:10; D&C 8:2–3), por súbita iluminação (ver D&C 6:14–15), por sentimentos positivos ou negativos a respeito de um curso de ação proposto, ou até pelo desempenho inspirador, como nas artes. Conforme declarou o Presidente Boyd K. Packer, Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos: ‘A inspiração vem mais como um sentimento do que como um som’.”3

    Élder Dallin H. Oaks, do Quórum dos Doze Apóstolos

    “O templo é uma casa de aprendizado. Muitas instruções dadas no templo são simbólicas e aprendidas pelo Espírito. Isso significa que somos ensinados do alto. (…) Nossa compreensão do significado das ordenanças e dos convênios aumentará ao frequentarmos o templo com desejo de aprender e em atitude de contemplação das verdades eternas ensinadas ali. (…) Desfrutemos da força espiritual e da revelação que recebemos quando frequentamos o templo com regularidade.”4

    Silvia H. Allred, primeira conselheira na presidência geral da Sociedade de Socorro.

    Ilustração fotográfica: Juan Pablo Aragón Armas

    Exibir Referências

    Notas

    1. 1.

      “Revelação Pessoal: Os Ensinamentos e Exemplos dos Profetas”, A Liahona, novembro de 2007, p. 88.

    2. 2.

      “Personal Revelation: The Gift, the Test, and the Promise” [Revelação Pessoal: O Dom, O Teste e a Promessa], Ensign, novembro de 1994, pp. 59–60.

    3. 3.

      “Oito Propósitos da Revelação”, A Liahona, setembro de 2004, p. 8.

    4. 4.

      “Templos Santos, Convênios Sagrados”, A Liahona, novembro de 2008, pp. 113, 114.