Guia para Estudo das Escrituras

  1. A
  2. B
  3. C
  4. D
  5. E
  6. F
  7. G
  8. H
  9. I
  10. J
  11. K
  12. L
  13. M
  14. N
  15. O
  16. P
  17. Q
  18. R
  19. S
  20. T
  21. U
  22. V
  23. W
  24. Y
  25. Z

Morôni, Filho de Mórmon 

Último profeta nefita do Livro de Mórmon (aprox. 421 d.C.). Pouco antes de morrer, Mórmon entregou o registro histórico, chamado de placas de Mórmon, a seu filho, Morôni (Pal. Mórm. 1:1). Morôni terminou de compilar as placas de Mórmon. Ele acrescentou os capítulos 8 e 9 ao livro de Mórmon (Mórm. 8:1). Ele resumiu e incluiu o livro de Éter (Ét. 1:1–2) e acrescentou o seu próprio livro, chamado de livro de Morôni (Morô. 1). Morôni selou as placas e escondeu-as no monte Cumora (Mórm. 8:14; Morô. 10:2). Em 1823 Morôni foi enviado, como ser ressuscitado, para revelar o Livro de Mórmon a Joseph Smith (D&C 27:5; JS—H 1:30–42, 45). De 1823 a 1827 ele instruiu o jovem profeta todos os anos (JS—H 1:54) e finalmente entregou-lhe as placas em 1827 (JS—H 1:59). Após completar a tradução, Joseph Smith devolveu as placas a Morôni.

Livro de Morôni

É o último do Livro de Mórmon e foi escrito por Morôni, o último profeta nefita. Os capítulos 1–3 contam a destruição final dos nefitas e instruem sobre como conferir o Espírito Santo e o sacerdócio. Os capítulos 4–5 mostram a maneira exata de administrar o sacramento. O capítulo 6 explica a obra da Igreja. Os capítulos 7–8 são sermões sobre os primeiros princípios do evangelho, incluindo ensinamentos de Mórmon acerca da fé, esperança e caridade e a maneira de discernir o bem do mal (Morô. 7); e ainda a explicação de Mórmon de que as criancinhas estão vivas em Cristo e não precisam de batismo (Morô. 8). O capítulo 9 descreve a depravação da nação nefita. O capítulo 10 é a mensagem final de Morôni e ensina como saber da veracidade do Livro de Mórmon (Morô. 10:3–5).