Dallin H. Oaks

Quórum dos Doze Apóstolos

Élder Dallin H. Oaks

Élder Oaks tornou-se muito conhecido por falar abertamente sobre assuntos desafiadores.

Dallin Oaks e família

Élder Oaks (no alto à esquerda), sua mãe e dois irmãos, após o falecimento de seu pai. Élder Oaks recordou que foi abençoado com “uma extraordinária mãe”.

O Élder Dallin H. Oaks, do Quórum dos Doze Apóstolos, tem um lema: “Trabalhe primeiro, brinque depois.” Sua família, contudo, diz que eles estão tentados a mudar isso para: “Trabalhe primeiro, brinque nunca.” O Élder Oaks não se incomoda com isso. Ele diz que isso significa que ele raramente faz coisas apenas para divertir-se; em vez disso, “divirto-me [com o que quer que ] faça.”

Sempre no Trabalho

Élder Oaks nasceu em Provo, Utah, em 12 de agosto de 1932. Quando tinha oito anos de idade, seu pai, Dr. Lloyd Oaks, faleceu de tuberculose. Isso deixou a jovem viúva Stella Oaks com três filhos—Dallin, o mais velho; Merrill e Evelyn. Dallin cresceu trabalhando para ajudar sua mãe viúva.

“Fui abençoado com uma extraordinária mãe”, lembra o Élder Oaks. “Ela, com certeza, foi uma das muitas mulheres nobres que viveram nos últimos dias.” Antes de sua morte em 1980, Stella Oaks era conhecida como uma força para o bem em Provo, tanto na Igreja quando no serviço cívico.

“Ela me deu muita responsabilidade e bastante liberdade. Ela me incentivou a ter um emprego”, explicou o Élder Oaks. Desde a época do seu primeiro trabalho assalariado, “aos onze ou doze anos”, ele sempre esteve empregado.

Ansioso por Aprender

Seu primeiro trabalho foi varrer o chão de uma oficina de consertos de rádio. Ele teve que aprender a testar os tubos que encontrava no chão, para descobrir se alguns ainda estavam bons, e isso o levou ao interesse pelo rádio. Ele se atirou aos estudos com a intensidade que o caracterizava. Antes dos dezesseis anos, conseguiu uma licença de radio-operador de primeira classe, que lhe permitia operar um transmissor de estação de rádio comercial, e conseguiu um emprego no rádio. Os diretores de rádio gostavam de contratar um “homem combinação”—um engenheiro que pudesse fazer o papel de locutor—“mas a minha voz não tinha mudado”, lembra-se rindo. Em pouco tempo, entretanto, essa mudança havia-se realizado, e ele estava trabalhando normalmente como locutor.

Foi enquanto fazia a locução de jogos escolares de basquetebol do ensino médio e era calouro na faculdade que conheceu sua primeira esposa, June Dixon. Eles se casaram em 24 de junho de 1952 e tiveram seis filhos.

Dallin e June Oaks no dia do casamento.

Élder Oaks e sua esposa, June Dixon, dividem uma fatia do bolo de casamento no dia do seu casamento. A Irmã June Oaks faleceu em 1998.

A Família Oaks

Élder Oaks e sua família posando para uma foto.

Educação e Experiência

Dallin H. Oaks obteve um bacharelado em contabilidade na Universidade Brigham Young em Provo, Utah. Depois cursou a Faculdade de Direito da Universidade de Chicago.

A dedicação e formação acadêmica de Dallin Oaks lhe conseguiram a oportunidade, depois da formatura, de servir como assistente jurídico do Presidente do Supremo Tribunal dos Estados Unidos. Um ano depois, quando ele completou o trabalho, voltou para Chicago, a fim de entrar no serviço privado.

Em 1961, surgiu a oportunidade de fazer parte do corpo docente da Faculdade de Direito da Universidade de Chicago. Ele aceitou o cargo pela compensação e pelo desafio que oferecia.

Em 1963, foi chamado como segundo conselheiro na presidência da Estaca Chicago Sul. Ele serviu com o Presidente Lysle R. Cahoon e John Sonnenberg, primeiro conselheiro. Todos os três serviram mais tarde como representantes regionais.

Durante esses anos, o Presidente Oaks tinha que dividir o seu tempo entre muitos compromissos. Um deles era o de encarregado do Comitê Disciplinar da Universidade de Chicago, que foi responsável por solucionar as acusações contra os estudantes envolvidos na ocupação de 17 dias do prédio da administração da escola, em fevereiro de 1969. Sua imparcialidade e diplomacia ao lidar com a ação disciplinar ganharam a admiração dos estudantes, professores e da comunidade.

Em 1970, ele já era bem conhecido em sua profissão, depois de servir com assistente do promotor estadual do Condado de Cook, Illinois, no verão de 1964; como pró-reitor e reitor interino da Faculdade de Direito da Universidade de Chicago e como professor visitante da Faculdade de Direito da Universidade de Michigan, no verão de 1968. Ele foi elogiado por sua consultoria legal para o Comitê da Carta de Direitos da Assembleia Constitucional do Estado de Illinois, em 1970. Durante um período entre 1970 e 1971, atuou como diretor executivo da American Bar Foundation [Fundação da Ordem dos Advogados Americana].

Em 1970, Élder Oaks foi convidado a ser o reitor da BYU. Ele deixou o cargo para servir na Suprema Corte de Utah.

Quando o Irmão Sonnenberg foi chamado para presidir a Estaca Chicago Sul em 1970, ele escolheu Dallin Oaks como seu primeiro conselheiro. Porém, um ano depois, Dallin Oaks foi chamado para ser o reitor da BYU. Serviu lá, até que foi chamado para servir na Suprema Corte de Utah. Ele preferiu essa posição a qualquer outra no governo. “Não posso pensar em nada na vida pública que eu gostaria mais de fazer do que ser juiz”, disse ele.

Élder Oaks planejava servir naquele cargo por 20 anos, se aposentar e servir uma missão. Mas esses planos mudaram, quando foi chamado para o Quórum dos Doze Apóstolos, em 1984. Demitiu-se da Suprema Corte de Utah e se dedicou aos seus deveres como Apóstolo.

“É basicamente passar o resto da sua vida, em tempo integral, no serviço Dele e passar a sua vida testificando do Seu plano, da Sua autoridade, da Sua Expiação e da Sua Ressurreição e participar, conforme designado, na liderança da Igreja”, explica o Élder Oaks.

Dallin e Kristen Oaks

Élder Oaks e sua esposa, Kristen McMain Oaks, casaram-se em 2000.

Fé e Confiança Trouxeram Conforto

June Oaks faleceu de câncer, em junho de 1998. Fé e confiança no Salvador ajudaram o Élder Oaks durante essa experiência.

“Eu não sabia por que havia recebido um “não” como resposta as minhas orações pela recuperação da minha esposa por tantos anos, mas o Senhor me deu um testemunho de que isso era a Sua vontade e Ele me deu forças para aceitá-la”, disse ele.

Em 25 de agosto de 2000, Élder Oaks casou-se com Kristen Meredith McMain, no Templo de Salt Lake. De 2002 a 2004, serviu como Presidente de Área nas Filipinas.

Élder Oaks tornou-se conhecido por sua vontade de falar abertamente sobre assuntos desafiadores, falar em defesa da liberdade religiosa e da família tradicional, dizer para os estudantes solteiros das faculdades pararem de sair e começarem a namorar, abordar ameaças à liberdade religiosa e condenar os malefícios da pornografia.

Seu maior desejo, ele diz de modo simples, é saber o que o Senhor quer que ele faça—e então fazê-lo.

O Quórum dos Doze Apóstolos (abaixo).

O Quórum dos Doze Apóstolos

Leia a biografia oficial