A Luz de Sete Irmãs Brilha no Campo Missionário

Imprimir Compartilhar

    As Plêiades, ou Sete Irmãs, é o nome atribuído a uma constelação de sete estrelas que fica tão distante da Terra, que sua luz demora 350 anos para nos alcançar.

    Abrangendo idades que vão desde vinte e poucos até trinta e muitos, essas irmãs levam luz para sua família e para o campo missionário, ao partilharem o evangelho com as pessoas em cinco países.

    Marisol (Chile Osorno), Antonia (Argentina Resistência), Daniela (Costa Rica San José), Florência (Honduras Comayaguela), Verônica (Chile Santiago Leste), Anaí (Cidade da Guatemala Norte) e Balbina Nava Aguilar (Argentina Bahía Blanca) vieram do México e estão atualmente servindo missão na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

    O primeiro contato com os missionários da Igreja ocorreu quando começaram a frequentar o curso gratuito de inglês na capela local. Em 2006, as sete irmãs, mais outra irmã e um irmão foram batizados. Os pais, Albino Nava e Isidra Aguilar, que se haviam afiliado à Igreja 30 anos antes, voltaram à plena atividade nessa época.

    A irmã Aguilar diz que é visível o bem que resultou de ter enviado as sete filhas para a missão.

    “Elas se encontram nas mãos do Senhor: estão trabalhando e pregando Seu evangelho para trazer mais almas [a Ele]”, comenta.

    “Amo este evangelho e sei que esse trabalho modifica vidas para melhor”, afirma Florência. “Ele modificou a minha vida e modificará a das pessoas a quem eu ensinar.”

    As irmãs estão retornando para casa no final de 2011.

    Estas sete irmãs da Cidade do México estão servindo simultaneamente missão de tempo integral em diferentes partes do mundo.

    Fotografia: cortesia de Anaí Nava