CAPÍTULO 28

Os filhos de Mosias vão pregar aos lamanitas—Usando as duas pedras de vidente, Mosias traduz as placas jareditas. Aproximadamente 92 a.C.

  Ora, aconteceu que depois que os afilhos de Mosias fizeram todas estas coisas, reuniram um pequeno grupo e voltaram para junto de seu pai, o rei; e pediram-lhe que lhes concedesse licença para subirem, juntamente com os que haviam escolhido, à terra de bNéfi, para pregarem as coisas que haviam ouvido e comunicarem a palavra de Deus a seus irmãos, os lamanitas—

  Para que talvez pudessem levar-lhes o conhecimento do Senhor seu Deus e convencê-los das iniqüidades de seus pais; e para que talvez aplacassem seu aódio para com os nefitas, a fim de que também fossem levados a regozijar-se no Senhor seu Deus, se tornassem amigáveis uns com os outros e não houvesse mais contendas em toda a terra que o Senhor seu Deus lhes dera.

  Ora, eles desejavam que a salvação fosse declarada a toda criatura, porque não podiam asuportar que qualquer balma humana se perdesse; e até mesmo a idéia de que alguma alma tivesse de sofrer o tormento ceterno fazia-os tremer e estremecer.

  E assim agia o Espírito do Senhor sobre eles, porque eram os amais vis pecadores. E o Senhor, na sua infinita bmisericórdia, julgou prudente poupá-los; não obstante, eles padeceram muita angústia por causa de suas iniqüidades, sofrendo muito e temendo que viessem a ser lançados fora para sempre.

  E aconteceu que suplicaram durante muitos dias a seu pai que os deixasse subir à terra de Néfi.

  E o rei Mosias foi e inquiriu ao Senhor se deveria deixar seus filhos subirem para pregar a palavra entre os lamanitas.

  E o Senhor disse a Mosias: Deixa-os subir, pois muitos acreditarão em suas palavras e eles terão vida eterna; e alivrarei teus filhos das mãos dos lamanitas.

  E aconteceu que Mosias lhes deu permissão para irem e fazerem de acordo com o seu pedido.

  E eles aempreenderam viagem pelo deserto, para subirem e pregarem a palavra entre os lamanitas. Farei, mais adiante, um brelato de seus feitos.

  10 Ora, o rei Mosias não tinha a quem deixar o reino, porque nenhum de seus filhos queria aceitá-lo.

  11 Portanto tomou ele os registros que estavam gravados nas aplacas de latão e também as placas de Néfi e todas as coisas que guardara e preservara de acordo com os mandamentos de Deus, depois de haver traduzido e ordenado que fossem escritos os registros contidos nas bplacas de ouro encontradas pelo povo de Lími, as quais lhes haviam sido entregues pelas mãos de Lími;

  12 E ele assim fez por causa da grande ansiedade de seu povo; porque tinham grande desejo de saber acerca daquele povo que havia sido destruído.

  13 E então ele as traduziu por meio daquelas duas apedras que estavam presas nos dois aros de um arco.

  14 Ora, essas coisas haviam sido preparadas desde o princípio e transmitidas de geração em geração, com o fim de interpretar idiomas;

  15 E foram guardadas e preservadas pela mão do Senhor, para que ele pudesse mostrar a toda criatura que ocupasse a terra as iniqüidades e abominações de seu povo;

  16 E todo aquele que tem estas coisas é chamado avidente, segundo o costume da antigüidade.

  17 Ora, depois de Mosias haver terminado a tradução desses registros, eis que continham a história do povo que fora adestruído, desde a época de sua destruição e remontando à construção da bgrande torre, quando o Senhor cconfundiu a língua do povo e este foi disperso sobre a face de toda a terra; sim, e também desde aquela época até a criação de Adão.

  18 Ora, esse relato levou os do povo de Mosias a lamentarem-se em extremo, sim, encheram-se de tristeza; não obstante, proporcionou-lhes muitos conhecimentos, com os quais se regozijaram.

  19 E esse relato será escrito mais adiante; porque eis que é necessário que todo o povo saiba das coisas que estão escritas nesse relato.

  20 E então, como vos disse, depois de o rei Mosias haver feito essas coisas, tomou as placas de alatão e todas as coisas que havia guardado e entregou-as a Alma, que era filho de Alma; sim, entregou-lhe todos os registros e também os bintérpretes e ordenou-lhe que os guardasse e cpreservasse; e que também fizesse um registro do povo; e que os transmitisse de geração em geração, assim como haviam sido transmitidos desde a época em que Leí deixara Jerusalém.