Falar com Outras Pessoas a respeito de Jesus Cristo

Primária 2: Conserva a Tua Rota A, 1995


Propósito

Inspirar cada uma das crianças a ajudar outras pessoas a aprenderem a respeito de Jesus Cristo.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Alma 17–19, 23.

  2. 2.

    Prepare-se para cantar ou repetir a letra de “Eu Quero Ser um Missionário”, p. 91 (Músicas para Crianças).

  3. 3.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Livro de Mórmon;

    2. b.

      Cartaz CTR (Ver a lição 1);

    3. c.

      Gravura 2–17, Quatro Filhos de Mosias Ajoelhados em Oração; gravura 2–18, Amon Ensina o Rei Lamôni.

  4. 4.

    Faça os preparativos necessários para quaisquer Atividades Complementares que deseje utilizar.

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

Convide uma criança para fazer a primeira oração.

Verifique alguma designação que tenha sido dada na semana anterior.

Revisão

Faça comentários a respeito da reverência das crianças e das palavras usadas na oração. Faça uma breve revisão da lição anterior para salientar a importância da oração.

Os Missionários Falam com Outras Pessoas a respeito de Jesus Cristo

Atividade Motivadora

Cante ou repita com as crianças a letra de “Eu Quero Ser um Missionário”.

Eu quero ser um missionário
Quando eu crescer um pouco mais.
Espero estar bem preparado
Para pregar tal como o missionário faz.
Eu vou levar o evangelho
A quem quiser receber.
Eu quero ser um missionário
Para servir a Cristo quando eu crescer.

• Vocês conhecem algum missionário?

Deixe as crianças falarem a respeito dos missionários que conheçam, como familiares que estejam em missão ou missionários servindo na área em que residem.

• O que os missionários fazem?

Explique que nesta lição as crianças aprenderão a respeito de como ser missionárias enquanto ainda são crianças.

História das escrituras Mostre às crianças o Livro de Mórmon e conte a história dos filhos de Mosias, como se encontra em Alma 17:6–12. Explique que qualquer um dos filhos do Rei Mosias poderia ter sido o próximo rei, mas todos preferiram ser missionários. Eles queriam ensinar os lamanitas, que eram muito iníquos naquela época. Os filhos de Mosias queriam que todas as pessoas tivessem a oportunidade de ouvir o evangelho. Explique que por serem os lamanitas tão iníquos, era perigoso para os filhos de Mosias servir como missionários entre eles.

• Como vocês acham que os filhos de Mosias se prepararam antes de servir entre os lamanitas?

Mostre a gravura 2–17, Quatro Filhos de Mosias Ajoelhados em Oração.

Explique que os filhos de Mosias oraram e pediram ao Pai Celestial que os ajudasse a serem bons missionários. O Pai Celestial disse-lhes que os protegeria e que eles seriam capazes de ensinar muitas pessoas (Ver Alma 17:10–11). Leia Alma 17:12. Saliente que a oração ajudou dar coragem aos filhos de Mosias para que ensinassem os lamanitas.

História das escrituras Explique que cada um dos filhos de Mosias foi missionário em uma área diferente. Mostre a gravura 2–18, Amon Ensinando o Rei Lamôni, e conte a história que se encontra em Alma 17:17–25. Explique que Amon, um dos filhos de Mosias, ofereceu-se para ser servo de um rei lamanita, o Rei Lamôni. Amon foi designado para cuidar das ovelhas do rei. Amon foi o melhor servo que o Rei Lamôni teve. Ele deu um exemplo tão bom que o Rei Lamôni e seu povo quiseram aprender a respeito do evangelho.

Explique que, devido ao trabalho de Amon e seus irmãos, milhares de lamanitas tornaram-se membros da Igreja (Ver Alma 23:5).

Debate

• Por que Amon e seus irmãos arriscaram a vida para ensinar o evangelho aos lamanitas? (O evangelho trouxera-lhes felicidade e eles queriam partilhá-la com outras pessoas.)

• O que fez Amon que o ajudou a ensinar o evangelho aos lamanitas? (Orou pedindo ajuda; trabalhou muito; deu bom exemplo.)

Ser Missionários

Explique que uma das maneiras de sermos missionários é falar de Jesus Cristo a outras pessoas. É importante que todos aprendam a respeito de Jesus e de Sua Igreja.

História

Conte uma história sobre de uma criança que ajudou outras pessoas a aprenderem a respeito de Jesus Cristo e de Sua Igreja. Você pode utilizar a seguinte história:

Tadeu tinha, às vezes, dificuldade para concentrar-se nos discursos da conferência da estaca porque lhe parecia que todos eles eram dirigidos aos adultos. Porém, ao ouvir o presidente da estaca dizer “Crianças, vocês também podem ser missionárias”, Tadeu prestou atenção e começou a pensar como ele poderia agir como missionário e falar de Jesus com outras pessoas.

Na manhã seguinte, durante o dejejum, Tadeu sugeriu aos pais convidar dona Joana, a vizinha do lado, para aprender a respeito da Igreja. Os pais de Tadeu acharam uma boa idéia e ele perguntou a dona Joana se ela gostaria de aprender a respeito de Jesus e Sua Igreja. Dona Joana disse que sim e logo os missionários estavam dando as palestras a ela.

• O que teria acontecido se Tadeu não tivesse perguntado a dona Joana se ela queria aprender a respeito de Jesus e Sua Igreja?

Os pais de Tadeu começaram a seguir seu exemplo. Eles passaram a falar a respeito da Igreja com os amigos e outras pessoas que encontravam. Algumas não estavam interessadas na Igreja, mas outras estavam e batizaram-se. Quando dona Joana foi batizada, ela agradeceu Tadeu por tê-la ajudado a aprender mais a respeito do Salvador.

Debate

Utilizando o exemplo de Tadeu, mostre que as crianças podem ser missionárias e falar de Jesus Cristo e Sua Igreja a outras pessoas.

• Com quem vocês podem falar a respeito de Jesus?

Ajude as crianças a pensarem em pessoas com quem podem falar de Jesus, tais como amigos, vizinhos e parentes que não sejam membros da Igreja ou que não estejam ativos.

Explique que cada um de nós pode também ser missionário dando bons exemplos, sendo gentis, tendo consideração para com os outros e vivendo o evangelho. Lembre às crianças que uma das maneiras pelas quais Amon foi um bom missionário foi sendo um bom exemplo.

História

Utilizando suas próprias palavras, conte a seguinte história a respeito de crianças que foram missionárias:

Um dia, dois missionários bateram à porta de uma casa. Uma mulher chamada Vera abriu a porta. Os missionários disseram-lhe que eram da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Dona Vera convidou os missionários para entrar e disse-lhes que gostaria de aprender mais a respeito da Igreja. Os missionários ficaram muito contentes.

Dona Vera disse-lhes que era vizinha de uma família que pertencia à Igreja e que as crianças eram sempre muito educadas e gentis. Sempre respeitavam as regras das brincadeiras e tratavam a propriedade dos outros com respeito. Dona Vera disse que gostaria de aprender a respeito de uma Igreja que ensinasse as crianças a serem tão bons vizinhos.

• De que maneira as crianças que eram vizinhas de Dona Vera foram boas missionárias?

• Como vocês podem ser bons exemplos para seus vizinhos e amigos?

Dramatização

Explique às crianças que elas irão dramatizar diversas situações em que poderiam ser missionárias, sendo gentis e tendo consideração pelos outros.

Peça às criança que prestem atenção à situação e escolham as crianças para dramatizar o que fariam na situação. Dê a cada criança a oportunidade de participar em pelo menos uma situação. Use os exemplos a seguir ou crie seus próprios:

Situação 1 (três crianças)

Dois de vocês estão andando pela rua e vêem uma criança pequena começando a subir em uma árvore. Vocês sabem que o que ela está fazendo é perigoso.

• O que vocês fariam?

Situação 2 (duas crianças)

Você vê uma vizinha com muitas sacolas de supermercado nos braços. Uma das sacolas estoura e muitas laranjas espalham-se pelo chão.

• O que vocês fariam?

Situação 3 (três ou mais crianças)

Vocês estão brincando com alguns amigos. Uma criança que acabou de se mudar para a vizinhança quer brincar com vocês.

• O que vocês fariam?

Situação 4 (Quatro ou mais crianças)

Uma nova família mudou-se para sua vizinhança. Eles não são membros da Igreja. Você fica pensando se as crianças gostariam de ir a uma atividade da Primária na próxima semana.

• O que vocês fariam?

Depois da dramatização, agradeça às crianças por serem boas missionárias.

Resumo

Cartaz CTR

Mostre o cartaz CTR ou peça às crianças que olhem para seu anel CTR. Diga-lhes que, ao serem missionárias, elas estão conservando sua rota por tomarem a decisão correta e seguir a Jesus Cristo. Peça-lhes que repitam as palavras do cartaz (ou digam o que significam as iniciais do anel.)

Testemunho

Elogie as crianças por desejarem ser boas missionárias. Preste testemunho a respeito da importância de ensinar todas as pessoas a respeito de Jesus Cristo e Sua Igreja. Aprender a respeito de Jesus e Sua Igreja nos torna felizes.

Ajude cada uma das crianças a pensar como possa vir a ser missionária na semana vindoura. As sugestões não precisam ser longas nem complicadas. Lembre às crianças de que podem ser boas missionárias sendo amigáveis e ajudando outros, assim como convidando outras pessoas para aprender a respeito da Igreja.

Encoraje as crianças a falarem com sua família a respeito de como podem ser missionárias.

Convide uma das crianças para fazer a última oração.

Atividades Complementares

Escolha dentre as atividades seguintes as que melhor se adaptem às crianças de sua classe. Você pode utilizá-las na própria lição ou como revisão ou resumo. Para informações adicionais, ver “Distribuição do Tempo da Aula” em “Auxílios para o Professor”.

  1. 1.

    Com a aprovação da presidente da Primária, convide os missionários que trabalham atualmente em sua área ou algum ex-missionário para visitarem a classe nos minutos finais da aula e dizerem às crianças como elas podem ser boas missionárias agora.

  2. 2.

    Conte às crianças a respeito de uma ocasião em que os missionários ajudaram você ou em que você conseguiu ajudar alguém a aprender a respeito de Jesus Cristo e Sua Igreja. Conte-lhes como essa experiência o fez sentir-se.

  3. 3.

    Peça às crianças que desenhem a si próprias como missionárias. Escreva em cada desenho:

    (Nome da criança)
    Missionário (a)
    A Igreja de Jesus Cristo
    dos Santos dos Últimos Dias
  4. 4.

    Cante ou repita a letra da primeira estrofe de “Um Missionário Já Eu Quero Ser”, p. 90 (Músicas para Crianças) ou “Levaremos ao Mundo a Verdade”, p. 92.

    Um Missionário Já Eu Quero Ser

    Um missionário já eu quero ser,
    Não vou esperar até crescer.
    O evangelho quero partilhar
    Pois um testemunho próprio já ganhei.

    Levaremos ao Mundo a Verdade

    Tal como Néfi somos nascidos
    de pais bondosos que amam a Deus,
    Que desde a infância nos ensinaram
    a seguir os caminhos seus.
    Estribilho
    Somos como o exército de Helamã
    Na nossa infância aprendemos:
    Devemos ser fiéis missionários
    E ao mundo verdade levar.
    (© 1983 by Janice Kapp Perry. Usado com permissão.)