Lição 44: Respeitar os Outros

Primária 3: Conserva a Tua Rota B, 1994


Propósito

Ajudar cada criança a respeitar as outras pessoas e seus bens.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude 3 Néfi 14:12 e Êxodo 20:15.

  2. 2.

    Prepare massa salgada. Misture 2 xícaras de farinha de trigo, 1 xícara de sal, 1 colher (sopa) de óleo e 3/4 de xícara de água (adicione 4 gotas de anilina, se quiser). Amasse a mistura formando bolas até ficar macia e lisa. Adicione 1 colher (sopa) de água ou farinha, se necessário.

  3. 3.

    Prepare-se para cantar ou repetir a letra de “Escolhendo o Que É Certo” (Música para Crianças, p. 82); a letra está incluída no fim deste manual.

  4. 4.

    Materiais necessários:

    1. a.

      Bíblia e Livro de Mórmon;

    2. b.

      Cartaz e anel CTR;

    3. c.

      Giz, quadro-negro e apagador.

  5. 5.

    Faça os preparativos necessários para quaisquer Atividades Complementares que deseje utilizar.

Sugestão para o Desenvolvimento da Lição

Convide uma criança para fazer a primeira oração.

Verifique alguma designação que tenha sido dada na semana anterior.

Respeitar os Outros

Atividade motivadora

Explique às crianças que um bem é algo pertencente a elas, como, por exemplo, um livro, um brinquedo ou uma peça de roupa. Um bem de estimação seria algo que elas gostam ou valorizam de modo especial. Um bem de estimação não custa, necessariamente, muito dinheiro. Pode custar pouco, mas ter um significado ímpar por causa do lugar de onde veio ou da pessoa que o deu.

Dê a cada criança uma bola de massa salgada e peça-lhe que a modele no formato de um de seus bens de estimação. Conceda uns poucos minutos para as crianças fazerem suas criações de massa salgada.

Exposição

Convide uma criança para mostrar seus trabalhos de massa salgada e contar por que os bens representados significam tanto para ela.

  • Como você se sentiria se alguém, sem pedir, lhe tomasse esse bem, se apossasse dele ou o destruísse?

Deixe expostos os trabalhos de massa sobre uma mesa ou outro lugar de destaque até o final da aula.

Debate

  • Se alguém pedisse emprestado seu bem de estimação, como você gostaria que aquela pessoa o tratasse?

  • Se você perdesse seu bem de estimação, o que gostaria que a pessoa que o encontrasse fizesse?

Diga que todos nós queremos que os outros tratem nossas coisas com cuidado e respeito. Outras pessoas também têm bens de estimação que são importantes para elas e querem que nós os tratemos com cuidado e respeito.

Cartaz ou anel CTR e debate de escritura

Diga às crianças que Jesus Cristo nos ensinou como devemos tratar as outras pessoas e suas posses. Mostre o cartaz ou o anel CTR e diga que encontramos os ensinamentos de Jesus Cristo a respeito deste assunto nas escrituras. Peça às crianças que ouçam com atenção enquanto você lê 3 Néfi 14:12, terminando com a eles.

Debata esse versículo com as crianças. Ajude-as a entender que devemos tratar as outras pessoas do modo que gostaríamos de ser tratados por elas. Diga que isso, às vezes, é chamado de Regra de Ouro, expressa simplesmente como: “Faça a outros o que gostaria que fizessem a você”.

Peça às crianças que repitam diversas vezes a Regra de Ouro em voz alta. Diga que tratar as outras pessoas da mesma forma que gostaríamos de ser tratados inclui respeitar suas posses do mesmo jeito que gostaríamos que respeitassem as nossas.

Respeitamos as Posses das Outras Pessoas Não Roubando

Debate de escritura

Diga que o Pai Celestial nos ordenou que respeitássemos os outros e suas posses.

Leia Êxodo 20:15. Peça às crianças que expliquem essa escritura.

Ressalte que o Pai Celestial e Jesus Cristo deram-nos o mandamento de não roubar. As leis de nosso país também nos dizem que roubar é errado. Como membros da Igreja de Jesus Cristo, cremos em obedecer a essas leis tanto quanto aos mandamentos do Pai Celestial e Jesus Cristo.

Regra de fé

Diga que a décima segunda regra de fé declara nossa crença a respeito de leis. Peça às crianças que repitam a declaração: “Cremos na (…) obediência (…) [à] lei”.

Histórias e debate

Jane e Suzana queriam comprar goma de mascar de máquina. Elas puseram uma moeda na máquina e giraram o botão para que caísse um chiclete de bola; no entanto, para sua surpresa, caiu um punhado de chicletes, em vez de um só. Além disso, sua moeda também foi devolvida.

  • O que você faria se isso lhe acontecesse?

Diga às crianças que algo semelhante aconteceu anos atrás ao Élder Sterling W. Sill, que foi uma Autoridade Geral da Igreja, e que a experiência dele pode ajudá-las a responder essa pergunta. Conte a seguinte história com suas próprias palavras:

“[Élder Sill] estava indo de carro por uma estrada e, sentindo sede, parou para comprar um refrigerante. Ele pôs uma moeda na máquina automática de venda de refrigerantes do posto de gasolina da qual saiu uma garrafa de refrigerante, mas sua moeda foi também devolvida. Ele pegou a moeda, olhou para ela, colocou-a no bolso, e já estava voltando para o carro quando pensou: “De qualquer forma, eles cobram demais por este produto”. Ele, no entanto, não chegou a voltar ao carro, pois uma delicada e mansa voz gritou em seu ouvido e perguntou-lhe algo muito interessante. A pergunta era: “Sill, você vai, realmente, tornar-se um ladrão por causa de dez centavos?” [Hartman Rector, Jr., “Get Up and Glow” (Levantai e Brilhai), Brigham Young University Speeches of the Year (Provo, 5 de janeiro de 1971), p. 6].

  • O que vocês acham que o Élder Sill fez?

Depois que as crianças responderem, conte que ele voltou até a máquina e começou a colocar a moeda de volta na máquina. Agora, porém, ele teria um outro problema.

  • Se ele colocasse o dinheiro na máquina, o que aconteceria? (Ele receberia outro refrigerante e seu dinheiro poderia voltar, novamente.)

Saliente que isso seria um problema pior.

  • O que você faria?

Diga que o Élder Sill percebeu que aquela moeda não lhe pertencia. Ele a trocara por um refrigerante. Assim, procurou um empregado do posto e deu-lhe o dinheiro.

  • Agora, o que você acha que Jane e Suzana fizeram com os chicletes e o dinheiro? (Diga que as meninas procuraram o dono da loja e relataram-lhe o ocorrido, em vez de pegar os chicletes e o dinheiro.)

Ressalte que Jane, Suzana e o Élder Sill escolheram o que era certo. Eles escolheram obedecer ao mandamento do Pai Celestial e Jesus Cristo e à lei do país—eles não roubaram.

Saliente que não devemos pegar algo que não nos pertença.

Podemos Respeitar as Posses de Outras Pessoas Devolvendo-as

Debate

  • Se você perdesse um bem, o que gostaria que a pessoa que o encontrasse fizesse? (Devolvesse-o.)

História

Conte às crianças a seguinte história com suas próprias palavras:

Alice seguia a caminho da escola quando viu algo brilhante na grama da calçada. Ela abaixou-se e viu um colar de ouro no meio da grama. Era lindo. Enquanto pegava, pensou: “Este colar é justamente igual ao que Maria ganhou de aniversário”. Alice guardou o colar no bolso e correu até a escola.

Quando a aula começou, Maria estava ausente. Bem mais tarde, ela entrou na classe. Seus olhos estavam vermelhos e inchados. Ela havia chorado.

Durante o lanche, ela contara a Alice o motivo pelo qual se atrasara na escola. Ela havia perdido seu colar bem perto do local onde Alice o encontrara, e o estava procurando. Alice não disse uma palavra. Ela pensou: “Não vou contarlhe que ele está comigo. Eu encontrei-o, então, é meu”.

Naquela tarde, a professora explicou aos alunos o que acontecera ao colar de Maria. Ela pediu à classe que ajudasse Maria a encontrar seu colar quando as aulas terminassem.

Alice foi a última pessoa a deixar a escola aquela tarde. Ela sentia-se terrivelmente mal por dentro. Ela sabia como Maria estava. Ela sabia que o colar pertencia a Maria, embora ela o tivesse encontrado. Ficou imaginando como gostaria que Maria devolvesse o colar, se fosse seu e ela o encontrasse. Naquele momento, saiu correndo para encontrar Maria e devolver-lhe o colar.

Debate

  • O que Alice decidiu fazer?

  • Como você acha que Maria se sentiu quando Alice devolveu-lhe o colar?

  • O que faria, caso encontrasse algo que não lhe pertencesse?

Devemos Tratar as Propriedades Alheias com Respeito

Debate

  • Como se sentiria se alguém estragasse ou destruísse um de seus bens, de propósito?

Diga que devemos sempre tentar devolver ao dono qualquer pertence ou bem que encontrarmos. Nunca devemos estragar de propósito ou usar incorretamente os pertences de outras pessoas. Pegue um dos trabalhos de massa e mostre às crianças como segurá-lo com cuidado. Passe-o para o resto da classe, a fim de que as crianças treinem como devem pegá-lo com cuidado.

História e debate

Conte a seguinte história com suas próprias palavras:

Rodrigo e Hércules estavam brincando num terreno baldio perto do celeiro do sr. Farias. Rodrigo começou a atirar pedras e desafiou Hércules para uma competição para ver quem as arremessaria mais longe. Depois de atirarem algumas pedras, Rodrigo jogou uma e acertou a lateral do celeiro do sr. Farias. Ele provocou Hércules, dizendo: “Aposto que você não consegue acertar o celeiro”. Hércules pegou uma pedra e preparou-se para atirá-la.

  • Em sua opinião, qual decisão Hércules deve tomar?

  • O que Hércules poderia dizer a Rodrigo? (“Vamos procurar outro alvo.”)

Incentive as crianças a pensarem num bom final para a história a fim de mostrar o que Hércules deve fazer. Deixe uma ou mais crianças contarem o final da história.

Hino

Diga que o Irmão Sill, Alice e Hércules escolheram o que é certo.

Peça às crianças que fiquem em pé e cantem ou repitam a letra de “Escolhendo o Que É Certo”.

Debate

Peça às crianças que mencionem outros meios pelos quais podem demonstrar respeito às propriedades ou pertences de outras pessoas. As sugestões podem incluir o seguinte:

  1. 1.

    Não caminhar sobre o gramado de outras pessoas ou brincar em seu quintal sem permissão;

  2. 2.

    Não fazer coisas que destruam ou estraguem a propriedade, como, por exemplo, escrever ou desenhar nos muros ou cercas;

  3. 3.

    Brincar cuidadosamente com jogos e brinquedos;

  4. 4.

    Não usar algo que não nos pertença sem pedir antes;

  5. 5.

    Não quebrar ou danificar propriedades.

Resumo

Ressalte que Jesus Cristo ensinou que devemos tratar os outros como gostaríamos de ser tratados. Se seguirmos os ensinamentos de Jesus Cristo, não pegaremos coisas que pertençam a outros. Devolveremos aos outros as coisas que encontrarmos. Trataremos dos objetos que pegarmos emprestados com respeito, sem destruí-los ou danificá-los. Recorde às crianças o mandamento dado por Jesus Cristo, também conhecido como Regra de Ouro.

Atividade no quadro-negro

Pergunte às crianças se elas lembram das palavras da Regra de Ouro. Escrevaas no quadro-negro, se as crianças souberem ler ou simplesmente repita-as pausadamente. Em seguida, repitam-nas juntos. Devolva às crianças os trabalhos em massa.

Testemunho

Preste seu testemunho às crianças sobre a importância de tratarmos os outros como Jesus gostaria que o fizéssemos. Você pode falar de uma experiência sobre alguma vez em que foi tratado com amabilidade e explique às crianças como isso repercutiu em você. Incentive as crianças a tratar sua família e amigos como gostariam de ser tratados.

Convide uma criança para fazer a última oração.

Atividades Complementares

Escolha, dentre as atividades seguintes, as que melhor se adaptem às crianças de sua classe. Você pode utilizá-las na própria lição ou como revisão ou resumo. Para informações adicionais, ver “Distribuição do Tempo da Aula” em “Auxílios para o professor”.

  1. 1.

    Peça às crianças que representem situações como as seguintes:

    • Você encontra uma carteira com uma grande soma em dinheiro na rua, em frente a sua casa. O que você deve fazer com ela? (Peça-lhes que representem as coisas que devem fazer para encontrar o dono.)

    • Ao chegar em casa, voltando da casa de uma amiga, você encontra um dos brinquedos dela em seu bolso. O que você deve fazer com ele?

    • Você está brincando com um amigo e, acidentalmente, quebra a janela do vizinho. O que você deve fazer?

    • Você está fazendo compras com sua mãe e, acidentalmente, derruba uma pilha de latas. O que você deve fazer?

    • Você esteve brincando fora com seu amigo e seus sapatos estão cobertos de lama. Ao entrar em casa, você deixa uma trilha de lama no chão. O que você deve fazer?

  2. 2.

    Peça às crianças que façam colares CTR (ver ilustração) com um cordão de lã e papel colorido. Diga a elas que os colares farão com que elas se lembrem de tratar os outros como gostariam de ser tratadas.

    CTR necklace