1. A
  2. B
  3. C
  4. D
  5. E
  6. F
  7. G
  8. H
  9. I
  10. J
  11. K
  12. L
  13. M
  14. N
  15. O
  16. P
  17. Q
  18. R
  19. S
  20. T
  21. U
  22. V
  23. W
  24. Y
  25. Z

Espírito

A parte do ser vivo que existe antes do nascimento mortal, que vive no corpo físico durante a mortalidade, e que existe depois da morte como ser separado até a Ressurreição. Todos os seres vivos — homens, animais e plantas — foram espíritos antes que qualquer forma de vida existisse na Terra (Gên. 2:4–5; Mois. 3:4–7). O corpo espiritual tem a mesma aparência do corpo físico (1 Né. 11:11; Ét. 3:15–16; D&C 77:2; 129). O espírito é matéria, porém mais refinado e puro do que os elementos ou a matéria mortal (D&C 131:7).

Cada indivíduo é literalmente filho ou filha de Deus, tendo nascido como espírito, de Pais Celestiais, antes de nascer de pais mortais na Terra (Heb. 12:9). Toda pessoa na Terra tem um corpo espiritual imortal, além do corpo de carne e ossos. Como algumas vezes definido nas escrituras, o espírito e o corpo físico juntos constituem a alma (Gên. 2:7; D&C 88:15; Mois. 3:7, 9, 19; Abr. 5:7). O espírito pode viver sem o corpo físico, mas o corpo físico não pode viver sem o espírito (Tg. 2:26). A morte física é a separação entre o espírito e o corpo. Na Ressurreição o espírito é unido novamente ao mesmo corpo físico de carne e ossos que possuía quando era mortal, com duas diferenças principais: eles nunca mais serão separados e o corpo físico será imortal e perfeito (Al. 11:45; D&C 138:16–17).

  • Um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho: Lc. 24:39.
  • O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus: Rom. 8:16.
  • Glorificai a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito: 1 Cor. 6:20.
  • Este corpo é o corpo do meu espírito: Ét. 3:16.
  • Haveis nascido no mundo pela água e sangue e espírito: Mois. 6:59.
  • Ele se encontrava entre aqueles que eram espíritos: Abr. 3:23.

Espíritos maus

  • O espírito mau ensina ao homem que não deve orar: 2 Né. 32:8.
  • Em nome de Jesus expulsava demônios e espíritos imundos: 3 Né. 7:19.
  • Muitos espíritos falsos saíram pela Terra enganando o mundo: D&C 50:2, 31–32.
  • Joseph Smith explicou três chaves para se determinar se um espírito é de Deus ou do diabo: D&C 129.