Capítulo 20

O Senhor revela Seus propósitos a Israel — Israel foi escolhida na fornalha da aflição e deve sair da Babilônia — Comparar com Isaías 48. Aproximadamente 588–570 a.C.

 Escuta e ouve isto, ó casa de Jacó, que é chamada pelo nome de Israel, que saiu das águas de Judá, ou seja, das águas do abatismo, que jura pelo nome do Senhor e que faz menção do Deus de Israel; contudo, não jura nem em verdade nem em retidão.

 Não obstante, toma o nome da acidade santa, mas não se bapoia no Deus de Israel, que é o Senhor dos Exércitos; sim, o Senhor dos Exércitos é o seu nome.

 Eis que anunciei as aprimeiras coisas desde o princípio; e elas saíram de minha boca e mostrei-as. Mostrei-as apressuradamente.

 E assim o fiz por saber que aés obstinado, que a tua cerviz é um nervo de ferro, e a tua testa, de bronze;

 E desde o início tenho-te declarado; antes que acontecessem, eu tas mostrei; e mostrei-as por temor de que viesses a dizer: Meu aídolo fez estas coisas e a minha imagem de escultura e a minha imagem de fundição ordenou-as.

 Viste e ouviste tudo isto; e não o anunciarás? E que desde agora te tenho mostrado coisas novas, sim, coisas ocultas; e não as sabias.

 Elas são criadas agora e não desde o princípio; nem antes do dia em que as ouviste te foram declaradas, para que não dissesses: Eis que eu as sabia.

 Sim, e não ouviste; sim, não conheceste; sim, tampouco desde aquela época foi aberto o teu ouvido; porque eu sabia que agirias muito perfidamente e que foste chamado de atransgressor desde o ventre.

 Não obstante, por causa do meu anome retardarei a minha ira e, por causa do meu louvor, conter-me-ei, para não te destruir.

 10 Pois eis que te purifiquei e te escolhi na fornalha da aaflição.

 11 Por minha causa, sim, por minha própria causa farei isso, pois não permitirei que o meu anome seja profanado e bnão darei a minha glória a outrem.

 12 Dá-me ouvidos, ó Jacó, e Israel, a quem chamei; pois eu sou ele; eu sou o aprimeiro e eu sou também o último.

 13 A minha mão afundou também a Terra e a minha mão direita mediu os céus. Chamo-os, e juntamente aparecem.

 14 Reuni-vos todos e escutai: Quem, dentre eles, declarou-lhes essas coisas? O Senhor o amou; sim, e acumprirá a sua palavra, a qual declarou por meio deles; e executará a sua vontade em bBabilônia, e o seu braço cairá sobre os caldeus.

 15 Diz também o Senhor: Eu, o Senhor, sim, eu falei; sim, eu o chamei para anunciar, eu o trouxe, e ele fará próspero o seu caminho.

 16 Achegai-vos a mim; não falei em asegredo; desde o princípio, desde o tempo em que foi anunciado, eu falei; e o Senhor Deus e o seu Espírito enviaram-me.

 17 E assim diz o Senhor, o teu aRedentor, o Santo de Israel: Eu o enviei; o Senhor teu Deus, que te ensina o que é útil, que te bguia pelo caminho que deves seguir, fez essas coisas.

 18 Oh! se tivesses dado ouvidos aos meus amandamentos — então a tua paz teria sido como um rio e a tua retidão, como as ondas do mar.

 19 A tua asemente também teria sido como a areia; os frutos das tuas entranhas, como o seu cascalho; o seu nome não teria sido apagado nem eliminado da minha presença.

 20 aDeixai Babilônia, fugi dos caldeus e anunciai com voz de júbilo, proclamai isto, falai até os confins da Terra; dizei: O Senhor redimiu Jacó, seu bservo.

 21 E eles não tiveram asede; ele os conduziu através dos desertos; fez-lhes jorrar água da brocha; fendeu também a rocha, e as águas jorraram.

 22 E apesar de haver feito tudo isso e ainda mais, não há apaz para os iníquos, diz o Senhor.