Estude este material e, conforme julgar conveniente, discuta-o com as irmãs que você visitar. Use as perguntas para ajudar no fortalecimento das irmãs e para fazer com que a Sociedade de Socorro seja parte ativa de sua própria vida.

Guardiãs do Lar

“Vocês são as guardiãs do lar”, disse o Presidente Gordon B. Hinckley (1910–2008) ao apresentar “A Família: Proclamação ao Mundo” na reunião geral da Sociedade de Socorro, em 1995. “[Vocês] são aquelas que criam os filhos, formando neles os hábitos com que conduzirão sua vida. Nada nos aproxima tanto da divindade quanto o trabalho de criar os filhos e as filhas de Deus.”1

Há quase dezessete anos essa proclamação tem salientado que nossas responsabilidades mais significativas estão centralizadas no fortalecimento da família e do lar: sejam quais forem nossas circunstâncias atuais. Barbara Thompson, a atual segunda conselheira na presidência geral da Sociedade de Socorro, estava no Tabernáculo de Salt Lake quando o Presidente Hinckley leu pela primeira vez a proclamação. “Foi um evento memorável”, relembra ela. “Senti a grande importância da mensagem. Também me vi pensando: ‘É um excelente guia para os pais. É, também, uma grande responsabilidade para eles’. Por um instante, achei que não tinha muito a ver comigo, já que não era casada e não tinha filhos. Mas, quase imediatamente, pensei: ‘Mas é claro que tem a ver comigo! Faço parte de uma família. Sou filha, irmã, tia, prima, sobrinha e neta de alguém. Tenho responsabilidades — e bênçãos — por fazer parte de uma família. Mesmo que eu fosse o único membro vivo da minha família, ainda assim faço parte da família de Deus e tenho a responsabilidade de ajudar a fortalecer outras famílias’.”

Felizmente, não estamos sozinhas em nosso empenho. “A maior ajuda que teremos”, disse a irmã Thompson, “para o fortalecimento da família é conhecer e seguir as doutrinas de Cristo e confiar na ajuda Dele.”2

De Nossa História

“Quando a irmã Bathsheba W. Smith era a quarta presidente geral da Sociedade de Socorro, ela percebeu a necessidade de fortalecer as famílias, por isso criou aulas de educação maternal para as irmãs da Sociedade de Socorro. As aulas incluíam conselhos sobre o casamento, cuidados pré-natais e criação dos filhos. Essas aulas apoiavam os ensinamentos do Presidente Joseph F. Smith referentes a ajudar as mulheres da Sociedade de Socorro a desempenharem seu papel no lar:

‘Onde quer que haja ignorância ou pelo menos falta de compreensão com respeito à família, aos deveres da família, com respeito às obrigações que devem existir e que por direito existem entre marido e mulher, e entre pais e filhos, essa organização está presente ou ao alcance, e pelas dádivas naturais e inspiração que pertencem a essa organização [essas mulheres] estão preparadas e prontas para compartilhar instruções a respeito desses importantes deveres.’”3

O que Posso Fazer?

  1. 1.

    Como posso ajudar as irmãs a zelarem pela família e a fortalecerem-na?

  2. 2.

    Como posso ser uma influência de retidão em minha família?

Acesse www.reliefsociety.LDS.org para mais informações.

Exibir Referências

    Notas

  1.   1.

    Gordon B. Hinckley, “Enfrentar com Firmeza as Artimanhas do Mundo”, A Liahona, janeiro de 1996, p. 110.

  2.   2.

    Barbara Thompson, “Eu Te Fortaleço, e Te Ajudo”, A Liahona novembro de 2007, p. 115.

  3.   3.

    Filhas em Meu Reino: A História e o Trabalho da Sociedade de Socorro, 2011, pp. 165–166.