Demonstrar Gratidão

Primária 2: Conserva a Tua Rota A, 1995


Propósito

Incentivar cada uma das crianças a sentir e demonstrar gratidão pelo Pai Celestial.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Lucas 17:11–19 e I Tessalonicenses 5:18.

  2. 2.

    Prepare-se para cantar ou repetir a letra de “Crianças de Todo o Mundo”, p. 4 (Músicas para Crianças).

  3. 3.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Bíblia;

    2. b.

      Uma xícara pequena, uma colher grande, uma vasilha com água, e uma panela ou prato raso onde caibam a xícara e a vasilha com água;

    3. c.

      Lápis de cor e papel para cada uma das crianças;

    4. d.

      Quadro-negro, giz e apagador;

    5. e.

      Gravura 2–45, Os Dez Leprosos [Pacote de Gravuras do Evangelho (34730 059) – 221].

  4. 4.

    Faça os preparativos necessários para quaisquer Atividades Complementares que deseje utilizar.

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

Convide uma criança para fazer a primeira oração.

Verifique alguma designação que tenha sido dada na semana anterior.

Recebemos Muitas Bênçãos

Atividade motivadora

Mostre a xícara vazia, a colher e a vasilha com água. Peça às crianças que pensem nas muitas bênçãos que o Pai Celestial já lhes deu e explique que a cada bênção mencionada elas deverão pegar uma colherada de água e colocá-la na xícara.

Coloque a xícara e a vasilha de água numa panela ou prato para evitar respingos e coloque-os sobre a mesa ou no chão. Utilize as seguintes perguntas para ajudar as crianças a pensarem a respeito das bênçãos:

  • Quais são algumas das belas criações que o Pai Celestial nos deu?

  • Quem são algumas das pessoas especiais com as quais Ele nos abençoou?

  • Quais algumas das coisas que nosso corpo maravilhoso consegue fazer?

Peça às crianças, uma por vez, que mencionem as bênçãos e coloquem as colheradas de água na xícara, até que ela esteja quase transbordando. Explique que o Pai Celestial nos ama e nos deu muitas bênçãos. Quando pensamos nessas bênçãos, ficamos gratos e sentimos amor pelo Pai Celestial. O Pai Celestial nos deu tantas bênçãos que podemos transbordar de amor, assim como a xícara transborda com a água.

Devemos Sentir e Mostrar Gratidão

História e debate

Conte a seguinte história com suas próprias palavras:

O aniversário de Laura estava chegando e sua avó queria fazer um presente bem bonito para ela. Apesar de a visão da avó já não estar muito boa e ser-lhe difícil costurar, ela decidiu fazer uma boneca para Laura. Passou muito tempo fazendo uma boneca com os cabelos trançados, o rosto bordado e um belo vestido de rendas. No aniversário de Laura, a avó embrulhou a boneca e levou-a até a casa de Laura.

Diga às crianças que você irá lhes contar dois finais diferentes para a história. Peça-lhes que prestem bastante atenção e decidam qual o melhor final.

Final 1

Laura estava muito animada com o aniversário e os presentes. Ela os abria com rapidez. Quando chegou ao presente da avó, abriu o embrulho, olhou a boneca por um momento e colocou-a de lado, passando ao presente seguinte.

• Vocês acham que Laura gostou da boneca?

• Como vocês acham que a avó de Laura se sentiu?

Final 2

Laura estava muito animada com o aniversário e os presentes. Ela os abria com todo o cuidado. Quando abriu o embrulho trazido pela avó, ficou muito contente. Ela acariciou o cabelo trançado da boneca, o rosto bordado e o vestido de renda. A seguir, correu para a avó e deu-lhe um grande abraço. “Muito obrigada, vovó”, sussurrou Laura.

• Vocês acham que Laura gostou da boneca?

• Como vocês acham que a avó de Laura se sentiu?

• Em qual dos finais Laura demonstrou amor pela avó e gratidão pelas muitas horas gastas pela avó para fazer a boneca?

Debate

Escreva a palavra gratidão no quadro-negro e repita-a com as crianças. Explique que gratidão é o ato de sentir-se agradecido. Quando ficamos agradecidos por alguma coisa que alguém fez para nós ou nos deu, devemos demonstrar nossa gratidão.

• Como Laura demonstrou sua gratidão pela boneca no segundo final da história?

Explique que quando sentimos e demonstramos gratidão, ficamos felizes e a pessoa a quem agradecemos também fica feliz. Debata o amor e felicidade partilhados por Laura e sua avó por ter Laura sentido e demonstrado gratidão.

História das escrituras e debate

Mostre a gravura 2–45, Os Dez Leprosos, e conte a história encontrada em Lucas 17:11–19.

Explique que a lepra é uma doença de pele que destrói partes do corpo. As pessoas tinham medo dos leprosos porque pensavam que poderiam pegar a doença; os leprosos tinham de manter-se afastados de seus familiares e amigos.

Saliente que quando os leprosos fizeram o que Jesus Cristo lhes disse que fizessem, ficaram curados da lepra e puderam viver com a família e os amigos novamente.

• Como vocês se sentiriam se Jesus Cristo tivesse feito esse grande milagre por vocês?

Peça às crianças que prestem atenção enquanto você lê Lucas 17:15–17 para que descubram como os leprosos demonstraram sua gratidão.

• Quantos leprosos ficaram curados?

Peça às crianças que mostrem os dez dedos.

• Quantos dos leprosos voltaram para agradecer a Jesus?

Peça às crianças que abaixem nove dedos. Saliente que somente um homem em dez demonstrou gratidão a Jesus pelo grandioso milagre.

• Por que vocês acham que só um dos homens voltou para agradecer a Jesus?

Agradecer ao Pai Celestial em Nossas Orações

Debate de escrituras

Leia I Tessalonicenses 5:18 para as crianças.

• O que essa escritura diz que devemos fazer?

Lembre às crianças que o Pai Celestial deu muitas bênçãos a cada um de nós. Ele fica feliz quando Lhe agradecemos por nossas bênçãos.

• Como agradecemos ao Pai Celestial as muitas bênçãos que Ele nos dá?

Música

Cante ou repita a letra de “Crianças de Todo o Mundo”.

Em todo o mundo ao anoitecer
as crianças oram ao Pai Celestial
agradecendo em sua língua natal;
dando graças, graças em sua língua natal.
Gracias”, “Malo”, “Wir danken dir”.
Em vários lugares se pode ouvir
Uns dizem “Tak”, outros “Merci”,
E obrigado se diz aqui.
O Pai Celestial as ouve
E entende sua voz
Pois Ele as conhece
Ele ama, ama, todos nós.

Debate

• Quando oramos?

Comente os diversos momentos em que oramos e as coisas pelas quais agradecemos ao Pai Celestial em cada oração. Por exemplo, quando oramos antes das refeições, agradecemos ao Pai Celestial por dar-nos o que comer. Saliente a importância de lembrar de agradecer ao Pai Celestial em nossas orações.

Demonstrar Gratidão por meio de Nossos Atos

Atividade

Explique que também demonstramos gratidão por meio das coisas que fazemos. Quando obedecemos aos mandamentos e fazemos as coisas que o Pai Celestial nos pediu para fazer, mostramos que amamos ao Pai Celestial e que somos gratos pelo que Ele nos dá.

Descreva algumas situações nas quais uma pessoa poderia demonstrar gratidão por meio de seus atos. Peça às crianças que digam como cada pessoa poderia demonstrar gratidão sendo obediente ao Pai Celestial. Use as seguintes situações ou invente outras:

  1. 1.

    Maria é a filha mais velha. Ela tem dois irmãos e duas irmãs mais novas. Ela é grata por sua família.

    • Como Maria pode demonstrar ao Pai Celestial que é grata por sua família? (Mostrando amor e sendo gentil para com cada um de seus familiares.)

  2. 2.

    O vizinho de João paga-lhe para que ele faça algumas tarefas. Ele é grato ao Pai Celestial por ter encontrado um trabalho.

    • Como João pode demonstrar sua gratidão ao Pai Celestial? (Pagando o dízimo do dinheiro que recebe.)

  3. 3.

    Juliana gosta muito de jogar bola. Ela é grata pela saúde e energia que o Pai Celestial lhe deu.

    • O que Juliana pode fazer para demonstrar gratidão ao Pai Celestial por seu corpo? (Obedecer à Palavra de Sabedoria; comer os alimentos corretos e cuidar do corpo.)

  4. 4.

    Os missionários ensinaram o evangelho à família de José, e todos foram batizados. Ele ficou muito grato aos missionários.

    • O que José pode fazer para demonstrar sua gratidão ao Pai Celestial? (Preparar-se para servir como missionário quando for mais velho.)

  5. 5.

    Ana espera ansiosamente pelo domingo. Ela adora ir à Primária. Ela é grata pela Igreja.

    • O que Ana pode fazer para demonstrar gratidão ao Pai Celestial? (Comparecer a todas as reuniões; ser reverente na igreja.)

Resumo

Atividade artística

Dê papel e lápis de cor às crianças e peça-lhes que façam desenhos de coisas pelas quais são gratas. Convide as crianças a explicarem seus desenhos para as outras.

Testemunho

Diga às crianças o quanto você é grato por ser o professor delas. Explique como você demonstra gratidão ao Pai Celestial pelas bênçãos que Ele lhe concede. Testifique que o Pai Celestial nos deu muitas bênçãos e que Ele fica feliz quando sentimos gratidão e agradecemos a Ele pelas bênçãos.

Incentive as crianças a lembrarem-se de agradecer ao Pai Celestial pelas bênçãos em suas orações e em seus atos durante a semana vindoura.

Ao se prepararem para a última oração, pergunte às crianças quais as coisas pelas quais podem agradecer ao Pai Celestial na oração de encerramento da aula. Convide uma criança para fazer a última oração.

Atividades Complementares

Escolha dentre as atividades seguintes as que melhor se adaptem às crianças de sua classe. Pode utilizá-las na própria lição ou como revisão ou resumo. Para mais informações, ver “Distribuição do Tempo da Aula” em “Auxílios para o Professor”.

  1. 1.

    Peça às crianças que digam quais são seus animais, legumes e frutas preferidos. Saliente que o Pai Celestial e Jesus Cristo criaram todas essas coisas para que as desfrutemos. Devemos nos lembrar de demonstrar gratidão por elas.

  2. 2.

    Mostre algumas gravuras de animais. Comente os cuidados que os animais precisam, como, por exemplo, água, alimento, cuidados físicos e amor. Explique que ao cuidarmos dos animais e das outras criações do Pai Celestial demonstramos nossa gratidão por elas.

  3. 3.

    Caso esteja disponível, passe o segmento “Reverência por Deus e Suas Criações” do Suplemento em Vídeo da Noite Familiar, nº 2. Saliente que o Pai Celestial planejou e Jesus Cristo criou todas as coisas que necessitamos para viver e ser felizes. Devemos demonstrar a Eles o quão gratos somos por Suas muitas bênçãos.

  4. 4.

    Cante ou repita a letra de “Graças ao Pai Celestial”, p. 15 (Músicas para Crianças), “Um Pequeno Como Eu”, p. 14 (Músicas para Crianças) ou “Ó Pai Querido, Dou Graças”, p. 9 (Músicas para Crianças). A letra de “Ó Pai Querido, Dou Graças” está incluída no final deste manual.

    Diga às crianças que também agradecemos ao Pai Celestial quando cantamos. Explique que os hinos de louvor ao Pai Celestial são semelhantes a orações (Ver D&C 25:12).

    Graças ao Pai Celestial

    Ao bom Pai Celestial graças e louvor
    Pois é Ele que nos dá tudo com amor.
    Dá-nos olhos para ver, dá-nos pés e mãos
    E ouvidos para ouvir, roupas, casa e pão.
    Graças pelo nosso lar e por nossos pais,
    Pelos nossos bons irmãos, e por tudo mais.
    Ao bom Pai Celestial graças e louvor
    Pois é Ele que nos dá tudo com amor.

    “Um Pequeno Como Eu”

    Um pequeno como eu
    Saberá agradecer
    Ao bom Pai Celestial?
    Sim, oh, sim, bem pode ser!
    Quando faço oração
    Digo assim, de coração:
    “Eu te agradeço por minhas bênçãos,
    Querido e bom Pai Celestial!”
    Pelo fruto e pela flor,
    Pelo pássaro a cantar,
    Pelo sol e seu calor,
    Pela noite a me embalar.
    Pela casa e pelo pão
    Digo assim, de coração:
    “Eu te agradeço por minhas bênçãos,
    Querido e bom Pai Celestial!”