Reverência

Manual de Sacerdócio Aarônico 1, 1992


Objetivo

Cada rapaz deverá ter maior respeito pelas coisas sagradas.

Preparação

  1. 1.

    Materiais necessários:

    1. a.

      (Optativo) Gravura 6, Jesus Cristo; gravura 7, uma capela; gravura 8, uma família amorosa; gravura 9, as escrituras; gravura 10, 11 e 12, templos

    2. b.

      Um lápis para cada rapaz

  2. 2.

    Prepare nove tiras de papel com os seguintes tópicos: (1) Reverência em nossas orações (2) Reverência nas capelas e nos templos (3) Reverência na reunião sacramental e na sala de aula (4) Reverência no lar (5) Reverência em nossa maneira de falar (6) Reverência por nossa família e amigos (7) Reverência e respeito por nossos líderes (8) Reverência por nosso corpo (9) Reverência pela natureza

  3. 3.

    Fazer uma cópia de Meus Pontos de Reverência para cada rapaz, usando o modelo no final desta lição.

Sugestão para o desenvolvimento da lição

Reverência É o Respeito às Coisas Sagradas

Quadro- negro e debate Escreva no quadro-negro: Reverência é… Como você completaria essa frase?

Depois que os jovens expressarem suas idéias, complete a definição no quadro-negro da seguinte forma: Reverência é respeito às coisas sagradas. Saliente que a reverência é um sentimento ou atitude de amor profundo e respeito por alguma coisa sagrada.

• Por que ou por quem sentimos reverência? Aliste as respostas sem fazer qualquer crítica.

Uso optativo das gravuras Mostre as gravuras das coisas sagradas, para ajudar os rapazes a se conscientizarem de algumas áreas do reino de Deus que merecem reverente consideração. Você pode mostrá-las em conjunto ou à medida que menciona cada uma delas, durante o debate.

Citação

Leia a seguinte declaração do Presidente Joseph Fielding Smith:

Reverência é um princípio sagrado. É um princípio do evangelho. Mostramos reverência por nosso Pai Celestial, pelo Senhor Jesus Cristo. Não seríamos rudes em sua presença. Se, por acaso, ele estivesse nesta reunião, tenho certeza de que todos entraríamos silenciosamente e tomaríamos nossos lugares. Por que não podemos pensar, quando entramos num local de adoração, que ele está lá? (Joseph Fielding Smith, Seek Ye Earnestly [Salt Lake City: Deseret Book Company, 1970], p. 117.)

Debate

• O que você poderia ter feito de diferente, quando entrou na classe hoje, se esperasse que Jesus Cristo estivesse aqui?

• Como você acha que o Pai Celestial se sente, quando deixamos de mostrar respeito e reverência por ele e por seus edifícios?

Podemos Mostrar Reverência em Nossas Atitudes e Ações

Quadro-negro, tiras de papel e debate Escreva no quadro-negro: Precisamos mostrar reverência. Distribua as nove tiras de papel. Divida os alunos em grupos, se houver mais rapazes que tiras de papel.

Dê aos rapazes um minuto ou dois para pensarem como podem mostrar reverência na área mencionada em sua tira de papel. Deixe que compartilhem suas idéias. Permita que os outros apresentem suas sugestões a respeito do assunto. Use o tempo cuidadosamente, de modo que o quorum possa debater brevemente cada um dos tópicos. Acrescente as suas próprias idéias ou use as informações a seguir, conforme precisar.

Chame o rapaz com a primeira tira de papel.

Citação

(1) Reverência em nossas orações (ver também Alma 46:13.)

Em nossa correria hoje em dia, muitos de nós quase não temos tempo para orar. E muitos não oram de jeito nenhum. Mas, quando o fazemos, temos de fazê-lo com pressa? Coloque-se na posição do Senhor, como aquele que ouve uma oração. Você prestaria muita atenção a umas poucas palavras pronunciadas apressadamente por alguém que ofereceu sua oração com tal rapidez, que mal pôde expressá-la? Se você fosse o pai, e seu próprio filho, quase sem fôlego, corresse até sua presença e pedisse um favor, voltando em seguida para seus outros interesses, você ficaria impressionado? (Mark E. Petersen, Your Faith and You [Salt Lake City: Bookcraft, 1953], pp. 14-15.)

Chame o jovem com a segunda tira de papel.

(2) Reverência nas capelas e templos (ver também Doutrina e convênios 109:21.)

Apresentação pelo consultor

Explique que as capelas e templos são dedicados ao Senhor. Enquanto estamos neles, oramos para que seu Espírito esteja conosco. Ouvir os oradores, cantar os hinos e dizer Amém no final das orações, tudo mostra reverência. Chegar na hora, sentar em nosso lugar calmamente e esperar até depois da oração de encerramento, todas são maneiras de ser reverente.

O Profeta Joseph Smith afirmou:… é um insulto a uma reunião as pessoas saírem quando ela está prestes a terminar… Um cavalheiro nunca deixa uma reunião, quando ela está prestes a terminar.(Ensinamentos do Profeta Joseph Smith, p. 278.)

Explique que eles devem tratar todos os livros, salas e coisas pertencentes à Igreja com cuidado e respeito. Tratá-los descuidadamente, escrever em hinários, nas paredes ou nos móveis é irreverência.

Chame o jovem com a terceira tira de papel.

(3) Reverência na reunião sacramental e na sala de aula (ver também Hebreus 12:28.)

Explique que vir adequadamente vestido e com desejo sincero de ouvir e aprender, mostra uma atitude reverente. O modo como nos vestimos afeta o modo como agimos. Quando estamos limpos e vestidos esmeradamente, agimos da melhor forma. Perturbar os outros enquanto um orador está falando ou durante a aula, distrai e é descortês. O Espírito do Senhor não permanecerá, quando fizermos isso. Também deveríamos dar um exemplo de reverência, enquanto estamos administrando o sacramento. Depois do sacramento, devemos voltar silenciosamente e sentar com nossa família.

Chame o jovem com a quarta tira de papel.

(4) Reverência no lar (ver também Salmo 89:7.)

Explique que o lar deve ser um pedaço do céu na terra. A limpeza e a ordem mostram amor e respeito por nosso lar. A gratidão pelo abrigo e pelo alimento mostra reverência. Respeitar as propriedades e a privacidade dos outros membros da família é importante.

Chame o jovem com a quinta tira de papel (ver também Doutrina e Convênios 107:4.)

(5) Reverência no falar (ver também Doutrina e Convênios 107:4)

Explique que falar em voz alta e de maneira descortês não é nem agradável nem reverente. Escolher as palavras adequadas, evitar termos profanos e vulgares e também falar calmamente, em um tom respeitoso de voz, mostram respeito pelo ouvinte: História O seguinte incidente aconteceu com o Presidente Spencer W. Kimball, num hospital de Lago Salgado, depois de uma operação na garganta. Após a cirurgia ele estava sendo levado de volta para seu quarto, numa maca de hospital.

Ainda sob o efeito da anestesia, Spencer sentiu sua maca parar ao lado de um elevador e ouviu o assistente, irritado com alguma coisa, profanar o nome do Senhor. Semi- consciente, ele pediu, com sons articulados com dificuldade: Por favor, não diga isso. Eu o amo mais que qualquer coisa neste mundo. Por favor! Silêncio absoluto. Depois, o assistente respondeu calmamente: Eu não devia ter dito aquilo. Sinto muito! (Edward L. Kimball e Andrew E. Kimball Jr., Spencer W. Kimball [Salt Lake City: Bookcraft, 1977], p.264.)

Chame o jovem com a sexta tira de papel.

(6) Reverência por nossa família e amigos (ver também Êxodo 20:12.)

Explique que algumas pessoas acham que estão sendo engraçadas e inteligentes, quando dizem coisas de baixo calão aos membros da família e amigos. Lembre aos rapazes que todas as pessoas foram criadas à imagem do Pai Celestial. Elas são a sua maior criação e merecem amor e respeito. Parar de dizer coisas descorteses que podem vir à nossa mente, mostra uma atitude correta. Parar para pensar no que vamos falar nos ajuda a perceber que há um tempo de estar calado e tempo de falar. (Ver Eclesiastes 3:7.)

Chame o rapaz com a sétima tira de papel.

(7) Reverência e respeito por nossos líderes (ver também D&C 84:35-38.)

O Pai Celestial escolhe as autoridades e líderes da Igreja para nos guiar e ensinar. Como os líderes são escolhidos por Deus, devemos mostrar-lhes respeito.

Quadro-negro Peça aos jovens que façam uma lista de cargos de liderança da Igreja no quadro- negro. Deve-se incluir o bispo, o presidente da estaca, o profeta, os apóstolos, os setentas e o presidente do quorum.

Chame o jovem com a oitava tira de papel.

(8) Reverência pelo nosso corpo. (ver também I Coríntios 3:16-17)

Explique que todos somos muito importantes. Somos filhos de Deus e estamos aqui para propósitos definidos e importantes. Nosso corpo é uma criação importante, maravilhosa e devemos tratá-lo com respeito. Devemos ter o cuidado de tratá-lo com reverência, pois é sagrado. O que lemos, vemos e ouvimos é tão importante quanto o que comemos, quando se trata de manter nosso corpo limpo.

Chame o jovem com a nona tira de papel.

(9) Reverência pela natureza

Escritura e debate

Chame alguém para ler Doutrina e Convênios 59:18-20, enquanto os outros acompanham em suas escrituras.

• Com que propósito o Pai Celestial criou as plantas, as árvores e os animais?

Explique que, se tivermos reverência por essas obras da criação, ficaremos tristes quando elas forem destruídas ou estragadas. Aqueles que gravam os nomes em rochas ou árvores destroem a beleza da natureza e o prazer que ela proporciona aos outros.

Conclusão

Atividade

Dê a cada jovem uma folha para a contagem de pontos de reverência e um lápis. Explique que eles devem ler cada afirmação e colocar os pontos na linha indicada. Esta será uma avaliação pessoal. Devem responder a cada afirmação de acordo com o que realmente fazem, não com o que acham que deveriam fazer. Peça a cada rapaz que some seus próprios pontos e faça sua própria avaliação.

Desafio

Encoraje cada rapaz a escolher uma área que o ajude a ter mais reverência em suas atitudes e ações, com a qual irá trabalhar durante a próxima semana. Sugira que cada rapaz dê maior prioridade às áreas em que obteve menor número de pontos.

Meus Pontos de Reverência

Faça a contagem dos pontos obtidos conforme o seguinte critério: Nunca 0 pontos Raramente 1 ponto Às vezes 2 pontos

Freqüentemente 3 pontos Quase sempre 4 pontos Sempre 5 pontos

____ 1. Chego a tempo para as reuniões.

____ 2. Escuto reverentemente os oradores e professores.

____ 3. Visto-me apropriadamente.

____ 4. Cumpro minhas responsabilidades do sacerdócio com dignidade.

____ 5. Ando em silêncio na Igreja.

____ 6. Não critico meus líderes do sacerdócio; ao contrário, respeito-os e honro-os.

____ 7. Tenho respeito pela capela; ajudo a mantê-la limpa e nunca a estrago.

____ 8. Trato todas as plantas e animais com respeito.

____ 9. Fico quieto e penso no Senhor durante o sacramento.

____ 10. Dou bom exemplo.

____ 11. Respeito e honro meus pais.

____ 12. Mostro reverência em meu lar e pela minha família.

____ 13. Nas reuniões da Igreja, fico sentado até a oração de encerramento ser proferida.

____ 14. Sinto que estou tentando honestamente ser uma pessoa reverente.

______ Contagem Total

Sou uma pessoa muito reverente 61-70

Estou me tornando uma pessoa reverente 40-60

Preciso melhorar 29-39

Preciso de ajuda! 0-28