• Home
  • Concurso de Vídeos
  • Presidente Monson: O Divino Dom da Gratidão

Presidente Monson: O Divino Dom da Gratidão


“Meus irmãos e irmãs, é amável e honroso expressar gratidão. É generoso e nobre agir com gratidão; mas quando vivemos sempre cheios de gratidão no coração, tocamos o céu.

Ao encerrar meu discurso de hoje, é minha oração que, além de todas as coisas pelas quais somos gratos, demonstremos sempre nossa gratidão por nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Seu glorioso Evangelho responde às maiores perguntas da vida: De onde viemos? Por que estamos aqui? Para onde vai nosso espírito quando morremos?

Esse evangelho leva a luz da verdade divina aos que vivem em trevas.

Ele nos ensinou a orar. Ele nos ensinou a viver. Ele nos ensinou a morrer. Sua vida é um legado de amor. Curou os enfermos, ergueu os abatidos, salvou os pecadores.

Por fim, ficou sozinho. Alguns Apóstolos duvidaram; um deles O traiu. Os soldados romanos Lhe trespassaram o lado. A multidão raivosa tirou-Lhe a vida. Mas ainda ressoam do monte do Calvário estas Suas palavras compassivas: 'Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem'.

Quem era aquele Homem de dores, e experimentado nos trabalhos? Quem é este Rei de glória, aquele Senhor dos senhores? Ele é nosso Mestre. É nosso Salvador. Ele é o Filho de Deus. É o autor de nossa salvação. Ele convida: ‘Vinde após mim’. Instrui: “Vai, e faze da mesma maneira’. Roga: ‘Guardai os meus mandamentos’.

Vamos segui-Lo. Vamos imitar Seu exemplo. Vamos obedecer a Suas palavras. Ao fazê-lo, daremos a Ele a divina dádiva da gratidão."