Sacerdócio de Melquisedeque

Moças – Manual 1, 1992


Objetivo

Fazer com que cada jovem compreenda os deveres e obrigações dos portadores do Sacerdócio de Melquisedeque.

Preparação

  1. 1.

    Gravura 10, Restauração do Sacerdócio de Melquisedeque (62371), encontrada no final do livro.

  2. 2.

    Se possível, preparar para cada aluna uma cópia do material “Ofícios e Responsabilidades do Sacerdócio de Melquisedeque”, encontrado no final da lição.

  3. 3.

    Se desejar, designe algumas jovens para apresentarem histórias ou citações.

Sugestão para o desenvolvimento da lição

Introdução

Citação

“O sacerdócio é o poder de Deus delegado aos homens para agir para a bênção e salvação de toda a humanidade. Embora nós, às vezes, nos refiramos aos portadores do sacerdócio como “o sacerdócio”, jamais devemos esquecer-nos que o sacerdócio não tem proprietário nem está incorporado àqueles que são seus portadores. É mantido como encargo sagrado para o benefício de homens, mulheres e crianças. Élder John A. Widtsoe disse: “Os homens não têm mais direito que as mulheres às bênçãos que provêm do sacerdócio e que acompanham o seu poder” (Priesthood and Church Government, Salt Lake City: Deseret Book Company, 1939, p. 83). Por exemplo, nossas jovens têm as mesmas oportunidades que os rapazes de serem abençoadas pelos líderes do sacerdócio” (Dallin H. Oaks, em A Liahona, abril de 1992, p. 51; ou Ensign, maio de 1992, p.36).

O Sacerdócio de Melquisedeque foi Restaurado

Apresentação pela professora

Mostre a gravura da restauração do Sacerdócio de Melquisedeque. Explique-lhes que Pedro, Tiago e João portam as chaves do Sacerdócio de Melquisedeque. Eles apareceram a Joseph Smith e Oliver Cowdery perto da época da organização da Igreja, para restaurararem os poderes desse sacerdócio na terra.

Os Portadores do Sacerdócio de Melquisedeque Têm Deveres Específicos

Atividade com uso do quadro-negro

Explique-lhes que o Senhor organizou o sacerdócio, para que seu reino possa espalhar-se por todo o mundo e abençoar todos os membros da Igreja. Cada ofício do Sacerdócio de Melquisedeque recebeu responsabilidades específicas, para que os propósitos e a obra do Senhor possam ser executados como ele deseja.

Diga-lhes que vai ler várias pistas, com o fim de identificar um ofício ou quorum do Sacerdócio de Melquisedeque. Assim que uma aluna achar que sabe qual é, deverá levantar a mão e responder. Ler todas as pistas, mesmo que as jovens já saibam a resposta na primeira delas. Após ler as pistas pergunte às jovens a resposta correta.

Quando as respostas corretas forem dadas, escreva-as no quadro-negro.

  1. 1.

    (a) Os membros de meu quorum são testemunhas especiais de Jesus Cristo para todo o mundo. (b) Os membros do meu quorum são apoiados pelos membros da Igreja em toda parte como profetas, videntes e reveladores. (c) Geralmente faço um discurso na conferência geral. A que quorum pertenço? (Quorum dos Doze Apóstolos.) 2. (a) Meu quorum tem a responsabilidade especial de realizar a obra missionária em todo o mundo e ministrar o evengelho em terras estrangeiras. (b) Pode haver até sete destes Quoruns de Autoridades Gerais na Igreja. Quando totalmente organizado, meu quorum terá setenta Autoridades Gerais. Quem somos nós? (Um dos Quoruns dos Setenta.)

  2. 3.

    (a) Pode haver noventa e seis membros no meu quorum. (b) Posso tanto batizar quanto conferir o dom do Espírito Santo a pessoas que estão entrando para a Igreja. (c) Geralmente sou visto com um companheiro no campo missionário. (d) Sou sempre chamado para abençoar as pessoas doentes. Qual meu ofício no sacerdócio? (élder.)

  3. 4.

    (a) Sou portador do Sacerdócio de Melquisedeque. (b) Geralmente sou visto nas conferências gerais. (c) Sou o sumo sacerdote presidente da Igreja. (d) Apenas um homem tem este ofício na Igreja de cada vez. Qual é o meu chamado? (Presidente da Igreja.)

  4. 5.

    (a) Sou sumo sacerdote. (b) Servem comigo dois conselheiros e outros doze representantes. (c) Sou responsável por todas as atividades do sacerdócio em várias alas da Igreja. (d) Geralmente falo na conferência de estaca. Qual é o meu chamado? (Presidente de estaca.)

  5. 6.

    (a) Sou o sumo sacerdote presidente de uma ala. (b) Sou o presidente do quorum de sacerdotes da ala (ver D&C 107:87-88). (c) Grande parte de meu trabalho é realizada com os jovens da ala. (d) Uma de minhas importantes designações é entrevistar as jovens. Qual é o meu chamado? (Bispo.)

  6. 7.

    (a) Não há limite para o número de membros de meu quorum. (b) Posso ser bispo ou conselheiro do bispo. (c) O presidente da estaca é o presidente de meu quorum. Qual é o meu chamado? Qual é o meu ofício no sacerdócio? (Sumo Sacerdote.)

Debate

Para fortalecer a compreensão dos jovens sobre os deveres e obrigações dos portadores do Sacerdócio de Melquisedeque, examinem juntas as informações contidas em “Ofícios e Responsabilidades do Sacerdócio de Melquisedeque”. Use as referências de escritura, quando necessário, para responder às perguntas que a classe possa ter.

Ofícios e Responsabilidades do Sacerdócio de Melquisedeque

Ofício

Número no Quorum

Responsabilidades

Referências das Escrituras

Élder

96

1. Ensinar.
2. Pregar.
3. Batizar.
4. Confirmar.
5. Dirigir reuniões.
6. Abençoar os doentes.
7. Participar do Conselho Disciplinar da Igreja.
8. Agir nos deveres do Sacerdócio Aarônico.
9. Ordenar outros élderes ou sacerdotes, mestres e diáconos.

D&C 20:39, 41-45; D&C 42:43-44, 80

Sumo Sacerdote

Todos os Sumos Sacerdotes da Estaca

1. Cumprir todas as responsabilidades de um élder
2. Pode ser ordenado ao ofício de bispo, presidente de estaca etc.

D&C 20:67 e 107:10; D&C 84:111 e 68:19

Patriarca

Não há quorum; patriarcas são também sumos sacerdotes

1. Cumprir as responsabilidades de élder e sumo sacerdote.
2. Dar bênçãos patriarcais.

D&C 107:39-53

Setenta

70

1. É uma Autoridade Geral.
2. Pregar para todo o mundo.

D&C 107:25, 34, 38, 93-97

Apóstolo

12

1. Cumprir todas as responsabilidades do sacerdócio.
2. Serve como testemunha especial de Jesus Cristo para todo o mundo.
3. O Quorum dos Doze Apóstolos porta as chaves do Reino de Deus na terra. As chaves são ativadas por ocasião da morte do Presidente da Igreja.

D&C 18:26-27; D&C 107:23-33

A Ordenança ao Sacerdócio de Melquisedeque é uma Grande Bênção

Apresentação pela professora

Explique à classe que o Sacerdócio de Melquisedeque é uma das mais importantes bênçãos que Deus já deu aos seus filhos. O Sacerdócio de Melquisedeque confere ao homem poder para realizar ordenanças de salvação necessárias a cada pessoa para obter a vida eterna e todas as maiores bênçãos de Deus. Como este sacerdócio maior é tão vital ao progresso eterno, a ordenação do Sacerdócio de Melquisedeque é um passo muito importante na vida de um homem.

Explique-lhes que todos os rapazes da Igreja devem preparar-se para a ordenação ao Sacerdócio de Melquisedeque. Eles são entrevistados pelo bispo e pelo presidente da estaca, e estes avaliam sua dedicação ao Senhor e à Igreja. Se acharem que são dignos, serão ordenados ao Sacerdócio de Melquisedeque. Recebem este sacerdócio com um juramento e convênio (ver D&C 84:33-34), que lhes foi explicado.

Citação

Élder Marion G. Romney ensinou-nos a respeito das responsabilidades de um portador do Sacerdócio de Melquisedeque. Disse ele:

“A posição de um homem que recebe o sacerdócio e depois quebra o convênio é explicada pelo Senhor nestas palavras: `…aquele que quebrar este convênio depois de o ter recebido e inteiramente se desviar dele, não receberá remissão dos pecados nem neste mundo nem no mundo vindouro.’ (D&C 84:41.)

“Com a prescrição de tal penalidade por quebrá-lo, uma pessoa poderá ser levada a questionar a conveniência de aceitar as obrigações do convênio; isto é, poderá questionar até ler o versículo que segue a declaração da penalidade. E então descobrirá que aqueles que não recebem o juramento e convênio não estão muito melhor, se é que o estão, que aqueles que o recebem e o quebram. Pois nesse versículo o Senhor diz: ‘E ai de todos aqueles que não se achegam a este sacerdócio que recebestes…’ (D&C 84:42.)

Tal é a séria importância do ‘juramento e convênio que pertence ao sacerdócio’” (em Conference Report, abril de 1962, p.18; ou The Improvement Era, junho de 1962, p. 4.416).

Escrituras Examine e debata

Doutrina e Convênios 84:41-42, se necessário, para ajudar as jovens a entenderem a grande responsabilidade que os homens tomam sobre si quando são ordenados ao Sacerdócio de Melquisedeque.

Debate

Debata as seguintes perguntas com a classe, para que as alunas entendam que precisam demonstrar respeito pelo Sacerdócio de Melquisedeque e por aqueles que o portam.

• Sem o Sacerdócio de Melquisedeque, seria possível seu progresso eterno como mulheres?

• Como o respeito pelo Sacerdócio de Melquisedeque se reflete em nossos pensamentos, ações e palavras?

• Quando tratamos os portadores do Sacerdócio com respeito, estamos honrando o Sacerdócio de Melquisedeque? Como?

• Se desejamos incentivar os portadores do sacerdócio a honrarem o sacerdócio, o que devemos fazer?

Conclusão

Apresentação pela professora

Conclua, salientando a importância de honrarmos o Sacerdócio de Melquisedeque e os que o portam. Esses portadores do Sacerdócio de Melquisedeque comprometeram-se a obedecer ao Pai Celestial e usar o sacerdócio para abençoar seus filhos. Eles, como nós, estão no processo de tentar tornar-se como Deus. Nossa fé e confiança neles irá motiválos e inspirá-los a honrar plenamente o sacerdócio que portam.