O Segundo Livro de Moisés Chamado Êxodo

Êxodo 

Capítulo 1

Os filhos de Israel se multiplicam — Eles são submetidos à servidão pelos egípcios — Faraó procura destruir os filhos homens nascidos de mulheres hebreias.

Capítulo 2

Moisés nasce de pais levitas; é criado pela filha de Faraó; mata um egípcio em defesa de um israelita; foge para Midiã; casa-se com Zípora — Israel em servidão clama ao Senhor.

Capítulo 3

O Senhor aparece a Moisés na sarça ardente — Moisés é chamado para livrar Israel da servidão — O Senhor se identifica como o Deus de Abraão, Isaque e Jacó, e como o Grande Eu Sou — Ele promete ferir o Egito e tirar Seu povo de lá com grande riqueza.

Capítulo 4

O Senhor dá sinais a Moisés — Aarão é escolhido como porta-voz — Israel é o primogênito do Senhor e precisa ser libertado para servi-Lo — O filho de Moisés é circuncidado — Moisés e Aarão lideram Israel em adoração.

Capítulo 5

Moisés e Aarão pedem a Faraó que liberte Israel — Faraó responde: Quem é o Senhor? — Faraó impõe cargas ainda maiores aos filhos de Israel.

Capítulo 6

O Senhor se identifica como Jeová — Os descendentes de Rúben, de Simeão, e de Levi são enumerados.

Capítulo 7

Moisés é encarregado de levar a palavra do Senhor a Faraó — O Senhor multiplicará os sinais e maravilhas no Egito — A vara de Aarão se transforma em serpente — O rio se torna em sangue — Os magos imitam os milagres de Moisés e Aarão.

Capítulo 8

O Senhor envia pragas de rãs, de piolhos e de moscas sobre o Egito — Faraó endurece o coração.

Capítulo 9

O Senhor destrói o gado dos egípcios, mas não o dos israelitas — Uma praga de sarna e úlceras é enviada sobre os egípcios — O Senhor envia saraiva e fogo sobre o povo de Faraó, mas não sobre o povo de Israel.

Capítulo 10

O Senhor envia uma praga de gafanhotos — Seguem-se trevas espessas sobre todo o Egito por três dias — Moisés é expulso da presença de Faraó.

Capítulo 11

Em sua partida, os israelitas são autorizados a pedir joias e ouro a seus vizinhos — O Senhor promete matar o primogênito de todos os lares egípcios — Ele diferencia os egípcios dos israelitas.

Capítulo 12

O Senhor institui a Páscoa e a Festa dos Pães Ázimos — São mortos cordeiros sem defeito — Israel é salvo pelo sangue deles — Todos os primogênitos dos egípcios são mortos — Israel é expulso do Egito após quatrocentos e trinta anos — Nenhum osso do cordeiro pascal será quebrado.

Capítulo 13

Todo primogênito de homem e de animais será santificado ao Senhor — A Festa dos Pães Ázimos deverá ser guardada na terra de Canaã — Moisés leva os ossos de José para fora do Egito — O Senhor guia Israel numa coluna de nuvem de dia e numa coluna de fogo de noite.

Capítulo 14

Israel sai do Egito — Israel atravessa o Mar Vermelho em terra seca — O Senhor derrota os egípcios no meio do mar.

Capítulo 15

Os filhos de Israel cantam o cântico de Moisés — Eles exaltam o Senhor como homem de guerra e regozijam-se em sua libertação do Egito — As águas de Mara são sanadas — O Senhor promete livrar Israel das doenças do Egito.

Capítulo 16

Israel murmura por falta de pão e cobiça as panelas de carne do Egito — O Senhor faz chover pão dos céus e envia codornizes para lhes fornecer carne — Israel recebe maná todos os dias, exceto no Sábado, por quarenta anos.

Capítulo 17

Israel murmura por falta de água — Moisés fere a rocha em Horebe, de onde jorra água — Aarão e Hur sustentam as mãos de Moisés para que Josué prevaleça sobre Amaleque.

Capítulo 18

Jetro vai a Moisés levando a mulher e os filhos de Moisés e oferece sacrifícios ao Senhor — Moisés asssenta-se para julgar o povo e ouve todos os casos — Jetro aconselha Moisés a ensinar a lei, a nomear juízes menores e a delegar-lhes poder.

Capítulo 19

O Senhor faz o convênio de tornar Israel uma propriedade peculiar, um reino de sacerdotes e um povo santo — O povo santifica-se — O Senhor aparece no Sinai em meio a fogo, fumaça e terremotos.

Capítulo 20

O Senhor revela os Dez Mandamentos — Israel deve testificar que o Senhor falou dos céus — Os filhos de Israel são proibidos de fazer deuses de ouro ou prata — Ordena-se que façam altares de pedras não lavradas e neles ofereçam sacrifícios ao Senhor.

Capítulo 21

O Senhor revela as Suas leis concernentes a servos, casamento plural, pena de morte para várias ofensas, dar olho por olho, dente por dente, e lesões causadas por bois.

Capítulo 22

O Senhor revela as Suas leis concernentes a furtos, destruição pelo fogo, cuidado de propriedade alheia, empréstimos, atos lascivos, sacrifícios a deuses falsos, afligir viúvas, usura, amaldiçoar a Deus, ao primogênito de homens e de animais — Ordena-se aos homens de Israel que sejam santos.

Capítulo 23

O Senhor revela as Suas leis acerca da integridade e da conduta piedosa — A terra descansará durante o ano sabático — Os filhos de Israel celebrarão três festas anuais — Um anjo que leva o nome do Senhor os guiará — A enfermidade será removida — As nações de Canaã serão expulsas gradativamente.

Capítulo 24

Israel aceita a palavra do Senhor por convênio — Moisés esparge o sangue do convênio — Ele e Aarão, Nadabe e Abiú e setenta dos anciãos de Israel veem Deus — O Senhor chama Moisés ao monte para receber as tábuas de pedra e os mandamentos.

Capítulo 25

Ordena-se a Israel que doem materiais e construam um tabernáculo, a arca do testemunho (com o propiciatório e os querubins), uma mesa (para o pão da proposição) e o candelabro, tudo de acordo com o modelo mostrado a Moisés no monte.

Capítulo 26

O tabernáculo será construído com dez cortinas e com tábuas — Um véu separará o santuário do lugar santíssimo — A arca do testemunho (com o propiciatório) será colocada no lugar santíssimo.

Capítulo 27

O tabernáculo terá um altar para holocaustos e um pátio cercado de colunas — Uma lâmpada sempre há de arder no tabernáculo da congregação.

Capítulo 28

Aarão e seus filhos serão consagrados e ungidos para ministrar no ofício de sacerdote — As vestes de Aarão incluirão um peitoral, um éfode, um manto, uma túnica, um turbante e um cinto — O peitoral do juízo terá doze pedras preciosas com os nomes das tribos de Israel nelas gravados — O Urim e Tumim serão levados no peitoral.

Capítulo 29

Aarão e seus filhos serão lavados, ungidos e consagrados — Várias cerimônias de sacrifício serão realizadas — Será feita expiação pelos pecados do povo — O Senhor promete habitar entre eles.

Capítulo 30

Um altar do incenso será colocado diante do véu — Será feita expiação com o sangue da oferta pelo pecado — O dinheiro da expiação será pago para resgatar todo homem — Os sacerdotes usarão o azeite da santa unção e o incenso.

Capítulo 31

Os artífices são inspirados a construir e mobiliar o tabernáculo — Ordena-se a Israel que guarde os Sábados do Senhor — É decretada a pena de morte para a profanação do Sábado — Moisés recebe as tábuas de pedra.

Capítulo 32

Aarão faz um bezerro de ouro, que é adorado por Israel — Moisés serve de mediador entre Deus e o Israel rebelde — Moisés quebra as tábuas de pedra — Os levitas matam cerca de 3.000 rebeldes — Moisés roga e intercede pelo povo.

Capítulo 33

O Senhor promete estar com Israel e expulsar os povos daquela terra — O tabernáculo da congregação é levado para fora do acampamento — O Senhor fala a Moisés face a face no tabernáculo — Mais tarde, Moisés vê a glória de Deus, mas não a Sua face.

Capítulo 34

Moisés lavra novas tábuas de pedra — Ele sobe ao monte Sinai por quarenta dias — O Senhor proclama Seu nome e atributos e revela Sua lei — Ele faz outro convênio com Israel — A pele do rosto de Moisés resplandece, e ele usa um véu.

Capítulo 35

Israel é exortado a observar o Sábado — São feitas ofertas voluntárias para a obra do tabernáculo — Confirmam-se o chamado e a inspiração de alguns artífices.

Capítulo 36

Escolhem-se homens sábios de coração para trabalhar no tabernáculo — Moisés pede ao povo que não doe mais materiais.

Capítulo 37

Bezalel faz a arca, o propiciatório e os querubins — Ele faz a mesa, os utensílios, o candelabro, o altar do incenso, o azeite santo da unção e o incenso aromático.

Capítulo 38

Bezalel e outros fazem o altar do holocausto e todas as coisas pertencentes ao tabernáculo — Seiscentos e três mil e quinhentos e cinquenta homens fazem suas ofertas.

Capítulo 39

Fazem-se vestes santas para Aarão e os sacerdotes — Faz-se o peitoral — O tabernáculo da congregação é concluído — Moisés abençoa o povo.

Capítulo 40

O tabernáculo é levantado — Aarão e seus filhos são lavados e ungidos e recebem um sacerdócio eterno — A glória do Senhor enche o tabernáculo — Uma nuvem cobre o tabernáculo de dia, e fogo repousa sobre ele à noite.