“Então os Reunirei”

O Livro de Mórmon: Manual do Professor de Doutrina do Evangelho, 1999


Objetivo

Ajudar os alunos a compreender o trabalho de coligação de Israel e do estabelecimento de Sião nos últimos dias.

Preparação

  1. 1.

    Leia e pondere 3 Néfi 16, 20 e 21 e ore a respeito. Esses capítulos contêm parte dos ensinamentos do Salvador aos nefitas. Nessas passagens, o Senhor ensina e profetiza a respeito da restauração do evangelho e da coligação da casa de Israel nos últimos dias.

  2. 2.

    Leitura complementar: 3 Néfi 29–30; Mórmon 5:9-–24; Regras de Fé 1:10; Guia para Estudo das Escrituras, “Gentios”, p. 91; “Israel”, pp. 107–108.

  3. 3.

    Antes da aula, escreva as seguintes perguntas no quadro-negro:

    • O que é a casa de Israel?

    • Por que Israel foi dispersa?

    • Quem são os gentios?

    • Qual é o papel dos gentios na dispersão e coligação de Israel?

    • O que é a coligação de Israel?

    • Que sinais temos de que a coligação de Israel já começou?

    • Como membros da Igreja, quais são nossas responsabilidades na coligação de Israel?

  4. 4.

    Se for utilizar a atividade motivadora, leve para a sala de aula alguns dos seguintes objetos, ou todos eles:

    1. a.

      As gravuras Jacó Abençoa Seus Filhos (Pacote de Gravuras do Evangelho 122); Joseph Smith (62449 059; Pacote de Gravuras do Evangelho 400); e O Batismo de um Menino (62018 059) ou O Batismo (Pacote de Gravuras do Evangelho 601)

    2. b.

      Um exemplar do Livro de Mórmon.

    3. c.

      A plaqueta de um missionário ou outro objeto que represente a obra missionária.

    4. d.

      Uma fotografia de você e sua família.

Sugestões para a Apresentação da Lição

Atividade Motivadora

Se for adequado, use a seguinte atividade motivadora ou outra de sua própria escolha para dar início à aula.

Mostre os objetos que você trouxe para a sala de aula. (Ver “Preparação”, item 4.) Explique-lhes que cada um desses objetos representa parte importante da lição de hoje. Peça aos alunos que se lembrem desses objetos durante a aula e procurem formas de relacioná-los com 3 Néfi 16, 20 e 21.

Discussão e Aplicação das Escrituras

Em espírito de oração, escolha as passagens das escrituras, perguntas e outros tópicos da lição que melhor venham a atender às necessidades dos alunos. Discuta como as escrituras selecionadas podem aplicar-se à vida prática e incentive os alunos a relatar experiências relacionadas com os princípios contidos nas escrituras.

1. O Salvador profetiza a respeito da dispersão da casa de Israel.

Chame a atenção dos alunos para a primeira pergunta que está no quadro- negro (ver “Preparação”, item 3):

• O que é a casa de Israel?

Explique-lhes que os termos casa de Israel e Israel se referem aos descendentes de Jacó, cujo nome foi mudado para Israel. (Se tiver utilizado a atividade motivadora, mostre a gravura de Jacó abençoando seus filhos durante a explicação.) As escrituras fazem menção aos membros da casa de Israel como “o povo do convênio do Senhor” (1 Néfi 15:14) e “os filhos do convênio”. (3 Néfi 20:25–26) Os nefitas pertenciam à casa de Israel, pois eram descendentes de José, filho de Jacó. (1 Néfi 5:14)

Explique-lhes que o Salvador ensinou a respeito da dispersão de Israel. Em seguida, chame a atenção dos alunos para a segunda pergunta que está no quadro-negro:

• Por que Israel foi dispersa?

Peça a um aluno que leia 3 Néfi 16:4 em voz alta. Incentive os outros alunos a acompanharem a leitura, procurando a reposta da pergunta. Quando os alunos estiverem discutindo a pergunta, certifique-se de que eles entendam que os membros da casa de Israel foram “[espalhados] sobre a face da Terra por causa de sua incredulidade”.

2. O Salvador profetiza acerca da coligação literal da casa de Israel.

Chame a atenção dos alunos para a terceira pergunta que está no quadro- negro:

• Quem são os gentios?

Explique-lhes que, nas escrituras, o termo gentios é utilizado para designar tanto as pessoas que não nasceram na casa de Israel como as nações que estão sem o evangelho. Nos capítulos estudados nesta lição, refere-se às nações que estão sem o evangelho, ainda que algumas pessoas desses locais possam ser descendentes de Jacó. (Guia para Estudo das Escrituras, “Gentios”, p. 91)

Chame a atenção dos alunos para a quarta pergunta que está no quadro- negro:

• Qual é o papel dos gentios na dispersão e coligação de Israel?

Peça a um aluno que leia 3 Néfi 16:7–9 e 21:1–5. Incentive os demais alunos a acompanharem a leitura, procurando as respostas dessa pergunta.

Ressalte a profecia do Salvador de que os gentios desempenhariam um papel importante na dispersão de Israel. Saliente também a profecia de que seria por meio deles que Israel finalmente receberia o evangelho restaurado e seria coligada.

Chame a atenção dos alunos para a quinta pergunta que está no quadro- negro:

• Em que consiste a coligação de Israel?

Peça a um aluno que leia 3 Néfi 16:4, 12; 20:10–13. Incentive os demais alunos a acompanharem a leitura, procurando respostas para a pergunta. Quando os alunos estiverem discutindo a pergunta, assegure-se de que eles compreendam o seguinte:

A coligação de Israel acontece à medida que as pessoas adquirem um testemunho do Redentor e Seu evangelho restaurado e se filiam a Sua Igreja. (Se tiver utilizado a atividade motivadora, mostre a gravura do batismo durante a discussão.)

Nos primórdios da Igreja restaurada, parte da coligação de Israel incluía o mandamento que o Senhor dera aos membros de Sua Igreja de unir-se aos santos da América do Norte, fosse no Missouri, Illinois ou no Vale do Lago Salgado. Futuramente, ocorrerá outra coligação física, quando os membros da casa de Israel serão coligados para as terras de sua herança. (Ver a seção 3 desta lição.) Contudo, a coligação que está acontecendo agora é uma coligação espiritual.

O Presidente Spencer W. Kimball explicou: “A ‘coligação de Israel’ é consumada quando pessoas de países distantes aceitam o evangelho e permanecem em sua terra natal. O local de coligação de Israel para os mexicanos é o México; a Escandinávia, para as pessoas dos países nórdicos; o local de coligação dos alemães é a Alemanha; dos polinésios, as ilhas do Pacífico; dos brasileiros, o Brasil; dos argentinos, a Argentina.” (Conference Report, abril de 1975, p. 4; ou Ensign, maio de 1975, p. 4)

Chame a atenção dos alunos para a sexta pergunta que está no quadro- negro:

• Que sinais temos de que a coligação de Israel nos últimos dias já começou?

Peça a um aluno que leia 3 Néfi 21:2–7 e 29:1–2. Incentive os alunos a acompanharem a leitura, procurando respostas para essa pergunta.

• De que forma as “palavras” e “obras” dos nefitas chegaram aos gentios? (Por meio da tradução do Livro de Mórmon. Se tiver utilizado a atividade motivadora, use o exemplar do Livro de Mórmon durante a discussão.) Quais são alguns dos papéis que o Livro de Mórmon desempenha na coligação de Israel? (Podem-se encontrar alguns exemplos comparando-se 3 Néfi 16:4, 12 e 20:10–13 com 1 Néfi 6:3–4 e a folha de rosto do Livro de Mórmon. Ressalte que o Livro de Mórmon foi escrito para ensinar os convênios do Senhor e convencer todas as pessoas de que Jesus é o Cristo.)

• O Senhor falou de um servo que iria ajudar na “obra (…) grande e maravilhosa” de trazer à luz o Livro de Mórmon. (3 Néfi 21:9–10) Quem era esse servo? (Joseph Smith. Se tiver utilizado a atividade motivadora, mostre a gravura de Joseph Smith durante essa discussão.)

Ressalte que Joseph Smith era descendente literal de Jacó. (2 Néfi 3:3–8, 11–12), mas vivia em uma nação gentia. Seu trabalho de restaurar o evangelho e trazer à luz o Livro de Mórmon foi, assim, parte do cumprimento da promessa de que “a verdade [chegaria] aos gentios”. (3 Néfi 16:7)

• Peça a um aluno que leia 3 Néfi 16:11–12 em voz alta. O que o Senhor prometeu fazer depois que a plenitude do evangelho fosse restaurada por meio dos gentios? (Ele prometeu lembrar-Se de Seu convênio com a casa de Israel.)

• O convênio que o Senhor prometeu recordar é o convênio abraâmico. (3 Néfi 20:25, 27, 29, 21:4; Mórmon 5:20) Quais são as bênçãos e responsabilidades do convênio abraâmico? (Ver Gênesis 17:1–8; Abraão 2:6, 9–11.)

• O que acontecerá com os gentios que se arrependerem e se voltarem para Deus? (Ver 2 Néfi 30:2; 3 Néfi 16:13; 21:6, 22. Todos os que se arrependerem e vierem ao Senhor por meio do batismo serão contados entre Seu povo do convênio.)

O Presidente Joseph Fielding Smith declarou: “Toda pessoa que abraça o evangelho passa a ser da casa de Israel. Em outras palavras, torna-se membro da linhagem escolhida ou filho de Abraão por meio de Isaque e Jacó, aos quais foram feitas as promessas. A grande maioria dos que se tornam membros da Igreja são descendentes literais de Abraão por meio de Efraim, filho de José. Aqueles que não são descendentes literais de Abraão e Israel têm que passar a sê-lo; ao serem batizados e confirmados, eles são enxertados na árvore, outorgando-se-lhes todos os direitos e privilégios de herdeiros.” (Doutrinas de Salvação, comp. Bruce R. McConkie, [1955], 3º volume, p. 249)

Peça a um aluno que leia a sétima pergunta que está no quadro-negro:

• Como membros da Igreja, quais são nossas responsabilidades na coligação de Israel?

Dê aos alunos a oportunidade de responder à pergunta. Você pode também fazer a pergunta abaixo para estimular a discussão. Se tiver utilizado a atividade motivadora, mostre a fotografia e a plaqueta de missionário (ou outro objeto) durante essa discussão.

• A missão da Igreja é convidar todas as pessoas a virem a Cristo. Cumprimos essa missão ao proclamar o evangelho, redimir os mortos e aperfeiçoar os santos. De que forma a missão da Igreja contribui para a coligação de Israel?

3. O Salvador profetiza a respeito da coligação física da casa de Israel.

• Peça a um aluno que leia 3 Néfi 16:16 e 20:14 em voz alta. Segundo esses versículos, que promessa específica o Senhor fez aos nefitas? (Receberiam as terras das Américas como herança. Ver também 2 Néfi 1:5–7.) Que responsabilidades estão ligadas a essa promessa? (Ver Enos 1:10; Éter 2:8–9.)

• Peça aos alunos que se revezem na leitura de 3 Néfi 21:22–29. De acordo com esses versículos, o que acontecerá nessa terra da herança nos últimos dias? (Será construída uma cidade chamada Nova Jerusalém.)

Ressalte que a cidade original de Jerusalém também será restaurada. (3 Néfi 20:29–34) Os judeus receberão essa terra como herança.

• O Salvador disse que reuniria Seu povo e estabeleceria Sião no meio deles. (3 Néfi 21:1) Embora o termo Sião muitas vezes se refira a locais específicos, significa também um estado de coração e mente. De que forma Sião é descrita nas escrituras? (Ver D&C 97:21 e Moisés 7:18–19, onde há alguns exemplos.) Como podemos começar a estabelecer Sião em nosso lar, ala e estaca hoje em dia?

Conclusão

Lembre aos alunos que nos últimos dias, a expressão casa de Israel inclui todas as pessoas que se arrependerem, seguirem a Jesus Cristo e se batizarem em Sua Igreja. Incentive os alunos a viverem de modo a serem dignos de pertencer ao povo do convênio do Senhor. Conforme a orientação do Espírito, preste testemunho das verdades ensinadas na aula.