Sou Grato por Minhas Mãos

Primária 1: Sou um Filho de Deus, 1994


Propósito

Ajudar cada criança a ser grata por suas mãos e pelo que conseguem fazer.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Mateus 19:13–15 e Doutrina e Convênios 20:70; 35:6; 42:43–44.

  2. 2.

    Prepare uma sacola ou caixa contendo objetos com os quais as crianças estejam familiarizadas e que tenham diferentes formatos e texturas, como, por exemplo, uma pedra, uma folha de árvore, um pedaço de pano, uma colher, um pente e um lápis. Inclua pelo menos um objeto para cada criança da classe.

  3. 3.

    Se possível, faça uma cópia da folha de linguagem de sinais (encontrada no final da lição) para cada criança.

  4. 4.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Bíblia.

    2. b.

      Gravura 1–8: Distribuição do Sacramento; gravura 1–11: Menino Sendo Batizado; gravura 1–12: Menina Sendo Confirmada; gravura 1–39: Bênção de um Bebê; gravura 1–40: Administração dos Doentes.

  5. 5.

    Faça os preparativos necessários para as Atividades Complementares que deseje utilizar.

Observação para o professor: Preste atenção aos sentimentos de alguma criança da classe que tenha alguma deficiência física. Destaque as coisas que seu corpo pode realizar, ao invés de concentrar-se em suas deficiências.

Atividades de aprendizagem

Convide uma criança para fazer a oração de abertura.

Atividade Motivadora

Peça a uma criança que coloque a mão na sacola ou caixa que você preparou, sem olhar para dentro dela. Peça à criança que toque um dos objetos e fale sobre a impressão que ele lhe causa (macio, duro, liso, áspero) e, a seguir, tente adivinhar o que é. Retire o objeto da caixa ou sacola e mostre-o à classe. Deixe que as outras crianças o toquem. Continue até que todas as crianças tenham participado da atividade.

• O que vocês colocaram na sacola (ou caixa)?

• O que utilizaram para tocar o objeto?

Explique que as mãos são uma grande bênção para nós. Podemos usá-las de muitos modos.

Podemos fazer muitas coisas com as mãos

Peça às crianças que levantem as mãos e olhem para elas. Fale sobre o que cada criança pode fazer com as mãos. Elas podem pegar alguma coisa com os dedos; podem colocar alguma coisa na palma da mão; podem acenar e virar as mãos em diversas direções.

Atividade

Usando um objeto pequeno como um botão ou moeda, peça às crianças que, uma de cada vez, tentem pegar o objeto sem usar os polegares. Lembre a elas que cada parte de nosso corpo é importante.

Atividade

• Como suas mãos os ajudaram a preparar-se para vir à Igreja?

Peça às crianças que representem suas atividades matinais, como, por exemplo, lavar o rosto, vestir-se, pentear o cabelo, comer e escovar os dentes.

• Como suas mãos os ajudam a brincar?

Peça às crianças que façam os gestos que representam as maneiras como utilizam as mãos para brincar, como, por exemplo, bater a bola no chão, dar de comer a uma boneca, construir com blocos ou areia ou tocar tambor.

• Como suas mãos os ajudam a trabalhar?

Peça às crianças que façam os gestos que representam as maneiras como utilizam as mãos para trabalhar, como, por exemplo, pegar os brinquedos do chão, servir a mesa, fazer a cama ou alimentar o bichinho de estimação.

• Como suas mãos os ajudam quando vêm à Igreja?

Peça às crianças que representem as maneiras como utilizam as mãos na Igreja, como, por exemplo, para cumprimentar as pessoas, segurar uma gravura, levantar a mão para responder a uma pergunta ou tomar o sacramento.

Ajude as crianças a compreenderem que as mãos são uma grande bênção para nós e que o Pai Celestial e Jesus querem que usemos as mãos para ajudar a nós mesmos e a outros. Explique que o Pai Celestial e Jesus não querem que as usemos para fazermos algo ruim aos outros, como, por exemplo, bater, beliscar ou arranhar. Eles querem que aprendamos a usar as mãos da maneira correta.

Outras pessoas usam as mãos para nos ajudar

• Como seus pais e outros familiares usam as mãos para ajudá-lo?

Fale sobre como nossas famílias preparam nossas refeições, lavam nossas roupas, amarram nossos sapatos, brincam conosco e fazem muitas outras coisas para nós.

Explique que os homens que são portadores do sacerdócio podem nos abençoar pela imposição das mãos. Mostre as gravuras mencionadas na seção “Preparação”, uma de cada vez, e deixe que as crianças identifiquem os tipos diferentes de bênçãos que podemos receber através das mãos, por meio dos portadores do sacerdócio. Ajude-as a compreender que podemos receber uma bênção quando somos bebês; ser batizados quando fazemos oito anos; ser confirmados após o batismo e receber o dom do Espírito Santo; podemos também pegar o pão e a água, que é abençoado e distribuído por portadores do sacerdócio durante o sacramento todas as semanas; podemos receber bênçãos quando estamos doentes.

História

Abra a Bíblia em Mateus 19:13–15 e conte a história de Jesus abençoando as crianças. Leia a primeira parte do versículo 13 (até orasse) em voz alta. Fale como Jesus usou as mãos para abençoar as crianças.

Explique que Jesus também usou as mãos para ajudar as pessoas de outros modos, como abençoá-las quando estavam doentes ou eram cegas ou surdas.

Nossas mãos podem falar

Use suas mãos para acenar ou chamar alguém. Pergunte às crianças o que você estava dizendo com as mãos.

Explique que algumas pessoas que são surdas e que não conseguem ouvir ou falar, fazem sinais com as mãos. Esses sinais têm significados como as palavras. Essas pessoas falam com as mãos. Chamamos a isso de linguagem de sinais.

Atividade

Utilizando a folha “Nossas Mãos Podem Falar”, encontrada no final da lição, ensine as crianças a dizerem “pai”, “mãe” e “eu te amo” em linguagem de sinais. Se possível, dê a cada criança uma cópia da folha para que a levem para casa e mostrem-na a sua família.

Testemunho

Levante as mãos e expresse gratidão por elas. Encoraje as crianças a agradecerem ao Pai Celestial por suas mãos e a usá-las para ajudarem a si próprios e aos outros.

Atividades complementares

Escolha algumas das atividades seguintes para utilizar durante a lição:

  1. 1.

    Faça o contorno das mãos de cada criança numa folha de papel. Escreva “Sou grato(a) por minhas mãos” em cada folha e deixe as crianças colorirem o contorno de suas mãos e levarem para casa.

  2. 2.

    Ajude as crianças a cantarem ou repetirem a letra de “Minhas Mãos São Pequenas” (Música para Crianças). Improvise os gestos conforme sugeridos pela letra.

  3. 3.

    Se o local e as condições climáticas permitirem, leve as crianças para um breve passeio onde possam tocar objetos de diferentes texturas, como, por exemplo, tijolo, cimento, troncos de árvores e grama.

  4. 4.

    Faça a seguinte atividade para ajudar as crianças a contarem os dedos:

    Contar os Dedos

    Levante uma mão e use um dedo da outra mão para apontar e contar, começando com o dedo mínimo.

    Um dedo, dois dedos, três dedos, quatro
    Com o polegar já são cinco.
    Há cinco dedos numa só mão,
    Como o Pai Celestial planejou na Criação.

    Levante a outra mão e conte da mesma maneira.

    Um dedo, dois dedos, três dedos, quatro
    Com o polegar já são cinco.
    Há cinco dedos também nesta mão.
    Que sabem cumprir sua missão.

    Levante ambas as mãos e dobre cada dedo quando contá-lo.

    Dez ao todo—vamos contar mais uma vez.
    Um e dois e três e quatro,
    Cinco, seis, sete, oito, nove, dez—ei-los todinhos
    (Estique os dez dedos de uma só vez)
    Podem ficar abertos e retinhos.
  5. 5.

    Cante “É Bom Cantar” (Música para Crianças). Em cada verso, deixe as crianças mencionarem algo que as mãos podem fazer, tal como bater em uma bola, pegar uma flor, balançar uma boneca, tocar piano ou acenar para dar até-logo. (N. do T.: Ver atividade semelhante na Lição 9.)

  6. 6.

    Ajude as crianças com a seguinte atividade, usando os gestos sugeridos pelas palavras:

    Levanto As Mãos

    Levanto as mãos bem no alto
    Abaixo as mãos de uma vez
    Balanço as mãos para o lado
    Vejam só que rapidez!
    Coloco as mãos para frente
    Cerro os punhos para trás.
    Bato palmas, abro os dedos,
    O que é que minha mão não faz!

Atividades adicionais para crianças menores

  1. 1.

    Ajude as crianças a fazerem os gestos da atividade seguinte enquanto você diz as palavras:

    Boas Amigas

    Boas amigas são as mãozinhas (coloque as mãos diante do rosto e olhe para elas.)
    Passam o dia bem ocupadinhas (finja lavar as mãos, espanar os móveis, pentear o cabelo, mexer a comida na panela.)
    Podem ficar quietas ou fazer muito barulho! (cruze os braços e depois bata palmas.)
    Fazendo o que é certo, enchem-me de orgulho!
  2. 2.

    Peça às crianças que sentem-se em círculo. Descreva uma situação e peça-lhes que mostrem o que as mãos devem fazer naquela situação.

    Exemplos:

    Demonstre o que as mãos devem fazer antes de sentarem-se à mesa para almoçar ou jantar.
    Demonstre o que as mãos devem fazer enquanto escutamos uma história.
    Demonstre o que as mãos devem fazer quando alguém lhes pede que peguem os brinquedos do chão.
    Demonstre o que as mãos devem fazer durante uma oração.
  3. 3.

    Recite o versinho seguinte com as crianças, fazendo os gestos sugeridos pelas palavras:

    Bata Palminhas

    Bata palminhas; bata palminhas;
    Bata palminhas como eu.
    Toque o seu ombro; toque o seu ombro;
    Toque o seu ombro como eu.
    Bata nos joelhos; bata nos joelhos;
    Bata nos joelhos como eu.
    Balance a cabeça; balance a cabeça;
    Balance a cabeça como eu.
    Bata palminhas; bata palminhas;
    Pois todo mundo obedeceu.