CAPÍTULO 8

Juízes corruptos procuram incitar o povo contra Néfi—Abraão, Moisés, Zenos, Zenoque, Ezias, Isaías, Jeremias, Leí e Néfi, todos testificaram a respeito de Cristo—Por inspiração, Néfi anuncia o assassinato do juiz supremo. Aproximadamente 23–21 a.C.

  E então aconteceu que quando Néfi disse essas palavras, eis que havia homens que eram juízes e também pertenciam ao bando secreto de Gadiânton, os quais ficaram encolerizados e clamaram contra ele, dizendo ao povo: Por que não agarrais esse homem e não o trazeis para ser condenado de acordo com o crime que cometeu?

  Por que olhais para esse homem e ficais ouvindo-o ultrajar este povo e nossa lei?

  Porque eis que Néfi lhes falara a respeito da corrupção de suas leis; sim, e muitas coisas disse-lhes Néfi, que não podem ser escritas; e nada disse ele que fosse contrário aos mandamentos de Deus.

  E esses juízes encolerizaram-se com ele, porque lhes afalou abertamente a respeito de suas obras de trevas; não obstante, não se atreviam a deitar-lhe as mãos, temendo que o povo se voltasse contra eles.

  Por conseguinte clamaram ao povo, dizendo: Por que permitis que este homem nos ultraje? Pois eis que ele condena todo este povo à destruição; sim, e diz também que nossas grandes cidades nos serão tomadas, de modo que nelas não teremos lugar.

  E no entanto sabemos que isso é impossível, pois eis que somos poderosos e grandes são as nossas cidades; portanto nossos inimigos não podem ter poder sobre nós.

  E aconteceu que dessa forma instigaram o povo à cólera contra Néfi e provocaram contendas entre eles; porque alguns clamaram: Deixai este homem em paz, porque é um bom homem; e as coisas que declara certamente acontecerão, a não ser que nos arrependamos;

  Sim, eis que todos os castigos que ele nos anunciou cairão sobre nós; porque sabemos que ele não disse senão a verdade sobre nossas iniqüidades. E eis que são muitas; e ele asabe tão bem das coisas que nos acontecerão quanto de nossas iniqüidades.

  Sim, e eis que se ele não fosse profeta, não poderia haver testificado a respeito dessas coisas.

  10 E aconteceu que as pessoas que desejavam destruir Néfi foram impedidas, por temor, de deitar-lhe as mãos; portanto, vendo que conquistara a simpatia de alguns, a tal ponto que os outros se atemorizaram, ele recomeçou a falar-lhes.

  11 Foi, portanto, compelido a falar-lhes mais, dizendo: Eis que, meus irmãos, não lestes que Deus deu poder a um homem, sim, Moisés, para ferir as águas do aMar Vermelho e elas dividiram-se para os dois lados, de modo que os israelitas, que eram nossos pais, atravessaram a pé enxuto e as águas fecharam-se sobre os exércitos dos egípcios e tragaram-nos?

  12 E agora, eis que se Deus atribuiu a esse homem tal poder, por que discordais entre vós e dizeis que ele não me concedeu poder para saber dos castigos que vos sobrevirão, caso não vos arrependais?

  13 Mas eis que não somente negais minhas palavras, como também negais todas as palavras que foram proferidas por nossos pais; e também as palavras que foram proferidas por esse homem, Moisés, que recebeu tão grande poder, sim, as palavras que ele proferiu a respeito da vinda do Messias.

  14 Sim, não deu ele testemunho de que o Filho de Deus haveria de vir? E assim como ele alevantou a serpente de metal no deserto, assim também será levantado aquele que há de vir.

  15 E assim como todos os que olharam para aquela serpente aviveram, assim também todos os que olharem para o Filho de Deus, com fé, tendo espírito contrito, bviverão, sim, para a vida eterna.

  16 Ora, eis que não somente Moisés testificou a respeito destas coisas, mas também atodos os santos profetas, desde os seus dias até os dias de Abraão.

  17 Sim, e eis que aAbraão viu a sua vinda e encheu-se de alegria e regozijou-se.

  18 Sim, e eis que vos digo que Abraão não foi o único que teve conhecimento destas coisas, mas houve amuitos, antes dos dias de Abraão, que foram chamados segundo a bordem de Deus, sim, segundo a ordem de seu Filho; e isso para que fosse mostrado ao povo, muitos milhares de anos antes de sua vinda, que na verdade receberiam a redenção.

  19 E agora, quisera que soubésseis que desde os dias de Abraão houve muitos profetas que testificaram essas coisas; sim, eis que o profeta aZenos testificou intrepidamente; por essa razão foi morto.

  20 E eis que também aZenoque e também Ezias e também bIsaías e cJeremias (sendo Jeremias o mesmo profeta que predisse a destruição de dJerusalém); e agora sabemos que Jerusalém foi destruída, segundo as palavras de Jeremias. Oh! então por que não há de vir o Filho de Deus, segundo sua profecia?

  21 E agora negareis que aJerusalém foi destruída? Direis que os bfilhos de Zedequias não foram todos mortos, com exceção de cMuleque? Sim, e não vedes que os descendentes de Zedequias estão conosco e que foram expulsos da terra de Jerusalém? Todavia, eis que isso não é tudo—

  22 Nosso pai Leí foi expulso de Jerusalém porque testificou estas coisas. Néfi também testificou estas coisas e também quase todos os nossos pais, até os dias de hoje; sim, eles testificaram a respeito da avinda de Cristo e aguardaram ansiosamente e regozijaram-se no seu dia que está para vir.

  23 E eis que ele é Deus e está com eles e manifestou-se a eles; de modo que foram redimidos por ele; e eles glorificaram-no, em virtude do que está para vir.

  24 E agora, vendo que sabeis estas coisas e que não as podeis negar sem que mintais, haveis portanto pecado nisto, porque rejeitastes todas estas coisas apesar das muitas evidências que recebestes; sim, vós haveis recebido atodas as coisas, tanto as coisas do céu como todas as coisas que estão na Terra, como testemunho de que são verdadeiras.

  25 Mas eis que rejeitastes a verdade e vos haveis arebelado contra vosso Santo Deus; e mesmo agora, ao invés de acumulardes para vós btesouros no céu, onde nada se corrompe e onde nada de impuro pode entrar, estais acumulando para vós ira para o dia do cjuízo.

  26 Sim, mesmo agora estais amadurecendo, em virtude de vossos assassinatos e vossa afornicação e iniqüidade, para a destruição eterna; sim, e a não ser que vos arrependais, ela cairá logo sobre vós.

  27 Sim, eis que ela já se acha a vossas portas; sim, ide até a cadeira do juiz e investigai; e eis que vosso juiz foi assassinado e ajaz em seu sangue; e ele foi assassinado bpor seu irmão, que ambiciona ocupar a cadeira de juiz.

  28 E eis que ambos pertencem ao vosso bando secreto, cujos afundadores são Gadiânton e o ser maligno que procura destruir a alma dos homens.