Lição 21: Recebemos Muitas Bênçãos como Membros da Igreja de Jesus Cristo

Primária 3: Conserva a Tua Rota B, 1994


Propósito

Ajudar as crianças a compreender que ser membros da Igreja pode trazer muitas bênçãos.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Mosias 18 e Enos 1, e esteja preparado para contar as histórias desses dois capítulos.

  2. 2.

    Prepare-se para ajudar as crianças a cantar ou repetir a letra de “O Espírito Santo” (Músicas para Crianças, p. 56) e “Faze-me, ó Pai, Perdoar” (Músicas para Crianças, p. 52); a letra acha-se incluída no fim deste manual.

  3. 3.

    Antes do início da aula, espalhe os objetos que reuniu—inclusive as gravuras 3-13, 3-14, 3-48, e 3-49 (ver 4d abaixo)—em uma mesa ou no chão, cobrindoos com um pano.

  4. 4.

    Materiais necessários:

    1. a.

      As seguintes tiras de palavras:

      As Bênçãos do Batismo

      Tornamo-nos Membros da Igreja de Jesus Cristo

      Dom do Espírito Santo

      O Pai Celestial Perdoa-nos

    2. b.

      Se possível, reúna os seguintes objetos: um Livro de Mórmon, uma Bíblia, uma pequena gravura de Jesus Cristo e um anel CTR;

    3. c.

      Um pano grande o suficiente para cobrir os objetos;

    4. d.

      Gravura 3-48, Alma Batiza nas Águas de Mórmon [Pacote de Gravuras do Evangelho (34730 059) 309]; gravura 3-13, Menino Sendo Batizado; gravura 3-14, Menina Sendo Confirmada; e gravura 3-49, Enos Orando [Pacote de Gravuras do Evangelho (34730 059) 305].

  5. 5.

    Faça os preparativos necessários para quaisquer Atividades Complementares que deseje utilizar.

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

Convide uma criança para fazer a primeira oração.

Verifique alguma designação que tenha sido dada na semana anterior.

Podemos Tornar-nos Membros da Igreja de Jesus Cristo

Atividade motivadora

Diga às crianças que, sob o pano na mesa, existem alguns objetos. Diga que você vai levantar o pano durante dez segundos. As crianças devem concentrarse e tentar lembrar-se de tantos objetos quanto possível.

Reúna a classe em volta da mesa. Descubra os objetos durante dez segundos, cobrindo-os novamente. Peça às crianças que voltem aos seus assentos.

Uma por vez, faça com que as crianças tentem citar todos os objetos que estão sobre a mesa. Depois que aqueles que desejarem tentar tiverem tido sua oportunidade, retire o pano para ver como se saíram. Diga que cada um desses objetos pode lembrar-nos de bênçãos que recebemos do Pai Celestial quando somos batizados.

Tira de palavras

Faça com que uma criança prenda a tira de palavras “A Bênção do Batismo” no quadro-negro.

Gravura e história das escrituras

Mostre a gravura 3-48, Alma Batiza nas Águas de Mórmon.

Revise brevemente a história de Alma contida na lição 20. Lembre às crianças que, depois que Alma escapou dos servos do iníquo Rei Noé, ele se escondeu no deserto. Ali, escreveu os ensinamentos que o profeta Abinádi ministrou.

Depois de muitos dias, Alma saiu entre o povo e começou a ensiná-los secretamente sobre Jesus Cristo. Muitos ouviram-no e nele acreditaram. Aqueles que acreditaram foram a um lugar chamado Mórmon. Lá existia uma fonte de água pura e um pequeno bosque, onde Alma se escondia dos servos do rei durante o dia.

Muitas pessoas se reuniam para ouvir Alma. Ele ensinou-lhes a respeito de fé e arrependimento. Alma batizava todos os que queriam ser batizados, e eles se tornavam membros da verdadeira Igreja de Jesus Cristo.

Tira de palavras

Faça com que uma criança prenda a tira de palavras “Tornamo-nos Membros da Igreja de Jesus Cristo”.

Podemos Ter o Dom do Espírito Santo

Tira de palavras e debate

  • Que dom podemos receber, depois de sermos batizados? (O dom do Espírito Santo.)

Faça com que uma criança prenda a tira de palavras “Dom do Espírito Santo” abaixo da tira anterior.

Diga que, depois de sermos batizados, podemos receber o dom do Espírito Santo pela imposição das mãos. Este é também um dom maravilhoso de nosso Pai Celestial. Se fizermos o que é certo, o Espírito Santo ficará sempre conosco e nos dirá as coisas certas que devemos fazer.

Música

Cante ou repita a letra com as crianças de “O Espírito Santo”.

Regra de fé

Revise a quarta regra de fé com as crianças. Diga que o dom do Espírito Santo nos será uma bênção pela vida toda—se vivermos dignamente.

História

Conte, em suas próprias palavras, a história de como o Espírito Santo ajudou Roberto:

Roberto notou que sua mãe estava preocupada. Seu pai parecia cansado e triste. Já fazia algum tempo que tinham recebido uma carta de seu irmão Walter, que estava na missão.

Roberto sentou-se no sofá da sala de visitas. Dali podia ouvir seus pais conversando na cozinha.

“Que horrível desastre é um terremoto”, disse o pai, “e tão próximo do lugar em que Walter estivera trabalhando. Espero que logo recebamos notícias de como está.”

Roberto ouvia com atenção. “Terremoto (…) Walter?” pensava em silêncio. Sentiu um nó na garganta. Podia imaginar seu irmão ferido ou soterrado por toneladas de pedras. Viu a foto de Walter sobre a escrivaninha e seus olhos encheram-se de lágrimas. Foi correndo para o quarto e fechou a porta. Roberto imaginava todos os tipos de coisas terríveis e preocupou-se durante a noite toda e todo o dia seguinte. Todas as vezes que tentava falar sobre Walter com os pais, sentia um nó na garganta e não conseguia emitir uma só palavra.

O temor de Roberto aumentou. Sentiu que precisava conversar com alguém sobre o assunto. Sabia que seu pai estava trabalhando no porão; assim, foi lá para baixo.

Roberto começou a abrir a boca para dizer o que tinha planejado, mas não era fácil falar sobre Walter. Abaixou a cabeça e os olhos se encheram de lágrimas.

“Você está preocupado com Walter, não é, Roberto?” perguntou o pai. “Quando ouvimos falar sobre o terremoto, ficamos preocupados. Sua mãe e eu oramos pela segurança de Walter. Fomos confortados pelo Espírito Santo, que nos disse que tudo está bem e não precisamos nos preocupar. Você também pode receber esse conforto, Roberto.”

“Como?” perguntou ele.

“Ore ao Pai Celestial. Fale-Lhe sobre seus temores. Peça-Lhe que o ajude a saber se Walter está seguro. Estou certo de que será confortado.”

Roberto fez o que o pai lhe dissera. Orou pela segurança de Walter. Pediu ao Pai Celestial que o ajudasse a saber se Walter estava vivo e bem. Quando Roberto terminou a oração, sentiu grande paz e conforto. Não mais se preocupava com Walter. Sabia que tudo estava bem.

Finalmente chegou uma carta garantindo à família que Walter estava em segurança. Roberto não ficou nem um pouco surpreso. Ele já sabia que Walter estava seguro. Roberto havia sido confortado pelo Espírito Santo.

  • Como o Espírito Santo ajudou Roberto? (Deu-lhe um sentimento de tranqüilidade—um sentimento de que Walter estava seguro.)

Diga às crianças que o dom do Espírito Santo foi uma grande bênção para Roberto e sua família. Pode ser uma grande bênção para nós também.

Depois de Sermos Batizados, o Pai Celestial Nos Perdoará

Tira de palavras

Peça a uma criança que prenda a tira de palavras “O Pai Celestial Perdoa-nos” no quadro-negro.

Diga que outra grande bênção do batismo é sermos perdoados quando cometemos erros e agimos mal. Nosso Pai Celestial sabia que todos os Seus filhos cometeriam erros. Ele mandou que todos se arrependessem de suas más ações. Se nos arrependermos, Ele promete que nos perdoará e nos dará outras bênçãos. Lembre às crianças que parte do arrependimento é ter fé em Jesus Cristo. Outra parte é viver mais como Jesus quer que vivamos, isto é, obedecendo melhor aos Seus mandamentos. Podemos aprender mais sobre Jesus e Seus mandamentos estudando as escrituras.

Gravura e história das escrituras

Mostre a gravura 3-49, Enos Orando.

Diga que Enos era um profeta sobre o qual podemos ler no Livro de Mórmon. O pai de Enos pediu-lhe que cuidasse dos registros que incluíam as escrituras e uma história de seu povo. Essa história fora escrita em placas de metal. O pai de Enos tinha-lhe ensinado o evangelho como estava naqueles registros; assim, Enos sabia como deveria viver. Certo dia, Enos foi à floresta e orou ao Pai Celestial durante o dia todo e grande parte da noite. Pediu que fosse perdoado dos erros que havia cometido. Então aconteceu uma coisa maravilhosa.

Diga que o Pai Celestial perdoou Enos e prometeu abençoá-lo. Uma voz veio a ele, dizendo: “Enos, perdoados são os teus pecados e tu serás abençoado” (Enos 1:5). Enos foi perdoado porque tinha fé em Jesus Cristo, sobre quem lera nos registros. Foi perdoado, porque acreditava no sacrifício expiatório de Jesus Cristo. O Pai Celestial também prometeu a Enos que aqueles registros seriam guardados em segurança e que os lamanitas um dia poderiam lê-los. Os registros os ajudariam a aprender sobre Jesus, guardar os mandamentos e serem perdoados quando cometessem erros.

Diga que sabemos que o Pai Celestial cumpriu Sua promessa a Enos porque lemos as coisas que estavam escritas nas placas no Livro de Mórmon.

  • Que bênção Enos recebeu quando se arrependeu? (Aceite qualquer resposta correta, mas enfatize que o Pai Celestial o perdoou.)

Expresse sua gratidão pelo conhecimento de que todos os que se arrependem verdadeiramente serão perdoados. Acentue que as escrituras podem ser uma grande bênção para ajudar-nos a desenvolver fé em Jesus Cristo e aprender sobre Seus ensinamentos.

Música

Ajude as crianças a cantar ou repetir a letra de “Faze-me, Ó Pai, Perdoar”.

Resumo

Repita as bênçãos que temos por sermos membros da Igreja, como mencionadas nas tiras de palavras. Lembre às crianças que o Pai Celestial prometeu dar-nos grandes bênçãos se formos batizados e guardarmos os mandamentos.

Peça às crianças que pensem nas bênçãos que o Pai Celestial lhes tem dado quando tomarem o sacramento. Encoraje-as a prestar atenção especial às orações sacramentais e pense nas promessas que farão quando forem batizadas. As que já foram batizadas podem refletir sobre seu recente batismo.

Testemunho

Preste seu testemunho de que o Pai Celestial sempre cumpre as promessas que nos fez, se Lhe obedecermos. Você poderá falar com as crianças sobre uma experiência que tenha tido, em que tenha se sentido particularmente abençoado por ser membro da Sua igreja.

Convide uma criança para oferecer a última oração.

Atividades Complementares

Escolha, dentre as atividades seguintes, as que melhor se adaptem às crianças de sua classe. Você pode utilizá-las na própria lição ou como revisão ou resumo. Para informações adicionais, ver “Distribuição do Tempo da Aula” em “Auxílios para o professor”.

  1. 1.

    Prepare um cartaz com as palavras de 3 Néfi 11:33. Corte outro pedaço de papel do mesmo tamanho e nele escreva “As Bênçãos do Batismo”. Corte esse pedaço de papel em vários pedaços, como um quebra-cabeças. Prenda cada pedaço sobre o cartaz, de modo que os pedaços todos cubram a escritura. Tome cuidado para que cada pedaço possa ser tirado facilmente, sem prejudicar a escrita.

    Mostre o quebra-cabeças “As Bênçãos do Batismo” para as crianças e peçalhes que leiam o título. Diga que lerá algumas perguntas sobre a lição. Quem quer que responda à pergunta corretamente, poderá tirar um pedaço da cobertura do quebra-cabeças. No final, as crianças revelarão a escritura que se encontra por baixo. Seguem-se algumas sugestões de perguntas:

    • Que convênios fazemos no batismo? (De sempre nos lembrarmos de Jesus Cristo, de tomar sobre nós o Seu nome e de guardar os mandamentos.)

    • O que fez Alma nas Águas de Mórmon? (Ele batizou as pessoas que queriam ser batizadas.)

    • Alma e seus seguidores pertenciam a que igreja? (À Igreja de Jesus Cristo.)

    • Como foi respondida a oração de Roberto? (O Espírito Santo ajudou-o a saber que Walter estava em segurança.)

    • Por que Enos orou? (Ele desejava ser perdoado de seus pecados.)

    • Que livro foi traduzido das placas de ouro? (O Livro de Mórmon.)

    • Quando você terá idade suficiente para ser batizado? (Quando tiver oito anos.)

    Depois de tiradas as peças do quebra-cabeças, peça à classe que leia a escritura com você. Diga que “herdarão o reino de Deus” significa que viverão para sempre com o Pai Celestial.

  2. 2.

    Cante ou repita a letra do hino “Se da Vida as Vagas” (Hinos, nº 57).

    Conta as bênçãos,
    Conta quantas são,
    Recebidas da Divina Mão,
    Uma a uma,
    Dize-as de uma vez,
    E verás, surpreso,
    Quanto Deus já fez.
  3. 3.

    Tenha lápis de cor e uma folha de papel com o título “Bênçãos dos Membros” para cada criança. Faça com que cada uma desenhe e pinte uma gravura de uma bênção que possam receber depois de serem batizadas e confirmadas membros da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.