Seção 5

Revelação dada por intermédio de Joseph Smith, o Profeta, em Harmony, Pensilvânia, em março de 1829, por solicitação de Martin Harris.

1–10, Esta geração receberá a palavra do Senhor por intermédio de Joseph Smith; 11–18, Três testemunhas testificarão sobre o Livro de Mórmon; 19–20, A palavra do Senhor será confirmada, como nos tempos antigos; 21–35, Martin Harris poderá arrepender-se e ser uma das testemunhas.

 Eis que te digo que como o meu servo aMartin Harris desejou receber de minhas mãos um testemunho de que tu, meu servo Joseph Smith Júnior, possuis as bplacas sobre as quais testemunhaste e que afirmaste teres recebido de mim;

 E agora, eis que isto lhe dirás: Aquele que te falou, disse: Eu, o Senhor, sou Deus e dei estas coisas a ti, meu servo Joseph Smith Júnior, e ordenei-te que fosses atestemunha destas coisas;

 E fiz com que estabelecesses um convênio comigo de que não as mostrarias a não ser às apessoas a quem eu te ordenasse; e não tens bpoder sobre elas, a não ser que eu to conceda.

 E tens um dom para traduzir as placas; e este é o primeiro dom que te conferi; e ordenei-te que não afirmasses ter qualquer outro dom, até que meu propósito fosse cumprido nisso; porque não te concederei outro dom até que isto esteja terminado.

 Em verdade eu te digo que aos habitantes da Terra sobrevirão desgraças, se anão derem ouvidos às minhas palavras;

 Pois futuramente serás aordenado e sairás levando minhas bpalavras aos filhos dos homens.

 Eis que, se não quiserem aacreditar em minhas palavras, não crerão em ti, meu servo Joseph, ainda que te fosse possível mostrar-lhes todas essas coisas que te confiei.

 Oh! esta geração aincrédula e bobstinada — minha ira está acesa contra ela.

 Eis que em verdade eu te digo: aReservei as coisas que te confiei, meu servo Joseph, para um sábio propósito meu, que será revelado às gerações futuras;

 10 Esta geração, porém, receberá minha palavra por teu intermédio;

 11 E ao teu testemunho serão acrescentados os atestemunhos de três de meus servos, que chamarei e ordenarei, a quem mostrarei essas coisas; e serão enviados com minhas palavras, dadas por teu intermédio.

 12 Sim, saberão com certeza que essas coisas são verdadeiras, porque dos céus lhas declararei.

 13 Dar-lhes-ei poder para verem e considerarem essas coisas como são;

 14 E a aninguém mais desta geração concederei este poder para receber esse mesmo testemunho neste momento em que minha bigreja começa a surgir e a sair do deserto — brilhante como a clua e formosa como o sol e terrível como um exército com estandartes.

 15 E enviarei o depoimento de três atestemunhas de minha palavra.

 16 E eis que avisitarei com a bmanifestação de meu cEspírito aqueles que dcrerem em minhas palavras e eles de mim enascerão, sim, da água e do Espírito —

 17 E tu deves esperar ainda um pouco mais, porque ainda não foste aordenado —

 18 E o testemunho delas também irá acondenar esta geração, se contra elas endurecer o coração;

 19 Porque haverá um aflagelo assolador entre os habitantes da Terra e continuará a derramar-se de tempos em tempos, se eles não se barrependerem, até que a Terra fique cvazia e seus habitantes sejam consumidos e totalmente destruídos pelo resplendor da minha dvinda.

 20 Eis que te digo estas coisas, assim como também afalei ao povo acerca da destruição de Jerusalém; e minha bpalavra será confirmada agora, como tem sido confirmada até aqui.

 21 E agora te ordeno, meu servo Joseph, que te arrependas e andes mais retamente diante de mim; e que não cedas mais às persuasões dos homens;

 22 E que sejas firme na aobediência aos mandamentos que te dei; e se fizeres isto, eis que te concedo vida eterna, mesmo que sejas bmorto.

 23 E agora também te falo, meu servo Joseph, com respeito ao ahomem que deseja o testemunho —

 24 Eis que lhe digo que ele se exalta a si mesmo e não se humilha suficientemente perante mim; mas se prostrar-se perante mim e humilhar-se em fervorosa oração e fé, com o coração sincero, então permitirei que aveja as coisas que deseja ver.

 25 E então ele dirá ao povo desta geração: Eis que vi as coisas que o Senhor mostrou a Joseph Smith Júnior e asei, sem dúvida, que são verdadeiras, porque as vi; pois foram-me mostradas pelo poder de Deus e não dos homens.

 26 E eu, o Senhor, ordeno a meu servo Martin Harris que não lhes diga nada mais a respeito destas coisas, exceto: Vi-as e foram-me mostradas pelo poder de Deus; e estas são as palavras que deverá dizer.

 27 Mas se negar isso, quebrará o convênio que fez anteriormente comigo e eis que será condenado.

 28 E agora, a não ser que se humilhe e reconheça perante mim os seus erros e faça convênio comigo de que guardará meus mandamentos e exerça fé em mim, eis que lhe digo que não verá essas coisas, porque não lhe permitirei ver as coisas de que falei.

 29 E se for esse o caso, eu te ordeno, meu servo Joseph, que lhe digas que nada mais faça nem me importune mais a respeito deste assunto.

 30 E se for esse o caso, eis que te digo, Joseph: Quando tiveres traduzido mais algumas páginas, para por uns tempos, até que eu te ordene novamente; então poderás voltar a traduzir.

 31 E a não ser que faças isso, eis que não terás mais dom e tomarei as coisas que te confiei.

 32 E agora, porque antevejo emboscadas para te destruírem, sim, antevejo que se meu servo Martin Harris não se humilhar e não receber de minha mão um testemunho, cairá em transgressão;

 33 E há muitos que estão à espreita para aeliminar-te da face da Terra; e por isso, para que teus dias se prolonguem, dei-te estes mandamentos.

 34 Sim, por essa razão eu disse: Para e espera até que eu te ordene; e aprovidenciarei meios para realizares as coisas que te ordenei.

 35 E se fores afiel na observância de meus mandamentos, serás belevado no último dia. Amém.