Dízimo

Manual de Sacerdócio Aarônico 1, 1992


Objetivo

Cada rapaz deverá compreender que pagar o dízimo mostra o seu amor pelo Senhor e que, ao fazer isso, será abençoado e estará ajudando a construir o Reino de Deus.

Preparação

  1. 1.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Obras-padrão para cada rapaz.

    2. b.

      Dois lápis e duas folhas de papel

    3. c.

      Lápis para marcar as escrituras.

  2. 2.

    Uma semana antes desta aula, peça aos rapazes que conversem com seus pais a respeito das bênçãos de pagar o dízimo. Peça-lhes que estejam preparados para relatar essa conversa ao quorum.

Sugestão para o desenvolvimento da lição

Todas as Coisas Pertencem ao Senhor

Atividade em grupo

Divida os rapazes em dois grupos. Diga-lhes que têm três minutos para debater a pergunta: “Que bênçãos recebi do Senhor?” Dê a um rapaz de cada grupo um lápis e uma folha de papel e designe-o para relatar as idéias de seu grupo.

Depois que o tempo estiver esgotado, Peça a cada um dos rapazes designados que relate as idéias de seu grupo para a classe.

• De acordo com essa escritura, o que pertence ao Senhor? (Tudo.)

• Se lhes dessem uma grande loja comercial, uma fazenda ou outro grande presente, vocês teriam o desejo de dar uma pequena parte de volta para a pessoa que o deu? Por que?

• Que quantia dos presentes que o Senhor nos dá ele nos ordena que lhe devolvamos? (Um décimo, ou seja, o dízimo.)

Debate

Explique que o dízimo é uma lei eterna. Sempre que o Senhor estabeleceu sua Igreja na terra, fez da lei do dízimo uma parte dela. Saliente que a obediência à lei do dízimo é essencial para nossa salvação e exaltação.

• Por que acha que o Senhor sempre requer o dízimo dos membros de sua Igreja? (Para sua bênção e crescimento individual e para o crescimento da Igreja.)

Bênçãos por Pagar o Dízimo

Escritura e debate

• De que maneira o dízimo nos beneficia?

Depois de debater essa pergunta, peça a um rapaz que leia Malaquias 3:10-12. Sugira aos rapazes que marquem esses versículos.

• O que o Senhor prometeu aos que pagam o dízimo nessa escritura? (Que abriria as janelas do céu e derramaria uma bênção sobre eles.)

• Que bênçãos vêm para aqueles que voluntariamente pagam o dízimo?

Dê aos rapazes tempo suficiente para responder. Você poderia dizer que um dos maiores benefícios de se pagar o dízimo é o sentimento de paz e amor que surge como conseqüência. A alegria verdadeira vem quando mostramos amor ao Pai Celestial.

Histórias

Para ajudar os rapazes a entenderem as bênçãos que aqueles que pagam o dízimo podem receber, relate os seguintes incidentes:

História Um

“John Fetzer foi batizado quando era um jovem estudante. Quando foi confirmado, disseram-lhe que teria de cumprir os princípios do evangelho, inclusive o dízimo. Ele ficou chocado, quando compreendeu o significado do dízimo. Estava trabalhando para conseguir o dinheiro suficiente para mais um ano de estudos. Mal teria o suficiente. O que deveria fazer? Orou, ponderou e finalmente decidiu pagar o dízimo, embora isso o deixasse com pouco dinheiro para o ano escolar. Ele estava estudando arquitetura e, certo dia, foi designado a fazer um desenho, pelo qual ganhou um prêmio em dinheiro. O Sr. Fetzer ficou exultante. Lembrou-se de que o Senhor havia dito que abençoaria aqueles que pagassem o dízimo. Isso foi um testemunho para ele. Desde aquele dia, tem pago os dez por cento sempre que recebe o pagamento e tem sido sempre abundantemente abençoado.” (Curso Nove da Escola Dominical, manual do professor, 1971, p. 192.)

• Que decisões o irmão Fetzer teve que tomar? (Pagar o dízimo ou guardar o dinheiro para pagar a escola.)

• De que maneira ele foi abençoado por pagar o dízimo? (Ganhou um prêmio em dinheiro que o ajudou a completar seus estudos e a compartilhar seu talento com outras pessoas.)

História Dois

Explique que o Presidente Joseph F. Smith contou a seguinte história a respeito de sua mãe.

“Lembro-me perfeitamente de algo que ocorreu em minha infância. Minha mãe era viúva, com uma grande família para cuidar. Certa ocasião, quando abríamos nosso silo de batatas, ela pediu-nos, a mim e meus irmãos, que carregássemos uma carroça com as melhores batatas, para levá-las à Igreja como dízimo; naquela ocasião, as batatas andavam muito escassas. Eu era ainda menino, mas fui encarregado de dirigir a carroça. Quando chegamos aos degraus do escritório do dízimo, prontos para descarregar as batatas, um dos secretários disse a ela: ‘Viúva Smith, é uma vergonha que deva pagar o dízimo’. …Ele censurou nossa mãe por pagar o dízimo; disse-lhe uma porção de coisas, menos que era prudente ou sábia; afirmou que havia pessoas fortes e capazes de trabalhar que eram sustentadas com o fundo do dízimo. Minha mãe voltou-se para ele, dizendo: ‘…você deveria envergonhar-se do que disse. Você me negaria uma bênção? Se eu não pagasse o dízimo, seria lógico que o Senhor retirasse as bênçãos que me dá. Pago o dízimo não apenas por ser um mandamento de Deus, mas porque, através dessa lei, espero ser abençoada. Cumprindo essa e outras leis, espero prosperar e ter condições de cuidar de minha família’.

… Ela prosperou, porque obedecia às leis de Deus. Tinha inclusive fartura para o sustento da família. Nunca passamos necessidades que outros passaram…Assim, essa viúva… teve direito aos privilégios da casa de Deus. Nenhuma ordenança do evangelho lhe poderia ser negada, pois era obediente às leis de Deus.” (Doutrina do Evangelho, pp. 207-208.)

• De que maneira a Irmã Smith foi abençoada? (Tinha o bastante para sustentar sua família, mesmo sendo viúva, e recebeu as bênçãos do templo.)

Explique que muitas das bênçãos que recebemos acontecem diariamente e são mais comuns. Provavelmente recebemos muitas bênçãos que não notamos.

Testemunho

Peça aos rapazes que compartilhem o que conversaram com suas famílias a respeito do dízimo e convide quem quiser para prestar testemunho das bênçãos recebidas pelo pagamento do dízimo.

Citação

Leia a seguinte declaração do Presidente Joseph F. Smith:

“Através desse princípio (o dízimo), será posta à prova a lealdade do povo desta Igreja…Há uma grande importância ligada a este princípio, pois através dele será conhecido se somos fiéis ou não. Neste aspecto, é tão essencial como a fé em Deus, como o arrependimento dos pecados…ou a imposição das mãos para o Dom do Espírito Santo.” (Doutrina do Evangelho, p. 204.)

Saliente que o princípio do qual devemos sempre nos lembrar em relação à lei do dízimo é que pagamos o dízimo porque temos amor ao Senhor e temos fé nele, não apenas porque temos dinheiro ou necessitamos de bênçãos.

Ajudar o Crescimento do Reino de Deus

Escritura e debate

Peça aos rapazes que leiam Doutrina e Convênios 119:2-4.

• De acordo com essa escritura, para que deve ser usado o dízimo? (Para a construção de templos, para ajudar a construir Sião, para os trabalhos do sacerdócio.)

• De que maneira os líderes da Igreja cumprem o propósito do Senhor através do dízimo?

As respostas devem incluir a construção e manutenção de templos, e de outros edifícios da Igreja, o apoio à obra missionária, a educação oferecida pela Igreja (seminários e institutos).

Situação

Peça aos rapazes que imaginem estar em uma reunião sacramental e o bispo anuncia que a Igreja não mais requer que seus membros paguem o dízimo. Eles ficam entusiasmados e começam a planejar o que comprarão com esse dinheiro extra. Eles talvez até sintam que isso vai resolver todos os seus problemas financeiros.

À medida que os meses passam, contudo, começam a perceber que a nova medida tem implicações que não esperavam. O número de membros da ala cresceu muito e a capela já não os acomoda bem; mais que isso, o edifício e os arredores da capela estão começando a aparentar o mau estado de conservação, mas não há dinheiro para as reformas necessárias.

Peça-lhes que suponham terem irmãos mais velhos que durante muitos anos planejaram sair em missão, mas agora que chegou a época de irem, as missões estão fechadas. Não há dinheiro para manter as casas de missão nem para alugar ou construir capelas.

Peça-lhes que imaginem ainda que têm irmãos ou irmãs que desejaram muito freqüentar o seminário, mas agora os seminários estão fechados, assim como os institutos e escolas da Igreja. Não há dinheiro para construir e manter os edifícios ou para pagar os professores.

Muitas pessoas da família ficariam tristes. Não poderiam compilar a história da família porque os centros de pesquisa estariam fechados e os templos abririam apenas de vez em quando.

Explique que eles não poderiam tomar conhecimento dos planos da Igreja para corrigir todos esses problemas porque as Autoridades Gerais não mais compareceriam às conferências de estaca. Eles talvez começassem a imaginar o que iria acontecer com esta Igreja viva e crescente, que é o Reino de Deus na terra.

Debate

• O que impede que isso aconteça de verdade? (O pagamento do dízimo.)

• Quem é beneficiado quando pagamos o dízimo? (Nós mesmos. O Senhor nos deixa decidir como usar nove décimos de nossa renda. O outro décimo deve ser dado a ele, e ele, por meio dos líderes da Igreja, o usa para nosso proveito.)

Conclusão

Testemunho

Preste testemunho das bênçãos que lhe foram concedidas pelo pagamento do dízimo.

Escritura e desafio

Peça aos rapazes que leiam novamente Malaquias 3:10-12.

Desafie cada rapaz a pagar o dízimo integral e honestamente para mostrar seu amor ao Senhor. Saliente que o dízimo é um mandamento; quando obedecemos fielmente aos mandamentos do Senhor, ele nos abençoa.