O Livro do Profeta Isaías

Isaías 

Capítulo 1

O povo de Israel é apóstata, rebelde e corrupto; só uns poucos permanecem fiéis — Os sacrifícios e as festas do povo são rejeitados — Eles são chamados ao arrependimento e exortados a praticar a retidão — Sião será redimida no dia da restauração.

Capítulo 2

Isaías vê o templo dos últimos dias, a coligação de Israel e o julgamento e a paz milenares — Os orgulhosos e os iníquos serão humilhados na Segunda Vinda — Comparar com 2 Néfi 12.

Capítulo 3

Judá e Jerusalém serão punidas por sua desobediência — O Senhor pleiteia por Seu povo e o julga — As filhas de Sião são amaldiçoadas e atormentadas por seus costumes mundanos — Comparar com 2 Néfi 13.

Capítulo 4

Sião e suas filhas serão redimidas e purificadas no dia milenar — Comparar com 2 Néfi 14.

Capítulo 5

A vinha do Senhor (Israel) se tornará desolada, e seu povo será disperso — Sobrevir-lhes-ão calamidades em seu estado apóstata e disperso — O Senhor levantará um estandarte e reunirá Israel — Comparar com 2 Néfi 15.

Capítulo 6

Isaías vê o Senhor — Seus pecados são perdoados — Ele é chamado para profetizar — Ele profetiza a rejeição dos ensinamentos de Cristo pelos judeus — Um remanescente retornará — Comparar com 2 Néfi 16.

Capítulo 7

Efraim e Síria travam guerra contra Judá — Cristo nascerá de uma virgem — Comparar com 2 Néfi 17.

Capítulo 8

Cristo será como pedra de escândalo e penha de tropeço — Consultai ao Senhor, e não adivinhos que murmuram — Voltai-vos à lei e ao testemunho para receber orientação — Comparar com 2 Néfi 18.

Capítulo 9

Isaías fala a respeito do Messias — O povo que andava em trevas verá uma grande Luz — Um menino nos nasceu — Ele será o Príncipe da Paz e reinará no trono de Davi — Comparar com 2 Néfi 19.

Capítulo 10

A destruição da Assíria é um símbolo da destruição dos iníquos na Segunda Vinda — Poucas pessoas restarão depois que o Senhor voltar — O remanescente de Jacó retornará naquele dia — Comparar com 2 Néfi 20.

Capítulo 11

A vara de Jessé (Cristo) julgará em retidão — O conhecimento de Deus cobrirá a Terra no Milênio — O Senhor erguerá um estandarte e reunirá Israel — Comparar com 2 Néfi 21.

Capítulo 12

No dia milenar, todos os homens louvarão ao Senhor — Ele habitará entre eles — Comparar com 2 Néfi 22.

Capítulo 13

A destruição da Babilônia é um símbolo da destruição que ocorrerá na Segunda Vinda — Será um dia de ira e vingança — A Babilônia (o mundo) cairá para sempre — Comparar com 2 Néfi 23.

Capítulo 14

Israel será reunida e desfrutará o descanso milenar — Lúcifer foi expulso do céu por rebelião — Israel triunfará sobre a Babilônia (o mundo) — Comparar com 2 Néfi 24.

Capítulo 15

Moabe ficará desolada, e seu povo uivará e chorará.

Capítulo 16

Moabe é condenada, e seu povo sofrerá tristezas — O Messias se assentará no trono de Davi, buscando a justiça e apressando a retidão.

Capítulo 17

Israel foi dispersa por esquecer-se de Deus — Contudo, as nações que a saquearem serão destruídas.

Capítulo 18

O Senhor erguerá o estandarte do evangelho, enviará mensageiros para Seu povo disperso e os reunirá no Monte Sião.

Capítulo 19

O Senhor ferirá e destruirá o Egito — Por fim, Ele o curará, e o Egito e a Assíria serão abençoados com Israel.

Capítulo 20

A Assíria invadirá e envergonhará o Egito.

Capítulo 21

Caiu, caiu Babilônia! — Outras nações também são destruídas.

Capítulo 22

Jerusalém será atacada e assolada — O povo será levado cativo — O Messias terá a chave da casa de Davi, herdará a glória e será fixado como um prego em lugar firme.

Capítulo 23

Tiro será derrubada.

Capítulo 24

Os homens transgredirão a lei e quebrarão o convênio eterno — Na Segunda Vinda, eles serão queimados, a Terra cambaleará, e o sol se envergonhará — Então, o Senhor reinará em Sião e em Jerusalém.

Capítulo 25

O Senhor preparará um banquete do evangelho com manjares deliciosos no Monte Sião — Ele tragará a morte na vitória — Dir-se-á: Eis que este é o nosso Deus.

Capítulo 26

Confiai no Senhor perpetuamente — Jeová morrerá e será ressuscitado — Todos os homens se levantarão na Ressurreição.

Capítulo 27

O povo de Israel florescerá, brotará e encherá a Terra de fruto — Eles serão reunidos um a um e adorarão ao Senhor.

Capítulo 28

Ai dos bêbados de Efraim! — A revelação vem linha sobre linha, preceito sobre preceito — É prometida a vinda de Cristo, o alicerce seguro.

Capítulo 29

Um povo (os nefitas) falará como uma voz que fala desde o pó — Predizem-se a Apostasia, a restauração do evangelho e o surgimento de um livro selado (o Livro de Mórmon) — Comparar com 2 Néfi 27.

Capítulo 30

Israel é dispersa por rejeitar seus videntes e profetas — O povo de Israel será reunido e abençoado temporal e espiritualmente — O Senhor virá num dia de apostasia para julgar e destruir os iníquos.

Capítulo 31

Israel é repreendida por buscar ajuda no Egito — Quando o Senhor vier, Ele defenderá e preservará Seu povo.

Capítulo 32

Um rei (o Messias) reinará em retidão — A terra de Israel será um deserto até o dia da restauração e coligação.

Capítulo 33

Apostasia e iniquidade precederão a Segunda Vinda — O Senhor virá com fogo devorador — Sião e suas estacas serão aperfeiçoadas — O Senhor é nosso Juiz, Legislador e Rei.

Capítulo 34

A Segunda Vinda será um dia de vingança e juízo — A indignação do Senhor estará sobre todas as nações — Sua espada descerá sobre o mundo.

Capítulo 35

No dia da restauração, o deserto florescerá, o Senhor virá, Israel será coligada e Sião será edificada.

Capítulo 36

Os assírios guerreiam contra Judá e blasfemam contra o Senhor.

Capítulo 37

Ezequias busca o conselho de Isaías para salvar Jerusalém — Isaías profetiza a derrota dos assírios e a morte de Senaqueribe — Ezequias ora pedindo que seja salvo da destruição — Senaqueribe envia uma carta blasfema — Isaías profetiza que os assírios serão destruídos e que um remanescente de Judá florescerá — Um anjo mata 185.000 assírios — Senaqueribe é morto por seus próprios filhos.

Capítulo 38

A vida de Ezequias é prolongada em quinze anos — O sol volta dez graus como sinal — Ezequias louva e agradece ao Senhor.

Capítulo 39

Ezequias revela sua riqueza a Babilônia — Isaías profetiza o cativeiro babilônico.

Capítulo 40

Isaías fala a respeito do Messias — Preparai o caminho do Senhor — Ele apascentará o Seu rebanho como um pastor — O Deus de Israel é incomparavelmente grande.

Capítulo 41

O Senhor diz a Israel: Sois meus servos, Eu vos preservarei — Os ídolos nada são — Serão anunciadas boas novas a Jerusalém.

Capítulo 42

Isaías fala a respeito do Messias — O Senhor trará Sua lei e Sua justiça, será uma luz para os gentios e libertará os cativos — Louvai ao Senhor.

Capítulo 43

O Senhor diz a Israel: Eu sou teu Deus; reunirei os teus descendentes; além de mim não há Salvador; sois as minhas testemunhas.

Capítulo 44

O Espírito do Senhor se derramará sobre os descendentes de Israel — Os ídolos de madeira são como lenha para a fogueira — O Senhor reunirá, abençoará e redimirá Israel e reconstruirá Jerusalém.

Capítulo 45

Ciro libertará da Babilônia os cativos de Israel — Vinde a Jeová (Cristo) e sede salvos — A Ele todo joelho se dobrará e toda língua fará um juramento.

Capítulo 46

Os ídolos não se comparam ao Senhor — Somente Ele é Deus e salvará Israel.

Capítulo 47

Babilônia e Caldeia serão destruídas por suas iniquidades — Ninguém as salvará.

Capítulo 48

O Senhor revela Seus propósitos a Israel — Israel foi escolhida na fornalha da aflição e há de sair da Babilônia — Comparar com 1 Néfi 20.

Capítulo 49

O Messias será uma luz para os gentios e libertará os cativos — Israel será reunida com poder nos últimos dias — Reis serão os aios de Israel — Comparar com 1 Néfi 21.

Capítulo 50

Isaías fala como se fosse o Messias — O Messias terá uma língua erudita — Ele oferecerá as costas aos que O ferem — Ele não será confundido — Comparar com 2 Néfi 7.

Capítulo 51

Nos últimos dias, o Senhor consolará Sião e reunirá Israel — Os resgatados irão a Sião em meio a grande alegria — Comparar com 2 Néfi 8.

Capítulo 52

Nos últimos dias, Sião retornará, e Israel será redimida — O Messias procederá com prudência e será exaltado.

Capítulo 53

Isaías fala acerca do Messias — Descrevem-se a humilhação e os sofrimentos do Messias — Ele põe Sua alma como oferta pelo pecado e intercede pelos transgressores — Comparar com Mosias 14.

Capítulo 54

Nos últimos dias, Sião e suas estacas serão estabelecidas, e Israel será recolhida com misericórdia e compaixão — Israel triunfará — Comparar com 3 Néfi 22.

Capítulo 55

Vinde e bebei; a salvação é gratuita — O Senhor fará um convênio eterno com Israel — Buscai ao Senhor enquanto Ele está perto.

Capítulo 56

Todos os que guardam os mandamentos serão exaltados — Outros povos se unirão a Israel — O Senhor reunirá outros na casa de Israel.

Capítulo 57

Quando os justos morrem, eles entram na paz — Promete-se misericórdia ao penitente — Não há paz para os ímpios.

Capítulo 58

Estabelece-se a verdadeira lei do jejum, com seus propósitos e as bênçãos que a acompanham — Dá-se o mandamento de guardar o Sábado.

Capítulo 59

O povo de Israel é separado de seu Deus por suas iniquidades — Seus pecados testificam contra eles — O Messias intercederá, virá a Sião e redimirá os que se arrependerem.

Capítulo 60

Nos últimos dias, Israel se levantará novamente como nação poderosa — Os povos gentios se unirão a Israel e o servirão — Sião será estabelecida — Por fim, Israel habitará em esplendor celestial.

Capítulo 61

Isaías fala acerca do Messias — O Messias terá o Espírito, pregará o evangelho e proclamará liberdade — Nos últimos dias, o Senhor chamará Seus ministros e fará um convênio eterno com o povo.

Capítulo 62

Nos últimos dias, Israel será coligada — Sião será estabelecida — Seus atalaias ensinarão a respeito do Senhor — O estandarte do evangelho será erguido — O povo será chamado santo, os redimidos do Senhor.

Capítulo 63

A Segunda Vinda será um dia de vingança e também o ano dos redimidos do Senhor — Então, os santos louvarão ao Senhor e O reconhecerão como seu pai.

Capítulo 64

O povo do Senhor ora pela Segunda Vinda e pela salvação que terá então.

Capítulo 65

A antiga Israel foi rejeitada por rejeitar ao Senhor — O povo do Senhor se regozijará e triunfará no Milênio.

Capítulo 66

Na Segunda Vinda, Israel, como nação, nascerá em um dia; os iníquos serão destruídos; e os gentios ouvirão o evangelho.