Estude este material em espírito de oração e, conforme julgar conveniente, discuta-o com as irmãs que você visita. Use as perguntas para ajudar no fortalecimento das irmãs e para fazer com que a Sociedade de Socorro seja parte ativa de sua própria vida. Acesse www.reliefsociety.LDS.org para mais informações.

Ativação

Nosso profeta, o Presidente Thomas S. Monson, incentivou-nos a “[estender] a mão para resgatar aqueles que precisam de nossa ajuda e erguê-los para um caminho mais elevado e melhor. (…) É a obra do Senhor, e quando estamos a serviço do Senhor, (…) temos o direito de receber a ajuda Dele”.1

Há muitos anos, LaVene Call e sua companheira no programa de professoras visitantes foram à casa de uma irmã menos ativa. Bateram à porta e encontraram uma jovem mãe de roupão. Ela parecia doente, mas logo perceberam que o problema era a bebida. As professoras visitantes sentaram-se e conversaram com a jovem mãe em dificuldades.

Depois de irem embora, disseram: “Ela é filha de Deus. Temos a responsabilidade de ajudá-la”. Assim, passaram a visitá-la com frequência. A cada vez, conseguiam ver e sentir uma mudança positiva. Pediram à irmã que frequentasse a Sociedade de Socorro. Embora relutante no início, ela acabou indo regularmente. Mediante incentivo, ela, o marido e a filha passaram a frequentar as reuniões da Igreja. O marido sentiu o Espírito Santo. Ele disse: “Vou fazer o que o bispo sugerir”. Agora estão ativos na Igreja e foram selados no templo.2

De Nossa História

O trabalho de ajudar aqueles que se afastaram a voltar para o evangelho de Jesus Cristo sempre fez parte da missão dos santos dos últimos dias e das irmãs da Sociedade de Socorro. O Presidente Brigham Young (1801–1877) disse: “Tenhamos compaixão uns pelos outros (…). Aqueles que enxergam devem guiar os cegos até que possam encontrar o caminho por si mesmos”.3

Eliza R. Snow, segunda presidente geral da Sociedade de Socorro, reconheceu com gratidão o empenho de irmãs de Ogden, Utah, EUA, para fortalecer umas às outras. “Estou bem ciente de que muito é doado sem que isso seja anotado nos livros [de registro]”, disse ela. Mas reconhecendo que no céu se mantém um registro do trabalho das irmãs que estendem a mão para as pessoas cujo coração esfriou, ela afirmou: “O Presidente Joseph Smith disse que esta sociedade foi organizada para salvar almas. (…) Outro livro registra sua fé, sua bondade, suas boas obras e palavras. (…) Nada foi esquecido”.4

Exibir Referências

    Notas

  1.   1.

    Thomas S. Monson, “O Sagrado Chamado ao Serviço”, A Liahona, maio de 2005, p. 54.

  2.   2.

    Carta da filha de LaVene Call à presidência geral da Sociedade de Socorro.

  3.   3.

    Brigham Young, Filhas em Meu Reino: A História e o Trabalho da Sociedade de Socorro, 2011, p. 117.

  4.   4.

    Eliza R. Snow, Filhas em Meu Reino, pp. 91–92.