O Espírito Santo

Manual de Sacerdócio Aarônico 1, 1992


Objetivo

Cada rapaz deve desenvolver maior companheirismo com o Espírito Santo e aprender a tirar proveito de sua orientação.

Preparação

  1. 1.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Obras-padrão para cada rapaz

    2. b.

      Dois lápis e duas folhas de papel

    3. c.

      Uma lâmpada elétrica

  2. 2.

    Escreva cada uma das seguintes escrituras em pedaços diferentes de papel. Dobre cada pedaço e ponha-os em um recipiente. Não coloque a observação que segue cada referência. Essas observações são só para o, consultor; coloque-as no quadro-negro, durante a aula, à medida que discute cada escritura.

    • 1 Néfi 10:17. (O Espírito Santo é o poder pelo qual temos visões.)

    • 1 Néfi 10:19. (Ele mostra mistérios.)

    • 1 Néfi 10:22. (Ele dá autoridade para prestar testemunho da verdade.)

    • 2 Néfi 31:12. (Ele nos é conferido após o batismo.)

    • 2 Néfi 32:5. (Ele nos mostra todas as coisas que devemos fazer.)

    • 2 Néfi 32:8. (Ele nos ensina a orar.)

    • Alma 5:46. (Ele testifica da verdade.)

    • Helamã 5:45-47. (Ele proporciona paz.)

    • Morôni 8:26. (Ele é consolador.)

    • Morôni 10:5. (Ele ensina a verdade de todas as coisas.)

    • Morôni 10:8. (Ele confere os dons do Espírito.)

Sugestão para o desenvolvimento da lição

Funções do Espírito Santo

Busca de escrituras

Divida o quorum em dois grupos e dê a cada grupo um lápis e uma folha de papel. Solicite que os grupos, alternadamente, tirem um papel dobrado do recipiente, até que todos os papéis com as referências sejam igualmente divididos entre eles. A um sinal seu, solicite que cada grupo comece a procurar suas referências. À medida que localizam e lêem as escrituras, eles devem determinar a quem elas estão se referindo e escrever algumas palavras-chave embaixo de cada uma delas, declarando o que essa pessoa faz. Quando os dois grupos tiverem terminado, continue com a aula.

• A quem se referem estas escrituras? (Ao Espírito Santo.)

Debate com uso de escrituras

Escreva as palavras Espírito Santo no alto do quadro-negro e peça aos dois grupos que mencionem o que cada escritura diz a respeito do Espírito Santo. Escreva cada afirmação ao lado da referência correspondente. Explique que a missão do Espírito Santo é ajudar-nos. Grandes bênçãos ser-nos-ão concedidas, se aprendermos a ouvir as suas orientações e a desenvolver um companheirismo íntimo com ele.

Obter o Companheirismo do Espírito Santo

História

Leia a seguinte história:

Na reunião mensal de jejum e testemunho, Ricardo assistiu à confirmação de seu irmão mais novo, João, como membro da Igreja. As palavras da oração de confirmação: “Recebe o Espírito Santo”, em especial, haviam causado forte impressão em João. Depois da reunião, contudo, ele segredou a seu irmão que não achava realmente que tivesse recebido o Espírito Santo, uma vez que não sentia nenhuma diferença depois de ter sido confirmado.

Citações e debate

• Se fosse Ricardo, como explicaria isso a seu irmão?

Deixe que os rapazes troquem idéias a respeito. Depois, leia a seguinte citação do Presidente Marion G. Romney:

“Todos nós, membros da Igreja, recebemos a imposição das mãos sobre nossa cabeça e o dom do Espírito Santo, até onde essa ordenança pode concedê-lo. Mas se bem me lembro, em minha confirmação, não foi dito ao Espírito Santo que viesse a mim, mas sim que eu deveria recebê-lo. Se eu receber o Espírito Santo e seguir sua orientação, estarei entre aqueles que são protegidos e amparados nestes tempos atribulados.” (Conference Report, setembro de 1961, p. 60.)

Explique-lhes que quando somos confirmados membros da Igreja, recebemos o dom do Espírito Santo, mas não necessariamente a companhia do Espírito Santo.

• Qual é a diferença entre o dom do Espírito Santo e a companhia do Espírito Santo?

Lição com uso de objeto

• Como obtemos a companhia do Espírito Santo?

Dê a um rapaz uma lâmpada elétrica e peça-lhe que a acenda.

• O que temos que fazer para acender uma lâmpada elétrica?

Deixe que os rapazes troquem idéias a respeito dos requisitos necessários para aproveitarem a luz elétrica em suas casas. Mencione os seguintes pontos:

  1. 1.

    Antes mesmo de a luz elétrica ser instalada, confiar no seu funcionamento.

  2. 2.

    Colocar os fios na casa e prepará-la para receber a eletricidade.

  3. 3.

    Ter dinheiro para pagar o custo da eletricidade usada.

  4. 4.

    Ligar a instalação da casa à corrente principal de força elétrica.

  5. 5.

    Ligar uma luminária que funcione a uma saída de eletricidade.

  6. 6.

    Colocar a lâmpada no soquete e ligar o botão que fará a eletricidade acender a lâmpada.

• Que semelhanças há entre o uso da eletricidade em casa e a obtenção da companhia do Espírito Santo?

Enquanto os rapazes trocam idéias sobre o que é necessário para se obter a companhia do Espírito Santo, procure fazer com que eles entendam que devemos:

  1. 1.

    Desejar a companhia do Espírito Santo.

  2. 2.

    Aprender mais a respeito do Espírito Santo.

  3. 3.

    Pedir sinceramente, através de oração, orientação ao Espírito Santo.

  4. 4.

    Viver de modo que sejamos dignos da sua sagrada companhia.

Ouvir o Espírito Santo e Beneficiar-se com Ele

Perguntas para meditar

Explique aos rapazes que reconhecer a influência do Espírito Santo é às vezes difícil.

Faça as seguintes perguntas para meditar, sem solicitar que os rapazes respondam a elas em voz alta:

  • Como o Espírito Santo dá orientação?

  • Como podemos reconhecer a influência do Espírito Santo?

  • Como podemos saber que estamos sendo guiados pelo Espírito Santo?

  • Se tomarmos uma decisão correta, como saberemos?

  • Se tomarmos uma decisão errada, como saberemos?

Debate com uso de escritura

Explique que há muitas maneiras diferentes pelas quais o Espírito Santo pode dar orientação. Oliver Cowdery, o escrivão do Profeta Joseph Smith na tradução do Livro de Mórmon, recebeu algumas diretrizes úteis.

Peça a um dos rapazes que leia Doutrina e Convênios 9:7-9, enquanto os outros marcam esses versículos em suas escrituras.

• Quando desejamos uma resposta do Senhor para um problema, o que devemos fazer? (Estudar o problema e tomar uma decisão. Depois, orar e perguntar se nossa decisão está correta.)

• Como saberemos se tomamos a decisão correta? (Sentiremos um ardor no peito, se tivermos tomado a decisão correta. Teremos um estupor de pensamento, se tivermos tomado a decisão errada.)

Citação

Diga aos rapazes que a seguinte afirmação do Élder Marion G. Romney explica melhor como podemos ser guiados pelo Espírito:

“Agora, meus irmãos, precisamos procurar o Espírito. Precisamos perceber que ele é um guia real. O Senhor nos deu vários testes pelos quais podemos saber se temos o Espírito…

Agora, digo-lhes que podem tomar todas as decisões em sua vida corretamente, se aprenderem a seguir a orientação do Espírito Santo. Isso podem fazer, se tiverem autodisciplina para submeter seus próprios sentimentos aos sussurros do Espírito. Estudem seus problemas e, em espírito de oração, tomem uma decisão. Então levem essa decisão e digam a ele, numa súplica simples e honesta: ‘Pai, quero tomar a decisão correta. Quero fazer a coisa certa. Isto é o que eu acho que devo fazer; faze- me saber se é o caminho correto.’ Agindo assim, sentirão um ardor no peito, se a decisão for correta. Se não sentirem o ardor, então mudem a decisão e apresentem uma outra. Quando aprenderem a andar pelo Espírito, nunca precisarão cometer erros. Sei o que é ter esse testemunho ardente. Sei também que há outras manifestações de orientação pelo Espírito.” (Conference Report, setembro de 1961, pp. 60-61).

Lembre aos rapazes que as decisões justas precisam ser tomadas com a ajuda do Pai Celestial. Mesmo o Salvador, que já era um Deus durante seu ministério terreno, nunca fez nem disse nada que não fosse o desejo de seu Pai. (Veja João 5:30.)

Conclusão

Apresentação do consultor

Saliente que o dom do Espírito Santo é uma grande bênção dada àqueles que foram confirmados membros da Igreja. Se vivermos de modo que sejamos dignos de sua companhia, ele nos ajudará a completar com sucesso nossa missão aqui na terra. Ele fará isso guiando-nos, protegendo-nos, consolando-nos e ajudando-nos a vir a Cristo.

História

Leia ou conte a seguinte história, a respeito de como o Espírito Santo ajudou o Élder Bruce R. McConkie, do Conselho dos Doze Apóstolos:

“Uma de minhas primeiras recordações de infância é passar por um pomar de macieiras montado num cavalo. Era um animal manso e bem domado e sentia-me totalmente à vontade na sela.

Mas um dia alguma coisa assustou meu cavalo, fazendo-o correr desabaladamente pelo pomar. Os galhos baixos derrubaram-me da sela, ficando com um pé preso no estribo. Agarrei-me desesperadamente a uma tira de couro prestes a romper, que os vaqueiros usam para prender o laço à sela. Meu peso deveria ter rompido a tira, mas, de alguma forma, ela resistiu por um momento. Mais um ou dois saltos do animal em pânico teriam partido ou arrancado o couro de minhas mãos, deixando-me à mercê de ser arrastado impiedosamente com o pé entalado no estribo.

Subitamente o cavalo estacou e notei que alguém segurava firmemente as rédeas, procurando acalmar o animal assustado. Quase que no mesmo instante, vi-me a salvo nos braços de meu pai.

O que acontecera? O que fizera meu pai vir em meu socorro no exato momento antes de eu cair sob os cascos do cavalo em pânico?

Meu pai estava sentado dentro de casa, lendo o jornal, quando o Espírito lhe sussurrou: ‘Corra para o pomar!’

Sem a mínima hesitação, sem querer saber por que motivo, meu pai saiu correndo. Chegando ao pomar sem saber por que, ele viu o animal em disparada e pensou: ‘Eu preciso parar esse cavalo!’

Assim fez e me encontrou. E foi assim que fui salvo de ferir-me seriamente ou até mesmo de morrer.” (“Dar Ouvidos ao Espírito”, A Liahona, janeiro de 1973, pp. 26-27.)

Debate

• Como o Espírito Santo ajudou o Élder McConkie? (O Espírito Santo disse a seu pai onde ir e como salvá-lo.)

Compartilhe experiências que você teve nas quais foi guiado pelo Espírito e permita que os rapazes façam o mesmo.

Explique que muitos talvez não sintam que tiveram esse tipo de experiência, mas provavelmente não aprenderam a reconhecer quando estão sendo inspirados e guiados pelo Espírito Santo.

Testemunho e desafio

Preste testemunho da importância de ser digno de receber a inspiração do Espírito Santo e de estar desejoso de ouvir e seguir sua orientação.

Desafie os rapazes a ouvirem e responderem aos sussurros do Espírito Santo em sua vida diária.