Até Voltarmos a Nos Encontrar


Thomas S. Monson
Oro para que o Senhor os abençoe e guarde, meus irmãos e minhas irmãs. Que Sua prometida paz esteja com vocês agora e para sempre.

Meus irmãos e irmãs, que gloriosa conferência tivemos! Sei que vocês concordarão comigo que as mensagens foram inspiradoras. Nosso coração foi tocado e nosso testemunho desta obra divina foi fortalecido ao sentirmos o Espírito do Senhor. Que nos lembremos por muito tempo de tudo o que ouvimos nestes últimos dois dias. Peço que estudem as mensagens mais profundamente quando elas forem impressas na próxima edição da revista A Liahona.

Expressamos nossa gratidão a cada um dos oradores, bem como aos que proferiram orações. Além disso, a música foi edificante e inspiradora. Amamos nosso maravilhoso Coro do Tabernáculo e agradecemos a todos os outros que também nos ajudaram com a música.

Unimo-nos para expressar gratidão às irmãs da presidência e da junta geral das Moças que foram desobrigadas ontem. O serviço que prestaram foi extraordinário, e completa foi sua dedicação.

Apoiamos, com a mão erguida, os irmãos e as irmãs que foram chamados a um novo cargo nesta conferência. Damos-lhes as boas-vindas e queremos que saibam que ansiamos em servir com eles na causa do Mestre.

Somos uma Igreja mundial, irmãos e irmãs. Temos membros espalhados pelo mundo inteiro. Admoesto-os a ser bons cidadãos do país em que moram e bons vizinhos em suas comunidades, estendendo a mão às pessoas de outras religiões, bem como aos nossos membros. Sejamos tolerantes, bondosos e amorosos com os que não compartilham de nossas crenças e de nossos padrões. O Salvador trouxe a esta Terra uma mensagem de amor e de boa vontade para com todos os homens e todas as mulheres. Que sempre sigamos Seu exemplo.

Oro para que estejamos cientes das necessidades das pessoas a nosso redor. Há alguns, particularmente entre os jovens, que tragicamente se envolveram com drogas, imoralidade, pornografia e outras coisas. Há os que estão solitários, inclusive viúvos e viúvas, que anseiam pela companhia e carinho de outros. Que estejamos sempre prontos a estender-lhes a mão que ajuda e um coração amoroso.

Vivemos numa época da história do mundo em que há muitos desafios, porém também grandes oportunidades e motivos para regozijo. Evidentemente, há momentos em que sofremos decepções, tristezas e até tragédias na vida. Contudo, se depositarmos nossa confiança no Senhor, Ele nos ajudará ao longo de nossas dificuldades, sejam elas quais forem. O salmista nos deu esta certeza: “O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã”.1

Meus irmãos e irmãs, quero que saibam como sou grato pelo evangelho de Jesus Cristo, restaurado nestes últimos dias por intermédio do Profeta Joseph Smith. Ele é a chave para nossa felicidade. Que sejamos humildes e fervorosos, tendo fé que nosso Pai Celestial pode guiar-nos e abençoar-nos em nossa vida.

Presto meu testemunho pessoal a vocês de que Deus vive e de que Ele ouve a oração dos que têm o coração humilde. Seu Filho, nosso Salvador e Redentor, diz o seguinte a cada um de nós: “Eis que estou à porta, e bato: se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa”.2 Que possamos acreditar nessas palavras e tirar proveito dessa promessa.

Ao final desta conferência, invoco as bênçãos do céu sobre cada um de vocês. Que seu lar esteja repleto de paz, harmonia, cortesia e amor. Que estejamos imbuídos do Espírito do Senhor. Que vocês estejam a nutrir constantemente seu testemunho do evangelho, para que ele seja uma proteção para vocês contra as bofetadas de Satanás.

Até nos encontrarmos novamente, daqui a seis meses, oro para que o Senhor os abençoe e guarde, meus irmãos e minhas irmãs. Que Sua prometida paz esteja com vocês agora e para sempre. Agradeço a vocês por suas orações por mim e por todas as Autoridades Gerais. Somos profundamente gratos a todos vocês! Em nome de nosso Salvador e Redentor, a Quem servimos, sim, Jesus Cristo, o Senhor. Amém.

Exibir Referências

    Notas

  1.   1.

    Salmos 30:5.

  2.   2.

    Apocalipse 3:20.