Posso Amar os Outros

Primária 1: Sou um Filho de Deus, 1994


Propósito

Encorajar cada criança a expressar amor pelos outros por meio de palavras e ações gentis.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Mateus 7:12; Marcos 10:13–16; Lucas 10:30–37 e João 13:34.

  2. 2.

    Recorde a história da lição 19 a respeito da cura do cego por Jesus. (Ver João 9:1–7.)

  3. 3.

    Faça um coração de papel para cada criança da classe. Escreva Eu te amo em cada coração.

  4. 4.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Bíblia

    2. b.

      Gravura 1–3: Jesus, o Cristo [Pacote de Gravuras do Evangelho (34730 059)— 240]; gravura 1–43: Jesus Cura o Cego [Pacote de Gravuras do Evangelho (34730059)—213]; gravura 1–48: Crianças Brincando com Blocos; gravura 1–62: O Bom Samaritano [Pacote de Gravuras do Evangelho (34730 059)—218].

  5. 5.

    Faça os preparativos necessários para as Atividades Complementares que deseje utilizar.

Atividades de aprendizagem

Convide uma criança para fazer a oração de abertura.

Atividade Motivadora

Mostre a gravura 1–48, Crianças Brincando com Blocos.

• O que estas crianças estão fazendo?

• Vocês acham que elas são amigas?

• Como os amigos se tratam?

Lembre às crianças que os amigos se tratam com gentileza. Quando somos gentis para com os demais, mostramos nosso amor por eles.

Música

Com as crianças, cante ou repita a letra de “Ama Sempre ao Teu Irmão” (Músicas para Crianças), usando os gestos indicados abaixo:

“Ama sempre ao teu irmão” (abra bem os braços)
Ensinou Jesus.
Com amor no coração, (coloque as mãos no coração)
Temos sua luz.

Jesus demonstrou amor pelos demais sendo bondoso

Mostre a gravura 1–3, Jesus, o Cristo, e conte às crianças que Jesus nos disse para tratarmos os outros como gostaríamos que os outros nos tratassem. Mostre a Bíblia e leia Mateus 7:12 até fazei-lho também vós. Explique que essa escritura significa que se queremos que os outros sejam bondosos conosco, devemos ser bondosos com eles.

História

Mostre a gravura 1–43, Jesus Cura o Cego. Deixe as crianças ajudá-la a contar a história ilustrada pela gravura. (Ver João 9:1–7.)

• Como Jesus foi bondoso para com o cego?

História

Conte a história de Jesus abençoando as criancinhas, conforme se encontra em Marcos 10:13–16.

• Como Jesus foi gentil para com as criancinhas?

Enfatize que Jesus passou Sua vida ajudando os outros. Sendo bondoso e gentil, Jesus mostrava amor pelos outros. Explique que Jesus nos deu o mandamento de amarmos uns aos outros. Leia João 13:34 para as crianças. Peça às crianças que repitam algumas vezes: “Amai uns aos outros, como eu vos amei a vós”.

Música

Com as crianças, cante ou repita a letra de “Amai-vos Uns aos Outros” (Músicas para Crianças).

Amai-vos uns aos outros
Como eu vos amo.
Este é o novo mandamento.
Por isto saberão
Que sois meus discípulos,
Se vos amardesUns aos outros.

(Copyright © 1961, 1989 de Luciane C. Fox. Usado com permissão.)

Demonstramos amor pelos outros sendo gentis

História

Mostre a gravura 1–62, O Bom Samaritano, e conte a história do bom samaritano, conforme se encontra em Lucas 10:30–37.

• Quem foi bondoso na história?

• O que o samaritano fez para auxiliar o homem que estava ferido?

Ajude as crianças a pensarem em maneiras pelas quais possam ser gentis e bondosas para com os outros. Peça-lhes que partilhem suas idéias com os demais componentes da classe.

Explique que, às vezes, é difícil ser gentil com alguém, porque a pessoa pode parecer hostil ou diferente de nós. Ajude as crianças a compreenderem que todas as pessoas devem ser tratadas com gentileza e bondade. Mesmo que as pessoas pareçam hostis ou tenham uma aparência diferente da nossa (por exemplo, se a cor da pele for diferente ou se tiverem alguma deficiência), devemos tratá-las bondosamente.

Fale a respeito da importância de mostrar-se amor e gentileza em nossas famílias.

• Como podem demonstrar amor por seu pai e sua mãe? por seus irmãos e irmãs?

Enfatize que, quando somos bondosos para com nossas famílias, tornamos mais felizes não só a família, mas também o Pai Celestial e Jesus.

Explique que, algumas vezes, os bebês ou as crianças menores pegam ou quebram coisas que pertencem a nós. Ajude os alunos a compreenderem que as crianças muito pequenas nem sempre sabem o que estão fazendo. Precisamos tratá-las com bondade e não ficar zangados com elas. Caso tenhamos coisas que se quebrem, devemos mantê-las fora do alcance das crianças pequenas.

• Como podemos demonstrar amor pelo Pai Celestial e por Jesus?

Enfatize que demonstramos amor pelo Pai Celestial e por Jesus guardando os mandamentos, sendo reverentes na Igreja e sendo bondosos e prestativos com os outros.

Demonstramos amor falando gentilmente

Peça às crianças que sigam as instruções abaixo. Após obedecerem a cada uma das instruções, agradeça-lhes por terem feito o que lhes foi pedido.

  1. 1.

    Por favor, levantem-se.

  2. 2.

    Sentem-se, por favor.

  3. 3.

    Por favor, levantem-se e dêem uma volta sem sair do lugar. Por favor, sentem-se. Levantem-se mais uma vez, por favor.

  4. 4.

    Levantem as mãos bem alto, por favor.

  5. 5.

    Por favor, sentem-se em silêncio.

    • Que palavras gentis ou bem-educadas eu disse?

    • Como se sentem quando alguém lhes diz “por favor” e “obrigado”?

    Ajude as crianças a compreenderem que, se queremos que as pessoas nos falem com gentileza, devemos falar-lhes com gentileza também.

    Lembre às crianças outras expressões gentis, como “Desculpe-me” e “Com licença, por favor” e as situações em que tais expressões são utilizadas. Faça as seguintes perguntas ou outras semelhantes, conforme seja adequado aos hábitos locais:

    • Qual a maneira educada de se pedir um copo de água?

    • O que deve dizer quando alguém lhe dá um presente?

    • O que pode dizer se fizer com que alguém fique triste?

    • O que pode dizer para, educadamente, atrair a atenção de alguém?

    Explique que, mesmo que os outros falem conosco rispidamente algumas vezes, ainda assim devemos responder-lhes com gentileza.

Música

Cante “Ama Sempre ao Teu Irmão” novamente com as crianças.

Testemunho

Dê os parabéns às crianças pelas gentilezas que tenha observado nelas. Explique que, devido ao seu amor por todos, o Pai Celestial e Jesus ficam contentes quando vêem que somos gentis uns com os outros. Dê seu testemunho de que o Pai Celestial e Jesus querem que sejamos gentis e bondosos. Dê a cada criança um coração de papel. Digalhes quais são as palavras escritas no coração e fale de seu amor por elas.

Atividades complementares

Escolha algumas das atividades seguintes para utilizar durante a lição:

  1. 1.

    Leia os seguintes exemplos (ou crie seus próprios) e peça às crianças que levantem seus corações de papel se a ação descrita for gentil ou demonstrar amor. Peça-lhes que mantenham os corações no colo se a ação não for gentil nem demonstrar amor.

    • Esperar a sua vez quando estiverem jogando.

    • Ser resmungão.

    • Ajudar uma criança machucada.

    • Bater em alguém que o deixa com raiva.

    • Andar com reverência na capela.

    • Dizer “por favor” e “obrigado”.

    • Segurar a porta para alguém.

    • Fazer barulho na Igreja.

    • Ajudar na arrumação da casa.

    Lembre às crianças que, quando somos gentis para com os outros, estamos demonstrando amor, e o Pai Celestial e Jesus ficam contentes conosco.

  2. 2.

    Pense em diversas situações do dia-a-dia em que as crianças tenham a oportunidade de ser gentis e demonstrar amor para com os outros. Escreva as situações em pedaços de papel e peça a cada criança que escolha um pedaço de papel. Leia cada situação e peça à criança que diga como agir naquele caso. Pode usar os seguintes exemplos:

    • Você e seu amigo estão brincando juntos e uma outra criança chega até onde estão. O que deve fazer?

    • Você e sua irmã querem brincar com o mesmo brinquedo. O que deve fazer?

    • Seu irmãozinho pequeno pegou algo que lhe pertence. O que deve fazer?

  3. 3.

    Utilizando exemplos de sua ala ou da região onde vive, converse sobre como demonstrar bondade e amor para com as pessoas deficientes. Ajude as crianças a pensarem em maneiras específicas pelas quais possam ajudar uma pessoa que tenha uma deficiência.

    • Como podemos demonstrar amor por alguém que não consegue enxergar?

    • Como podemos demonstrar amor por alguém que não consegue ouvir?

    • Como podemos demonstrar amor por alguém que precisa de uma cadeira de rodas ou de muletas?

  4. 4.

    Ajude as crianças a compreenderem que, apesar de algumas pessoas falarem uma língua diferente ou terem a cor da pela diferente da nossa, somos todos filhos do Pai Celestial. Devemos ser gentis uns com os outros. Devemos tratar a todos como gostaríamos de ser tratados.

Atividades adicionais para crianças menores

  1. 1.

    Cante ou repita a letra de “A Bondade por Mim Começará” (Músicas para Crianças).

  2. 2.

    Ajude as crianças com a seguinte atividade:

    Um sorriso é coisa que pega, (puxe os cantos da boca para cima, demonstrando um sorriso)
    E quando me entristeço, (puxe os cantos da boca para baixo, demonstrando uma expressão de tristeza)
    Tento dar um sorriso, (puxe os cantos da boca para cima, demonstrando um sorriso)
    E logo feliz pareço. (Coloque ambas as mãos sobre o coração)

    (Adaptado de Pat Graham, “Feeling Glad”, Friend, março de 1990, p. 21.)