O Livro de Juízes

Juízes 

Capítulo 1

Judá, Simeão e José continuam a conquista dos cananeus — Permanecem remanescentes dos cananeus nas terras de Judá, Manassés, Efraim, Zebulom, Aser, Naftali e Dã.

Capítulo 2

Um anjo repreende Israel por não servir ao Senhor — Como padrão de acontecimentos futuros, levanta-se uma nova geração que rejeita o Senhor e serve Baal e Astarote — O Senhor se enfurece com os filhos de Israel e deixa de preservá-los — Ele levanta juízes para guiá-los e liderá-los — São deixados cananeus na terra para pôr Israel à prova.

Capítulo 3

Os filhos de Israel e os cananeus casam-se entre si — Os filhos de Israel adoram falsos deuses e são amaldiçoados — Otniel julga os israelitas — Eles servem Moabe, sendo libertados por Eúde, que mata Eglom.

Capítulo 4

Débora, uma profetisa, julga Israel — Ela e Baraque libertam Israel dos cananeus — Jael, uma mulher, mata Sísera, o cananeu.

Capítulo 5

Débora e Baraque cantam um cântico de louvor porque Israel é libertado do cativeiro cananeu.

Capítulo 6

Israel torna-se cativo dos midianitas — Um anjo aparece a Gideão e ordena-lhe que liberte Israel — Gideão derruba o altar de Baal, o Espírito do Senhor repousa sobre ele, e o Senhor dá-lhe um sinal de que ele está sendo chamado para libertar Israel.

Capítulo 7

O exército de Gideão é reduzido a trezentos homens — Eles atemorizam os exércitos midianitas com trombetas e tochas — Os midianitas lutam entre si, fogem e são derrotados por Israel.

Capítulo 8

Gideão persegue e destrói os midianitas — Ele liberta os filhos de Israel mas recusa seu convite para reinar sobre eles — Gideão morre, e Israel retorna à idolatria.

Capítulo 9

Abimeleque, filho de Gideão, torna-se rei — Ele mata seus setenta irmãos — Jotão conta uma fábula sobre árvores que escolhem um rei — Os siquemitas conspiram contra Abimeleque — Ele é morto em Tebes.

Capítulo 10

Tola e depois Jair julgam Israel — Os filhos de Israel adoram falsos deuses, são desamparados pelo Senhor e afligidos por seus inimigos — Eles se arrependem e clamam ao Senhor pedindo libertação.

Capítulo 11

Jefté é escolhido para ser o capitão dos exércitos de Israel — Os amonitas desferem uma guerra contra Israel — Jefté é guiado pelo Espírito e derrota Amom com grande mortandade — Ele faz um voto impensado que o leva a sacrificar sua única filha.

Capítulo 12

Os gileaditas matam 42.000 efraimitas — Jefté, Ibzã, Elom e Abdom julgam Israel consecutivamente.

Capítulo 13

Israel passa quarenta anos sob cativeiro dos filisteus — Um anjo aparece à mulher de Manoá e lhe promete um filho que começará a libertar Israel — O anjo aparece novamente e ascende em uma chama do altar — Nasce Sansão, e o Espírito do Senhor se manifesta nele.

Capítulo 14

Sansão mata um leão novo com as próprias mãos — Ele se casa com uma mulher filisteia, propõe um enigma, é enganado por sua mulher e mata trinta filisteus.

Capítulo 15

Sansão queima a seara dos filisteus — Eles queimam a mulher e o sogro dele — Sansão mata mil filisteus em Leí com a queixada de um jumento.

Capítulo 16

Sansão carrega para longe as portas da entrada de Gaza — Ele ama Dalila, que o entrega aos filisteus — Ele destrói um edifício, matando a si mesmo e a outros 3.000.

Capítulo 17

Mica tem uma casa de deuses (imagens) e consagra seus próprios sacerdotes.

Capítulo 18

Os danitas enviam homens para procurar uma herança — Eles se apossam das imagens e do sacerdote de Mica, queimam a cidade de Laís e estabelecem a idolatria.

Capítulo 19

A concubina de um levita retorna à casa do pai — O marido a toma de volta, e eles se alojam em Gibeá para passar a noite — Os homens de Gibeá abusam da concubina, e ela morre — O marido levita a corta em doze pedaços e os envia às tribos de Israel.

Capítulo 20

Todo o Israel se levanta contra os benjamitas, que se recusam a entregar os homens de Gibeá — Os benjamitas são derrotados e destruídos.

Capítulo 21

O povo pranteia a desolação de Benjamim — Os habitantes de Jabes-Gileade são destruídos por não terem participado da guerra contra Benjamim — Proveem-se mulheres para os remanescentes de Benjamim.