SEÇÃO 111

Revelação dada por intermédio de Joseph Smith, o Profeta, em Salém, Estado de Massachusetts, em 6 de agosto de 1836 ( History of the Church 2:465–466). Nessa ocasião os líderes da Igreja estavam muito endividados devido a seu trabalho no ministério. Ao ouvirem que uma grande quantia de dinheiro estaria a sua disposição em Salém, o Profeta, Sidney Rigdon, Hyrum Smith e Oliver Cowdery viajaram de Kirtland, Estado de Ohio, para lá, a fim de investigar essa notícia e de pregar o evangelho. Os irmãos resolveram vários negócios da Igreja e pregaram um pouco. Quando se tornou evidente que não haveria dinheiro algum, eles retornaram a Kirtland. Vários fatores importantes relacionados refletem-se nas palavras desta revelação.

1–5, O Senhor atende às necessidades materiais de seus servos; 6–11, Ele será misericordioso com Sião e providenciará todas as coisas para o bem de seus servos.

  EU, o Senhor vosso Deus, não estou descontente com vossa viagem, apesar de vossa insensatez.

  Tenho muitos tesouros para vós nesta cidade, para o benefício de Sião, e muita gente, nesta cidade, que reunirei no devido tempo para o benefício de Sião, por intermédio de vós.

  Convém, portanto, que traveis conhecimento com homens desta cidade, como fordes guiados e como vos for indicado.

  E acontecerá que, no devido tempo, porei esta cidade em vossas mãos para que tenhais poder sobre ela, de modo que não descubram vossos planos secretos; e sua riqueza no que diz respeito a ouro e prata será vossa.

  Não vos preocupeis com vossas adívidas, porque vos darei poder para pagá-las.

  Não vos preocupeis com Sião, porque serei misericordioso com ela.

  Permanecei neste lugar e nas regiões circunvizinhas;

  E o lugar onde é minha vontade que permaneçais principalmente ser-vos-á indicado pela apaz e poder de meu Espírito, que fluirá para vós.

  Esse local podereis alugar. E indagai diligentemente a respeito dos habitantes mais antigos e fundadores desta cidade;

  10 Pois há mais de um tesouro para vós nesta cidade.

  11 Portanto sede aprudentes como as serpentes, mas sem pecados; e ordenarei todas as coisas que forem para vosso bbem, tão depressa quanto fordes capazes de recebê-las. Amém.