Néfi Recebe Grande Poder

Primária 4: O Livro de Mórmon, 1994


Propósito

Ensinar às crianças que, por meio do poder e autoridade do sacerdócio, Jesus Cristo guia e abençoa Seus seguidores e Sua Igreja.

Preparação

  1. 1.

    Em espírito de oração, estude Helamã 10. Em seguida, estude a lição e decida como pretende ensinar a história das escrituras às crianças. (Ver “Preparação das Aulas”, p. vi, e “Ensinar Usando as Escrituras”, p. vii.)

  2. 2.

    Leitura adicional: Helamã 11:1–8.

  3. 3.

    Escolha as perguntas do debate e atividades complementares que mais envolvam e ajudem as crianças a alcançar o propósito da lição.

  4. 4.

    Material necessário:

    1. a.

      Um Livro de Mórmon para cada criança.

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

Convide uma criança a fazer a primeira oração.

Atividade Motivadora

Comece a aula com as luzes apagadas. Pergunte às crianças se perceberam algo fora do comum. Peça a alguém que acenda as luzes. Fale a respeito do poder da eletricidade, que acende as lâmpadas. Realize um debate sobre coisas que as crianças têm em casa e que funcionam com eletricidade (geladeira, ventiladores, utensílios domésticos, etc.) Explique que esta lição fala a respeito de um tipo diferente de poder, mais forte que a eletricidade: o poder do sacerdócio de Deus.

Atividade alternativa

Para salas de aula sem luz elétrica, veja a atividade complementar 1.

História das Escrituras

Ensine às crianças a história em que Néfi recebe o poder selador e a proteção do sacerdócio para realizar o trabalho do Pai Celestial, que se encontra em Helamã 10. (Ver sugestões para ensinar a história das escrituras na seção “Ensinar Usando as Escrituras”, p. vii.)

Debate

Estude as seguintes perguntas e passagens das escrituras ao preparar a aula. Use as perguntas que, na sua opinião, mais ajudarão as crianças a compreender as escrituras e aplicar os princípios na própria vida. A leitura das passagens com as crianças na sala de aula irá ajudá-las a ganhar maior entendimento das escrituras.

• Quando Néfi se dirigia para casa, o que estava fazendo? (Helamã 10:2–3) O que significa “refletir”? (Pensar a respeito de algo, meditar profundamente.) Sobre o que devemos refletir?

• Por que Néfi ficou desanimado ao pregar o evangelho aos nefitas? (Helamã 10:3)

• Por que Néfi agradou o Pai Celestial e Jesus Cristo? (Helamã 10:4) Como podemos agradá-Los?

• Que bênçãos Jesus Cristo prometeu a Néfi? (Helamã 10:5) O que o Senhor quis dizer quando declarou que Néfi não pediria nada que fosse “contrário [à vontade de Cristo]”? Como podemos aprender a seguir a vontade de Jesus Cristo?

• Que poder foi dado a Néfi? (Helamã 10:6–10)

• Qual foi o poder selador dado a Néfi? (Helamã 10:7; Ver também D&C 132:7.) Como esse poder selador do sacerdócio nos abençoa hoje em dia? (Nossas famílias podem ser seladas para sempre no templo.) Como se sentem sabendo que sua família pode viver unida para sempre? (Se houver alguma criança que já esteve no templo para ser selada, você pode pedir-lhe que conte como se sentiu ao ser selada à sua família.)

• O que o Senhor ordenou que Néfi dissesse ao povo? (Helamã 10:11) Como Néfi mostrou ser obediente quando o Senhor terminou de falar com ele? (Helamã 10:12) Quais são as maneiras pelas quais o Senhor fala conosco? Como podemos mostrar que somos obedientes?

• Por que a revelação de Néfi a respeito do assassinato do juiz supremo não mudou a vida dos nefitas? (Helamã 10:13)

• Como Néfi foi protegido ao declarar a palavra de Deus àquelas pessoas? (Helamã 10:15–17) O que acham que quer dizer a expressão: “o poder de Deus estava com” Néfi? Como o sacerdócio nos abençoa e protege hoje em dia?

• Que efeito tiveram os ensinamentos de Néfi naquelas pessoas? (Helamã 10:18)

• De que modo vocês e suas famílias foram abençoados pelo poder do sacerdócio?

Atividades Complementares

Pode usar uma ou mais das atividades abaixo, em qualquer momento da aula, ou como revisão, resumo ou desafio.

  1. 1.

    Diga às crianças que está pensando em uma palavra. Peça-lhes que ouçam as seguintes descrições e levantem a mão quando souberem qual é a palavra.

    É o poder de Deus.

    Por meio desse poder o Senhor abençoa Seus filhos e Sua Igreja.

    Aqueles que possuem esse poder representam o Senhor Jesus Cristo.

    Aqueles que possuem esse poder são designados a fazer aquilo que o Senhor deseja que seja feito.

    • Qual é o nome desse poder? (O sacerdócio.)

  2. 2.

    Mostre as seguintes tiras com palavras: Diácono, Mestre, Sacerdote, Élder, Doze, Quatorze, Dezesseis, Dezoito.

    Leia para as crianças as seguintes descrições, uma por vez, e peça-lhes que procurem duas palavras que combinem com a descrição e coloquem-nas no quadro-negro. O desafio será mais interessante, para as crianças mais velhas, se as descrições forem lidas fora de ordem. (A descrição dos deveres do Sacerdócio Aarônico foram tiradas de D&C 20:38–45; 107:11–12.)

    1. a.

      O Sacerdócio Aarônico foi-me conferido. Distribuo o sacramento. Posso servir de mensageiro para os líderes do sacerdócio. Faço a coleta das ofertas de jejum. Ajudo a cuidar dos edifícios e jardins da Igreja. Quem sou eu? Quantos anos preciso ter para poder ser ordenado? (Palavras: “Diácono”, “Doze”)

    2. b.

      Possuo o Sacerdócio Aarônico. Tenho todos os deveres e poderes do diácono e preparo o pão e a água para o sacramento. Posso ser designado como mestre familiar. Quem sou eu? Quantos anos preciso ter para ser ordenado? (Palavras: “Mestre”, “Quatorze”)

    3. c.

      Possuo o Sacerdócio Aarônico. Tenho todos os deveres e poderes do diácono e do mestre, e posso administrar (abençoar) o sacramento. Tenho autoridade para batizar, ajudar na ordenação de outros portadores do Sacerdócio Aarônico e dirigir as reuniões, se não houver portadores do Sacerdócio de Melquisedeque presentes. Ajudo os membros da Igreja a cumprir os mandamentos. Quem sou eu? Que idade preciso ter para ser ordenado? (Palavras: “Sacerdote”, “Dezesseis”)

    4. d.

      Possuo o Sacerdócio de Melquisedeque. Posso servir uma missão de tempo integral. Fui chamado para ensinar, expor, exortar, batizar e zelar pela Igreja. Posso conceder o dom do Espírito Santo, dirigir reuniões, abençoar criancinhas, abençoar os enfermos e abençoar membros de minha família. Quem sou eu? Quantos anos preciso ter para ser ordenado? (Palavras: “Élder”, “Dezoito”)

    Peça às crianças que digam algo que aprenderam a respeito dos deveres desses quatro ofícios do sacerdócio.

  3. 3.

    Conte a seguinte história a respeito do poder do sacerdócio:

    O Élder Hugh B. Brown foi membro do Quórum dos Doze Apóstolos. Quando o Élder Brown era jovem, foi oficial do exército canadense, sendo enviado à Inglaterra para lutar na Primeira Guerra Mundial, a serviço do rei da Inglaterra.

    O Élder Brown gostava de servir como oficial do rei, pois tinha autoridade para fazer muitas coisas em nome do rei.

    Certa manhã, o Élder Brown recebeu um telefonema. Um soldado que estava no hospital pediu que o Élder Brown o visitasse. Muitos soldados que estavam no hospital já haviam pedido que o Élder Brown os visitasse. Sabiam que ele era um oficial que tinha autoridade do rei para mandá-los de volta para casa. Ele sentia-se feliz de poder falar em nome do rei e decidir se os soldados deviam ficar ou voltar para casa.

    Quando o Élder Brown entrou no quarto, o soldado não pediu para ser mandado de volta para casa. Em vez disso, ele disse: “Élder Brown, poderia me dar uma bênção? Acho que vou morrer e gostaria que o senhor pedisse a Deus que me deixasse viver.”

    O Élder Brown ficou surpreso. O soldado não o havia chamado por que ele era um oficial que podia agir em nome do rei. O soldado chamara-o porque ele possuía o sacerdócio e podia agir em nome do Pai Celestial. O Élder Brown sabia que o poder do rei não tinha como salvar a vida do soldado. Era preciso o poder do Pai Celestial para salvar o soldado. Quando colocou as mãos sobre a cabeça do soldado e deu-lhe uma bênção, sentiu-se bastante humilde.

    Quando o Élder Brown deixou o hospital, não estava pensando em sua autoridade como oficial do rei. Estava pensando em sua autoridade como portador do sacerdócio. Sabia que os homens precisavam do sacerdócio para fazer o trabalho do Pai Celestial na Terra. Estava feliz por possuir o sacerdócio e poder fazer o trabalho de Deus. [Adaptado de Hugh B. Brown, Continuing the Quest (Continuando a Busca), pp. 26–27.]

  4. 4.

    Se não tiver, mostre gravuras de portadores do sacerdócio em ação.

  5. 5.

    Leia e debata Morôni 3, que explica como os sacerdotes e mestres devem ser ordenados pelos élderes.

  6. 6.

    Leia e debata a quinta e a sexta regras de fé. Ajude as crianças a decorarem essas regras de fé.

  7. 7.

    Cante ou leia a letra de “O Sacerdócio Está Restaurado”, p. 60 (Músicas para Crianças).

Conclusão

Testemunho

Preste testemunho da bênção que é o poder do sacerdócio em sua vida. Convide as crianças a contar experiências em que tiveram a vida abençoada pelo sacerdócio.

Sugestão para Designação de Leitura

Sugira às crianças que estudem Helamã 10:1–12 em casa, como revisão desta lição.Convide uma criança a fazer a última oração.

Observação: Se decidir usar a atividade motivadora na lição da próxima semana, designe três alunos com antecedência para participarem da representação.