Ser Bondoso

Primária 2: Conserva a Tua Rota A, 1995


Propósito

Incentivar as crianças a serem bondosas para com os outros

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Lucas 10:25–37 e João 13:34–35, 15:12. Ver também Mateus 22:36–40 e Princípios do Evangelho (31110 059), capítulo 30.

  2. 2.

    Prepare-se para cantar ou repetir a letra de “Ama Sempre ao Teu Irmão”, p. 39 (Músicas para Crianças). A letra está incluída no final deste manual.

  3. 3.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Bíblia;

    2. b.

      Recorte 2–1, homem ferido; recorte 2–2, sacerdote; recorte 2–3, levita; recorte 2–4, samaritano.

  4. 4.

    Faça os preparativos necessários para quaisquer Atividades Complementares que deseje utilizar.

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

Convide uma criança para fazer a primeira oração.

Verifique alguma designação que tenha sido dada na semana anterior. Você pode pedir-lhes que relatem as maneiras pelas quais partilharam alguma coisa durante a semana.

Jesus Cristo Nos Ensinou a Sermos Bondosos para com Todos

Atividade motivadora

Mostre às crianças o mapa da Terra Santa que se encontra no final da lição.

• O que é isso? (Um mapa)

Se as crianças não estiverem familiarizadas com mapas, explique-lhes que um mapa é o desenho de uma certa região, como, por exemplo, um país ou cidade. As pessoas usam os mapas para indicar-lhes como ir de um lugar para outro. Aponte algumas características do mapa, como, por exemplo, áreas terrestres, o mar e os rios.

Explique que esse mapa mostra a Terra Santa, o local onde Jesus Cristo vivia quando estava na Terra.

Mostre a Judéia. Explique que as pessoas que viviam nessa parte da Terra Santa eram chamadas de judeus.

Mostre a Samaria. Explique que as pessoas que viviam em Samaria eram chamadas de samaritanos.

Explique que na época de Jesus, os judeus e os samaritanos não se entendiam e não gostavam uns dos outros. Os judeus se achavam melhores que os samaritanos. Como eles não gostavam dos samaritanos, quando tinham que ir à Galiléia (aponte a Galiléia no mapa) eles contornavam a Samaria para não passar por ela, embora fosse muito mais perto atravessá-la. Mostre como é muito mais longe contornar a Samaria do que cruzá-la.

História das escrituras com recortes

Explique que quando Jesus Cristo estava na Terra, Ele freqüentemente contava histórias para ajudar as pessoas a compreenderem Seus ensinamentos. Uma das histórias que Ele contou falava sobre um samaritano.

Conte a história do bom samaritano, conforme encontrada em Lucas 10:30–37. Convide algumas crianças a ajudar segurando os recortes nos momentos adequados.

Dê destaque aos seguintes pontos, ao contar a história:

  1. 1.

    O homem ferido estava viajando de Jerusalém para Jericó (aponte as duas cidades no mapa).

  2. 2.

    O primeiro homem que passou e não ajudou o ferido era um sacerdote judeu. Os sacerdotes trabalhavam no templo e eram considerados homens justos e santos.

  3. 3.

    O segundo homem que passou por ali e não ajudou era um levita. Os levitas também trabalhavam no templo e eram pessoas importantes na religião dos judeus.

  4. 4.

    O terceiro homem era um samaritano. Ele parou para ajudar o homem machucado.

Explique que por esse samaritano ter sido tão bondoso, ele é chamado de o bom samaritano.

Peça às crianças que lhe devolvam os recortes.

Dramatização

Peça às crianças que dramatizem a história do bom samaritano, ou façam uma brincadeira chamada “Siga-me a Jericó” do seguinte modo:

Peça a uma criança que se deite no chão ou se sente em uma cadeira, fazendo de conta que está machucada. Você e as outras crianças fazem de conta que estão viajando na estrada para Jericó. Peça às crianças que o sigam e façam o que você fizer.

Em primeiro lugar, finja ser o sacerdote andando na estrada. Comece a andar pela sala. De repente, você vê alguém à beira da estrada. Ele está muito machucado.

• O que o sacerdote fez?

Finja atravessar a estrada, indicando que você não ajudará o homem ferido.

A seguir, faça de conta ser o levita. Ande pela sala. Você enxerga alguém deitado na estrada. Suas roupas foram roubadas e ele está muito ferido.

• O que o levita fez?

Pare e olhe para a pessoa ferida. A seguir, continue sua viagem sem ajudá-lo.

Finja agora ser o samaritano. Ande pela sala. Você vê alguém ferido na estrada.

• O que o samaritano fez?

Represente as ações bondosas do samaritano. (Caso a classe seja grande, você pode designar crianças diferentes para representarem ações diferentes.) Finja limpar as feridas do homem, colocá-lo em um burro, levá-lo para a estalagem e prometer pagar ao hospedeiro o que ele gastar para cuidar do ferido.

Diga às crianças que agora que cuidaram do homem machucado, devem voltar a seus lugares, sentar-se e colocar as mãos no colo em silêncio.

Debate

• Qual dos homens foi bondoso?

• Qual dos homens fez aquilo que o Salvador gostaria que fizesse?

Explique que depois de Jesus ter contado a história, Ele disse que devemos fazer o mesmo que o bom samaritano e ser bondosos para com todos.

Tratar os Outros com Bondade

Explique que ser bondoso com todo o mundo nem sempre é fácil, especialmente quando alguém faz com que fiquemos sem graça ou nos trata com rispidez.

História

Com suas próprias palavras, conte a seguinte história a respeito de uma menina que aprendeu uma grande lição quando outra criança a tratou rispidamente. Peça às crianças que prestem atenção para verem como ela solucionou o problema.

Luísa e Tadeu eram amigos e gostavam de brincar juntos. Uma tarde, no entanto, eles começaram a brigar. Luísa disse um nome feio para Tadeu e ele a empurrou. Quando ela começou a chorar, ele fez uma careta para ela.

• O que você faria se fosse Luísa?

Luísa foi chamar seu pai. Ela sabia que ele iria ajudá-la. Ela disse a seu pai que Tadeu a tinha empurrado e sido mau para com ela. Ela pediu ao pai que fosse até lá e repreendesse Tadeu.

O pai de Luísa disse-lhe que repreender Tadeu talvez não fosse a melhor coisa a fazer. Em vez disso, mandou que Luísa fosse até a cozinha e passasse um pouco de geléia em alguns biscoitos e os oferecesse a Tadeu. Caso assim o fizesse, disse o pai, teria um amigo em vez de um inimigo.

Luísa fez o que o pai mandou. Ao sair e oferecer os biscoitos com geléia a Tadeu, ele a encarou por um instante e logo aceitou o que ela lhe oferecia. Tadeu e Luísa logo sorriram um para o outro e sentaram-se para comer os biscoitos com geléia. Logo ficaram amigos novamente. [Adaptado de Lucile C. Reading, “A Piece of Bread and Jam” (Um Pedaço de Pão com Geléia) Children’s Friend, abril de 1967, p. 13.]

Debate

• O que Luísa queria fazer depois que Tadeu a empurrou?

• Qual é nossa primeira reação quando as pessoas são ríspidas para conosco?

• O que aconteceu quando Luísa foi gentil para com Tadeu?

• O que teria acontecido se Luísa não tivesse sido gentil para com Tadeu?

Lembre às crianças que Jesus quer que sejamos bondosos e gentis para com os outros, ainda que eles não o sejam conosco.

Escritura

Mostre a Bíblia e leia João 15:12 em voz alta. Explique que essas são palavras de Jesus Cristo. Ele nos deu o mandamento de que amássemos uns aos outros. Quando somos bondosos e gentis para com os outros, estamos demonstrando amor.

Música

Cante ou repita a letra de “Ama Sempre ao Teu Irmão”. Explique que essa música nos lembra de ser bondosos e gentis e de fazer o que Jesus gostaria que fizéssemos.

Debate

Descreva algumas situações em que as crianças tenham a oportunidade de escolher ser bondosas e gentis e pergunte-lhes o que fariam em cada uma delas. Lembre-lhes de pensarem na letra da música que cantaram, se precisarem de ajuda para decidir o que fazer. Use as seguintes situações ou crie suas próprias:

  1. 1.

    Andando pela rua, você vê que alguém sofreu um acidente de bicicleta. Ao se aproximar, vê que é um garoto que o está sempre a provocar. A perna da calça dele está presa na corrente da bicicleta, e ele não consegue se soltar sem ajuda de alguém.

    • O que você faria para ser bondoso e gentil para com ele?

  2. 2.

    Você planejou sua festa de aniversário para a próxima semana e quer convidar todas as crianças da vizinhança com exceção de uma menina que se mudou há pouco tempo para sua rua. Ela nunca sorri e você não gosta muito de brincar com ela.

  3. 3.

    Ao brincar com seus amigos, você escorrega e cai. Um deles diz que você é desastrada e dá risada de você. Agora é ele quem caiu e está chorando.

    • O que você faria para ser bondo so e gentil para com ele?

  4. 4.

    Um menino de sua classe anda de muletas. Quando todas as crianças saem para brincar, ele fica para trás porque anda muito devagar. Ele sempre senta sozinho e fica olhando os outros jogar bola.

    • O que você faria para ser bondoso e gentil para com esse menino?

Resumo

Revisão

Peça às crianças que respondam às seguintes perguntas, fazendo assim uma revisão da lição.

• O que aprendemos na lição de hoje?

• Por que é importante sermos bondosos e gentis?

• De quem é o exemplo que seguimos ao sermos bondosos e gentis?

Escritura

Leia João 13:34–35 em voz alta. Explique às crianças que quando amamos os outros e somos bondosos e gentis para com eles, mostramos ser discípulos (seguidores) de Jesus Cristo.

Testemunho

Testifique às crianças de que Jesus quer que mostremos amor pelos outros ao sermos bondosos e gentis. Lembre às crianças que devemos tentar ser bondosos e gentis para com todas as pessoas, mesmo para com aqueles que não o são conosco. Preste seu testemunho sobre a importância de seguirmos Jesus ao decidirmos ser bondosos e gentis.

Incentive as crianças a fazerem um esforço especial para serem bondosas e gentis para com as outras pessoas no decorrer da semana vindoura. Lembre-as de pensar na letra do hino “Ama Sempre ao Teu Irmão” quando precisarem lembrar como tratar alguém. Peça-lhes que observem o que acontece quando decidem ser bondosas e gentis. Sugira que estejam prontas para relatar suas experiências na próxima semana.

Convide uma criança para fazer a última oração.

Atividades Complementares

Escolha dentre as atividades seguintes as que melhor se adaptem às crianças de sua classe. Pode utilizá-las na própria lição ou como revisão ou resumo. Para mais informações, ver “Distribuição do Tempo da Aula” em “Auxílios para o Professor”.

  1. 1.

    Dê papel e lápis preto ou de cor para as crianças e peça-lhes que façam desenhos que representem maneiras pelas quais elas possam demonstrar amor pelas outras pessoas, sendo bondosas e gentis. Escreva em cada um dos desenhos: Serei bondoso e gentil com as outras pessoas.

  2. 2.

    Ajude as crianças a cantarem ou repetirem a letra de “A Bondade por Mim Começará”, p. 83 (Músicas para Crianças).

    Bondoso serei com todo ser,
    No agir e no falar
    E por isso eu digo:
    “A bondade por mim começará”.

    Ajude as crianças a pensarem em pessoas para com quem possam ser bondosas e gentis (como, por exemplo, familiares, amigos e colegas) e nas maneiras pelas quais possam demonstrar bondade e gentileza com essas pessoas. Ajude as crianças a compreenderem a importância de serem bondosas e gentis com as pessoas que não o são para com elas ou que pareçam diferentes delas.

  3. 3.

    Cante ou repita a letra com as crianças de “Dom Precioso” (Cante Comigo, B–1).

    Dom precioso é a bondade
    Que traz felicidade.
    Pois quando sou bondoso
    Sou feliz.

    Após cantar ou repetir a letra, amarre um pedaço de barbante no dedo ou pulso de cada criança. Explique-lhes que esse barbante serve para lembrar-lhes que devem ser bondosas e gentis com todas as pessoas e sugira que o mantenham até o final da Primária.