Fevereiro

Quando Escolhemos o Certo, Somos Abençoados

Esboço para o Tempo de Compartilhar de 2017: Escolher o Caminho Certo

Hino: “Faze o Bem, Escolhendo o que É Certo”

(Hinos, n° 148)


Complemente as ideias apresentadas aqui com outras de sua própria autoria. A cada semana, planeje maneiras de (1) identificar a doutrina, (2) ajudar as crianças a compreendê-la e (3) ajudá-las a aplicá-la na vida delas. Pergunte a si mesma: “De que atividades as crianças participarão para aprender e como vou ajudá-las a sentir o Espírito?”

Semana 1: Noé foi abençoado por escolher o certo.

Identificar a doutrina (jogo de correspondência): Desenhe uma arca estilizada no quadro. Prepare vários pares de gravuras idênticas de animais. Entregue uma gravura a cada criança. Peça às crianças que fiquem de pé e imitem o som que faz o animal da sua gravura e procurem ouvir alguém que esteja fazendo um som semelhante. Quando as crianças com as gravuras correspondentes se encontrarem, peça-lhes que se levantem e fiquem juntas, até que todos os animais encontrem seu par. Peça às crianças que se dirijam à frente de par em par e coloquem os animais no desenho da arca. Pergunte às crianças: “A que profeta o Senhor pediu que reunisse os animais numa arca?” Saliente que deve ter sido uma tarefa difícil reunir tantos animais na arca, mas Noé decidiu ser obediente ao mandamento do Senhor.

ark

Incentivar a compreensão (ler as escrituras): Mostre às crianças uma gravura de Noé pregando e leia Moisés 8:20. Pergunte às crianças o que elas acham das pessoas que não deram ouvidos a Noé. Divida o quadro ao meio e escreva as seguintes perguntas em um dos lados, com as referências das escrituras em ordem aleatória no outro lado: O que o Senhor iria fazer para destruir os iníquos? (Gênesis 6:17). O que Ele mandou Noé fazer para salvar sua família? (Gênesis 6:18). O que Noé fez para escolher o certo? (Gênesis 7:5). Peça às crianças que leiam as escrituras e descubram qual responde a cada pergunta. Mostre às crianças uma gravura de Noé construindo a arca. Explique-lhes que às vezes é difícil escolher o certo. Pergunte: “De que modo Noé foi abençoado por escolher o certo?” Incentive as crianças a compartilhar como serão abençoadas se escolherem o certo.

Semana 2: Os discípulos de Jesus foram abençoados por escolher o certo.

Incentivar a compreensão (ler as escrituras, colorir e usar fantoches): Leia com as crianças os seguintes relatos de como os discípulos de Jesus escolheram o certo: Lucas10:38–42 (Maria); Mateus 4:18–20 (Pedro e André); Atos 9:1–9, 17–20 (Paulo). Fale sobre algumas das bênçãos que essas pessoas receberam por escolherem o certo. Faça desenhos estilizados para cada criança (ou use as figuras das escrituras da seção “Só para Divertir”, de O Amigo, janeiro de 2006, p. A13; e “Funstuf”, Friend, fevereiro de 2006, p. 31). Peça para as crianças colorirem os desenhos, recorte-os e use-os para fazer fantoches de palito ou fantoches de saco de papel. Convide as crianças a usarem seus fantoches para contar uma das histórias. Por exemplo: “Meu nome é Paulo. Eu costumava perseguir as pessoas que seguiam Jesus. Tive uma visão de Jesus. Ele me pediu que parasse de persegui-Lo. Decidi seguir Jesus e fui missionário por todo o restante de minha vida”.

children with puppets

Podem ser usados fantoches simples para dramatizar partes de uma lição. Eles são ferramentas muito úteis para reforçar a ideia principal e atrair a atenção das crianças (ver ENMC, pp. 176–177).

Incentivar a aplicação (recapitular histórias das escrituras): Convide as crianças a usar seu fantoche para contar histórias das escrituras para seus familiares em casa. Incentive-as a compartilhar com os familiares como as pessoas das histórias escolheram o certo e foram abençoadas. Pergunte às crianças como elas podem escolher o certo durante a semana seguinte.

puppet template

Há modelos de fantoche de dedo disponíveis em sharingtime.LDS.org

Semana 3: Néfi foi abençoado por escolher o certo.

Incentivar a compreensão (participar de uma dramatização): Peça às crianças que dramatizem ocasiões em que Néfi obedeceu a seu pai e ao Senhor (por exemplo, ver 1 Néfi 16:18–24, 30–32; 1 Néfi 17:8, 17–18, 48–53; 1 Néfi 18:9–21). Você pode fazer com que usem fantasias e acessórios simples (para informações sobre dramatizações, ver ENMC, pp. 165–166). Leiam juntos o que Néfi disse em 1 Néfi 17:3.

children role playing

Os auxílios visuais podem melhorar o aprendizado. Use auxílios visuais simples. Isso permite que as crianças se concentrem na mensagem da lição, e não no auxílio visual.

Incentivar a aplicação (cantar um hino): Mostre a vara de “escolha e consequências” do mês de janeiro e peça às crianças que contem o que se lembram a respeito de escolhas e consequências. Diga-lhes que muitas bênçãos que recebemos são consequências das boas escolhas que fazemos. Convide as crianças a pensar em maneiras pelas quais elas podem ser semelhantes a Néfi e fazer boas escolhas. Faça com que as crianças cantem “Néfi Era Valente” (MC, pp. 64–65) e passem uns aos outros a vara de “escolha e consequências” enquanto cantam. Pare a música a qualquer momento. Quando a música parar, peça à criança que estiver com a vara que diga uma boa escolha que ela pode fazer. Peça à criança que passe a vara para outra criança, peça à segunda criança que diga uma bênção resultante daquela boa escolha. Repita a atividade tantas vezes quanto o tempo permitir.

Semana 4: Os membros da Igreja hoje são abençoados por escolher o certo.

Incentivar a compreensão (contar histórias): Convide vários pais ou avós das crianças de sua Primária a contar histórias sobre como eles ou seus antepassados escolheram o certo. Isso pode incluir histórias de como fizeram a escolha de unir-se à Igreja. Antes de cada história, peça às crianças que procurem ouvir como esses membros da Igreja escolheram o certo e como foram abençoados por fazerem isso. Depois de cada história, peça às crianças que digam como os membros foram abençoados por escolher o certo. Você pode pedir às crianças que façam desenhos sobre as histórias à medida que as ouvirem e depois mostrar os desenhos para as outras crianças da Primária e em casa.