Lição 29: Ter Fé no Senhor Jesus Cristo

Primária 3: Conserva a Tua Rota B, 1994


Propósito

Fortalecer a fé que as crianças têm no Senhor Jesus Cristo.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Mosias 4:21; Alma 32; Éter 2–3; e Doutrina e Convênios 29:6. Esteja preparado para ler Éter 2:17, 23; 3:6 e Doutrina e Convênios 29:6 durante a aula.

  2. 2.

    Obtenha algumas pedras pequenas e limpas, ou recorte círculos de papelão representando as pedras. Escreva “Fé no Senhor Jesus Cristo” na parte de baixo das pedras ou círculos de papelão, escrevendo uma letra em cada pedra, como indicado abaixo.

    stone sign

    Arrume as letras das pedras ou círculos de papelão com as letras para baixo em uma mesa ou no chão, antes da aula.

  3. 3.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Livro de Mórmon e Doutrina e Convênios para cada criança, se possível;

    2. b.

      Um papel e lápis (ou lápis de cor) para cada criança;

    3. c.

      Um objeto interessante (se possível, alguma coisa que se relacione à lição), com um pedaço de pano para escondê-lo;

    4. d.

      Gravura 3-55, O Irmão de Jarede Vê o Dedo do Senhor [Pacote de Gravuras do Evangelho (34730 059) – 318).

  4. 4.

    Faça os preparativos necessários para quaisquer Atividades Complementares que vá utilizar.

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

Convide uma criança para fazer a primeira oração.

Verifique alguma designação que tenha sido dada na semana anterior.

Podemos Ter Fé em Jesus Cristo

Atividade motivadora

Conte a seguinte história com suas próprias palavras: Uma menininha levou o almoço a seu pai que trabalhava no fundo de um poço. Embora ela não pudesse vê-lo lá embaixo, na escuridão do poço, quando ela o chamava, ele respondia. Assim, ela sabia que estava lá. O pai lhe pediu que pusesse o almoço em um balde e o descesse, para que ele o pegasse. Assim foi feito, e pouco depois, ele disse que havia muita comida para uma pessoa só, e convidou-a a comer com ele. “Pule”, disse ele, “e eu a apararei aqui. Você não pode me ver, mas eu posso vê-la e não deixarei que caia”. Ela pulou no poço escuro e foi amparada em segurança pelos braços fortes do pai. Juntos, eles passaram algum tempo agradável almoçando.

Explique às crianças que a menininha confiava em que seu pai a apararia, embora não pudesse vê-lo. Esta confiança é como a fé. Fé é acreditar em algo que vocês não podem ver, mas que têm grande esperança de que seja verdade. (Ver Éter 12:6.)

Atividade com objeto

Mostre às crianças o objeto coberto por um pedaço de pano.

  • Vocês acreditam que há alguma coisa aqui embaixo? Por quê?

Deixe que as crianças adivinhem o que possa ser o objeto. Depois, descubra-o. Diga que, embora não pudessem ver o objeto, elas acreditavam que estava ali.

Diga que, embora não tenhamos visto Jesus Cristo, acreditamos que ele está lá. Temos evidências de Sua existência em toda parte, quando observamos o mundo que Ele criou, quando vemos as estrelas no céu e, especialmente, quando lemos as escrituras. Temos também profetas que nos disseram que O viram. Diga às crianças que hoje aprenderão sobre alguém do Livro de Mórmon que possuía uma fé tão grande que realmente viu Jesus Cristo.

O Irmão de Jarede e os Jareditas Tinham Fé

História das escrituras e debate

Lembre às crianças que elas vêm aprendendo sobre os nefitas e lamanitas no Livro de Mórmon. Explique-lhes que um outro grupo de pessoas veio para o mesmo continente. Vieram muito antes da família de Leí. Chamavam-se jareditas. Seu líder era um homem chamado Jarede. Jarede tinha um irmão que possuía grande fé. Jesus Cristo ouviu as orações do irmão de Jarede e abençoou o povo.

Diga que Jesus Cristo disse aos jareditas que reunissem suas famílias e seus bens, inclusive rebanhos e sementes de todo tipo. Disse-lhes que, depois de terem reunido tudo, Ele os guiaria para uma terra escolhida.

Os jareditas eram fiéis e obedeceram a Jesus. Ele falou com o irmão de Jarede numa nuvem e levou os jareditas para o deserto. Eles atravessaram muitas águas e viajaram para o grande mar.

Lembre às crianças que o irmão de Jarede foi abençoado porque possuía grande fé. Demonstrou sua fé, pedindo ao Pai Celestial que ajudasse seu povo, e depois fazendo o que o Pai Celestial ordenara. Continue contando a história do irmão de Jarede:

Jesus Cristo instruiu o irmão de Jarede a construir oito barcos, como barcaças ou navios, a fim de levar os jareditas para a terra prometida através do oceano. Os jareditas seguiram as orientações e construíram os barcos.

O Salvador disse ao irmão de Jarede que as barcas ficariam embaixo da água durante algum tempo; assim, deveriam ser construídas de modo que a água não pudesse se infiltrar.

Leitura de escritura

Ajude as crianças que possam ler a encontrar Éter 2:17 em seus exemplares do Livro de Mórmon. Leiam juntos o versículo 17, que descreve os barcos jareditas.

Peça às crianças que coloquem as mãos em forma de concha, juntas como um navio, e virá-las de um lado e depois de outro, para demonstrar como as barcas poderiam virar para qualquer lado como um prato colocado bem encaixado sobre outro.

Atividade de desenho

Distribua lápis ou lápis de cor e papel para cada criança. Peça-lhes que desenhem os barcos conforme os imaginam, baseando-se na descrição da escritura que acabaram de ler. Leia-a outra vez, conforme a necessidade, enquanto as crianças estiverem desenhando.

Peça que as crianças mostrem seus desenhos à classe; depois, recolha os desenhos e também os exemplares do Livro de Mórmon. Diga-lhes que devolverá os desenhos no fim da Primária. Diga que não sabemos realmente como, exatamente, era a aparência dos barcos.

O Irmão de Jarede Viu Jesus Cristo

Diga que, por serem os barcos muito pequenos, não havia luz em seu interior, nem era possível que o ar puro entrasse para as pessoas e animais que estavam lá dentro. As pessoas ficavam imaginando como poderiam enxergar ou respirar, enquanto estivessem atravessando o oceano. Jesus Cristo instruiu-as a fazer dois buracos, um no alto e outro no fundo de cada barco. Esses buracos podiam ser fechados. Então, quando os barcos estivessem na superfície da água, os jareditas poderiam abrir o buraco de cima e deixar que entrasse ar fresco. Se a água começasse a entrar, poderiam tapar novamente o buraco.

O irmão de Jarede sabia que ainda precisariam de luz dentro dos navios. Orou e perguntou como poderiam conseguir luz.

Escritura e debate

Leia Éter 2:23 em voz alta e explique o que Jesus Cristo disse ao irmão de Jarede. Diga que Jesus não deu uma resposta ao irmão de Jarede, mas, em vez disso, perguntou-lhe de que ajuda precisava.

  • Quais são algumas soluções que vocês poderiam pensar, se fossem o irmão de Jarede?

História das escrituras e objetos

Diga que o irmão de Jarede foi até uma montanha e, de uma rocha, fundiu dezesseis pequenas pedras, brancas e límpidas.

Chame a atenção para as pedras (ou pedras de papel) que colocou na mesa. Diga que as que fez eram brancas e límpidas como vidro transparente.

O irmão de Jarede levou as pedras para o alto do monte e orou. Nessa oração, ele disse que sabia que, se o Senhor tocasse as pedras, elas dariam luz. Desta forma, poderiam ter luz dentro de seus navios quando saíssem para atravessar o mar. Após terminar a oração, aconteceu uma coisa maravilhosa.

Leitura de escritura

Leia Éter 3:6 para a classe (pare depois da primeira ocorrência da palavra dedo).

  • O que Jesus Cristo fez com as pedras? (Ele as tocou com o dedo.)

Gravura e história das escrituras

Mostre a gravura 3-55, O Irmão de Jarede Vê o Dedo do Senhor.

Quando o irmão de Jarede viu o dedo de Jesus Cristo tocar as pedras, ficou tão surpreso que caiu por terra. Quando o Senhor lhe perguntou por que caíra por terra, o irmão de Jarede disse que não sabia que o Senhor tinha dedos como o dedo de um homem. Então Jesus perguntou ao irmão de Jarede se acreditava em todas as palavras que o Senhor dissera. Quando o irmão de Jarede confirmou que sim, o Senhor lhe disse que, por causa de sua grande fé, o Senhor podia mostrar-Se a ele. Então Jesus Se mostrou ao irmão de Jarede e lhe disse que nunca alguém mostrara tanta fé quanto ele.

  • Por que Jesus Cristo Se mostrou ao irmão de Jarede? (Porque o irmão de Jarede tinha grande fé.)

Diga que o irmão de Jarede sabia que, se Jesus tocasse as pedras, elas forneceriam luz dentro dos oito barcos, e foi isso que ocorreu.

Os jareditas também tinham grande fé em Jesus Cristo. Logo eles embarcaram em seus navios. Por causa de sua fé Nele, eles foram guiados em segurança para a terra prometida.

Podemos Ter Fé Como o Irmão de Jarede

Apresentação pelo professor

Diga que as pessoas hoje em dia podem ter fé como o irmão de Jarede.

Ter fé é acreditar e confiar no Pai Celestial e em Jesus Cristo. Demonstramos nossa fé, sendo obedientes e fervorosos. Foi-nos prometido que nossas orações poderão ser respondidas se pedirmos com fé o que é certo. (Ver Mosias 4:21.)

Regra de fé

Ajude as crianças a recitarem o máximo que conseguirem da quarta regra de fé.

Debate de escritura

Leia Doutrina e Convênios 29:6 para a classe.

Diga que precisamos de fé quando oramos ao Pai Celestial. O Pai Celestial prometeu responder a nossa oração se Lhe pedirmos com fé. Não é suficiente que simplesmente expressemos nossas orações. Precisamos crer que Ele atenderá a nossas orações da maneira que for melhor para nós.

Situações e debate

Leia as seguintes situações imaginárias para a classe. Faça com que as crianças lhe digam como o principal personagem em cada situação demonstrou fé.

  1. 1.

    Beto perdera seu anel CTR no recreio da escola. Seu melhor amigo, Jaime, disse-lhe que não havia esperança de encontrá-lo no meio das pedrinhas e areia. Beto sabia que precisava de ajuda especial. Desejava encontrar seu anel. Naquela noite ele orou e pediu ao Pai Celestial que o ajudasse. Quando acabou a oração, sentiu-se bem interiormente e também que conseguiria ajuda do Pai Celestial, Jesus Cristo e o Espírito Santo para achar o anel. No dia seguinte, achou o anel.

    • O que Beto fez para demonstrar sua fé em Jesus Cristo?

    • Como sua fé foi recompensada?

  2. 2.

    Salete foi convidada para fazer um discurso na Primária no próximo domingo. Ela nunca havia feito isso antes e estava muito nervosa. Durante a semana, Salete esforçou-se muito preparando o discurso. Quando o domingo chegou, ela ainda se achava nervosa e não tinha certeza de querer fazer o discurso. Pouco antes de sair de casa, ela se ajoelhou ao lado da cama e pediu ao Pai Celestial que a ajudasse a ficar calma. Sabia que se havia esforçado bastante para preparar o discurso e sentiu que o Pai Celestial a ajudaria.

    • O que fez Salete para demonstrar fé?

    • Como acham que sua fé foi recompensada?

Lembre às crianças de que suas orações podem ser atendidas se pedirem com fé. Às vezes, nossas orações não são atendidas da maneira como gostaríamos que fossem. Se tivermos fé no Pai Celestial e em Jesus Cristo, sabemos que nos serão dadas as respostas que forem melhores para nós.

Resumo

Brincadeira

Faça a seguinte brincadeira, usando as pedras ou papéis utilizados durante a lição. Peça às crianças que se revezem adivinhando letras do alfabeto. Se uma criança adivinhar uma das letras das pedras, vire a pedra de modo que revele a letra. Se uma criança escolher uma pedra que apareça duas vezes na brincadeira (como E), vire as duas ou mais pedras com essa letra. Continue a brincadeira, até que a frase “Fé no Senhor Jesus Cristo” seja revelada. Leia a frase com a classe; depois, faça a seguinte pergunta:

  • Quais são algumas maneiras pelas quais podemos demonstrar nossa fé no Pai Celestial e em Jesus Cristo?

Testemunho do professor

Conclua a lição, prestando o testemunho de que o Pai Celestial ouvirá e responderá a nossas orações, quando pedirmos com fé. Você pode contar uma experiência pessoal a respeito de ter recebido a resposta a uma oração. Encoraje as crianças a fortalecerem a fé.

  • Como o irmão de Jarede fortaleceu sua fé? (As possíveis respostas incluem: ele orou pedindo ajuda; ele ouviu Jesus Cristo; ele acreditava nos mandamentos que lhe eram dados e obedecia a eles.)

Ao término da Primária, devolva os desenhos do barco às crianças para que os levem para casa.

Convide uma criança para oferecer a última oração.

Atividades Complementares

Escolha, dentre as atividades seguintes, as que melhor se adaptem às crianças de sua classe. Você pode utilizá-las na própria lição ou como revisão ou resumo, Para informações adicionais, ver “Distribuição do Tempo da Aula”, em “Auxílios para o professor”.

  1. 1.

    Dê a cada criança uma das pedras usadas na lição como um lembrete de que podem ter fé como o irmão de Jarede. Você pode pedir a cada criança que escreva a palavra em sua pedra.

  2. 2.

    Peça às crianças que repitam a primeira parte da quarta regra de fé: “Cremos que os primeiros princípios e ordenanças do evangelho são: primeiro, fé no Senhor Jesus Cristo”.

  3. 3.

    Fique em pé com as crianças para cantar ou repetir a letra de “Fé”, acompanhada de gestos (Músicas para Crianças, p. 50):

    Fé é saber que o sol trará (formar um semicírculo com os braços acima da cabeça)
    Um novo amanhecer. (os braços descem vagarosamente até o nível do ombro)
    Fé é saber que Deus ouvirá (colocar as mãos em forma de concha atrás das orelhas)
    As preces que eu fizer. (juntar as mãos como em oração)
    Como a semente, a fé, (colocar a mão esquerda em forma de concha e fazer de conta que planta nela uma semente com a mão direita)
    Plantada irá crescer (a mão direita imita uma planta crescendo na mão esquerda, em forma de concha)
    Fé é a paz em meu coração,(colocar as mãos sobre o coração)
    Quando bom procuro ser. (tocar a cabeça com o indicador)
  4. 4.

    Mostre uma semente às crianças. Pergunte-lhes o que acontecerá quando ela for plantada e cuidada. Você pode ajudar cada criança a plantar uma semente num copo com terra. Diga as crianças para cuidarem de suas plantas durante as duas próximas semanas, tempo que levam para brotar.

    • O que precisamos fazer por esta semente, para ajudá-la a crescer?

    Diga que temos fé em que as sementes crescerão se tivermos os devidos cuidados com elas. Da mesma forma, temos fé em que o Pai Celestial atenderá a nossas orações se cumprirmos os Seus mandamentos e orarmos com fé.