Dezembro: As Escrituras Me Ensinam sobre o Nascimento e a Segunda Vinda do Salvador

Esboço para o Tempo de Compartilhar de 2016: Sei que as Escrituras São Verdadeiras, (2015), 24–25


Complemente as ideias apresentadas aqui com outras de sua própria autoria. Planeje maneiras de apresentar a doutrina para as crianças e ajude-as a compreendê-la e aplicá-la em sua vida. Pergunte a si mesma: “De que atividades as crianças participarão para aprender e como vou ajudá-las a sentir o Espírito?”

“Porque o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos; e então dará a cada um segundo as suas obras” (Mateus 16:27).

Semana 1: Os profetas predisseram o nascimento de Jesus Cristo.

Incentivar a compreensão: Divida as crianças em cinco grupos. Dê a cada grupo uma das escrituras a seguir e alguns acessórios ou trajes simples para representar o respectivo profeta: Isaías 7:14; 9:6 (Isaías); 1 Néfi 11:14–21 (Néfi); Mosias 3:5, 8 (Rei Benjamin); Alma 7:9–10 (Alma); Helamã 14:2–6 (Samuel). Peça a cada grupo que leia e discuta o que o profeta disse sobre o nascimento de Cristo. Peça a uma criança de cada grupo que use os acessórios ou trajes para representar o profeta e diga às demais crianças qual profeta ela está representando e leia ou diga o que o profeta disse sobre o nascimento de Jesus. Cantem “Ele Mandou Seu Filho” (MC, pp. 20–21) ou “Samuel Fala do Menino Jesus” (A Liahona, dezembro de 1992, Seção Infantil, p. 7).

Escrituras: Ler as escrituras diretamente pode ajudar as crianças a sentirem-se à vontade com a linguagem das escrituras. Não deixe de definir palavras ou ideias difíceis (ver ENMC, pp. 50–51).

Semana 2: Jesus Cristo nasceu.

Incentivar a compreensão: Cantem juntos a primeira estrofe de “Natividade” (MC, pp. 32–33). Divida as crianças em quatro grupos e designe a cada um deles uma das estrofes restantes (2–5). Peça às crianças que façam desenhos que combinem com sua estrofe. Cantem a música inteira e peça às crianças que levantem seus desenhos quando chegar sua parte na música.

Observação: O Salvador não deve ser representado pelas crianças em dramatizações, exceto em presépios.

Semana 3: Jesus Cristo voltará à Terra um dia.

Apresentar a doutrina: Escreva cada um dos trechos a seguir em pequenas tiras de papel: Porque, o Filho do homem, virá, na glória, de seu Pai. (Tiras disponíveis em sharingtime.LDS.org.) Mostre as tiras fora de ordem no quadro e peça às crianças que ajudem a colocá-las em ordem. (Se desejar, faça mais de um conjunto de tiras e deixe as crianças trabalhar em grupos.) Quando as crianças puserem os trechos na ordem correta, peça-lhes que confirmem a resposta lendo Mateus 16:27.

Incentivar a compreensão: Peça a quatro crianças que se dirijam à frente da sala e segurem gravuras de Samuel, o Lamanita, do nascimento de Jesus, de Jesus ensinando e da Segunda Vinda. Discuta sobre cada gravura com as crianças. Peça às crianças com as gravuras que fiquem de pé sem seguir uma ordem. Peça ao restante da Primária que diga às crianças para onde devem ir para que as gravuras fiquem em ordem cronológica.

O uso de gravuras ou outros auxílios visuais ajuda as crianças a associar mentalmente um princípio ou uma doutrina a uma imagem, o que aumenta sua capacidade de compreender e recordar o que aprenderam.

Gravuras disponíveis em sharingtime.LDS.org

Incentivar a aplicação: Trace uma linha vertical dividindo o quadro ao meio.No alto do quadro, escreva “Jesus Cristo voltará à Terra um dia”. De um lado do quadro, escreva as perguntas a seguir. Do outro, escreva as referências das escrituras fora de ordem.

Peça às crianças que trabalhem com o professor para unir as respostas às perguntas. Discutam as respostas abaixo (ver também Sempre Fiéis, 2004, pp. 176–177). Pergunte às crianças como podem preparar-se para a Segunda Vinda.

Faixas etárias diferentes: Planeje o tempo de compartilhar de modo a envolver tanto as crianças maiores quanto as menores (ver ENMC, pp. 110–117). A segunda atividade da semana 3, por exemplo, funcionaria melhor com crianças menores, pois usa gravuras para ensinar um conceito simples. Para a primeira atividade da mesma semana, você pode pedir às crianças maiores que ajudem as menores a pôr as tiras em ordem.

Semana 4: Para preparar-me para a Segunda Vinda, seguirei a Jesus Cristo.

Incentivar a compreensão: Diga às crianças que Jesus costumava ensinar com parábolas, usando situações e objetos conhecidos para ensinar verdades espirituais. Conte em poucas palavras a história das dez virgens (ver Mateus 25:1–13; ver também “A Parábola das Dez Virgens”, A Liahona, março de 2009, pp. 20–21). Explique-lhes que essa parábola compara a Segunda Vinda de Jesus Cristo a um casamento. Peça a algumas crianças que dramatizem a parábola. Pergunte às crianças que fazem o papel das virgens prudentes como se sentem ao saberem que estavam preparadas e discuta a importância da preparação para a volta do Salvador.

Incentivar a aplicação: Desenhe uma lâmpada no quadro. Discuta como seguir a Jesus Cristo fazendo coisas boas todos os dias se assemelha a pôr óleo em nossas lâmpadas. Peça às crianças que enumerem algumas maneiras pelas quais podem seguir a Jesus Cristo, tais como servir ao próximo, pagar o dízimo e orar. Explique-lhes que essas são coisas que é preciso fazer individualmente; os outros não podem fazê-las por nós. Dê a cada criança uma folha de papel recortada na forma de uma grande gota de óleo. Peça às crianças (ou a seus professores) que escrevam: “Para preparar-me para a Segunda Vinda, seguirei a Jesus Cristo ao ______” em suas folhas. Peça às crianças que preencham a lacuna ou façam um desenho de algo que podem fazer para preparar-se para a Segunda Vinda. Incentive-as a levar suas folhas para casa e contar aos familiares o que aprenderam.

Lâmpada e gota disponível em sharingtime.LDS.org

Para preparar-me para a Segunda Vinda, seguirei a Jesus Cristo ao ______