Ó bondoso Pai eterno


87

Ó bondoso Pai eterno

Reverente

Hinos

Ó bondoso Pai eterno,
Tu, que reinas lá no céu,
Com o teu amor aquece
Nosso coração fiel.
Nosso coração fiel.


Em teu dia nos unimos
Para a fé desenvolver;
Teus emblemas celebramos,
Recordando teu sofrer.
Recordando teu sofrer.


Pai, das tentações nos livra
E da dor nos vem salvar;
Dá-nos a mansão celeste,
Onde está o teu altar.
Onde está o teu altar.


Texto: Charles Denney, Jr. , 1849-1937

Música: George Careless, 1839-1932