Capítulo 4

(Junho a outubro de 1830)

Como Satanás se tornou o diabo — Ele tenta Eva — Adão e Eva caem e a morte entra no mundo.

 E eu, o Senhor Deus, falei a Moisés, dizendo: Aquele aSatanás a quem tu deste ordem em nome de meu Unigênito é o mesmo que existiu desde o bprincípio; e ele apresentou-se perante mim, dizendo: Eis-me aqui, envia-me; serei teu filho e redimirei a humanidade toda, de modo que nenhuma alma se perca; e sem dúvida ceu o farei; portanto, dá-me a tua honra.

 Mas eis que meu aFilho Amado, que foi meu Amado e meu bEscolhido desde o princípio, disse-me: cPai, faça-se a tua dvontade e seja tua a eglória para sempre.

 Portanto, por ter Satanás se arebelado contra mim e procurado destruir o barbítrio do homem, o qual eu, o Senhor Deus, lhe dera; e também por querer que eu lhe desse meu próprio poder, fiz com que ele fosse cexpulso pelo poder do meu Unigênito.

 E ele tornou-se Satanás, sim, o próprio diabo, o pai de todas as amentiras, para enganar e cegar os homens e levá-los cativos segundo a sua vontade, sim, todos os que não derem ouvidos à minha voz.

 Ora, a serpente era mais aastuta do que qualquer besta do campo que eu, o Senhor Deus, havia feito.

 E Satanás incitou o coração da serpente (pois ele havia atraído muitos após si) e procurou também enganar aEva, pois ele não conhecia a mente de Deus; por conseguinte, procurou destruir o mundo.

 E ele disse à mulher: Sim, Deus disse — Não comereis de todas as árvores do ajardim? (E ele falou pela boca da serpente.)

 E a mulher disse à serpente: Podemos comer do fruto das árvores do jardim;

 Mas sobre o fruto da árvore que vês no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele nem o tocareis, para que não morrais.

 10 E a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis;

 11 Pois Deus sabe que no dia em que dele comerdes, vossos aolhos serão abertos e sereis como deuses, bconhecendo o bem e o mal.

 12 E quando a mulher viu que a árvore servia para alimento e que se tornara agradável aos olhos e uma árvore adesejável para torná-la sábia, tomou de seu fruto e bcomeu; e deu também a seu marido e ele comeu com ela.

 13 E os olhos de ambos foram abertos e eles perceberam que estavam anus. E costuraram folhas de figueira e fizeram aventais para si.

 14 E ouviram a voz do Senhor Deus quando estavam aandando no jardim, na viração do dia; e Adão e sua mulher foram esconder-se da presença do Senhor Deus entre as árvores do jardim.

 15 E eu, o Senhor Deus, chamei Adão e disse-lhe: Aonde avais?

 16 E ele respondeu: Ouvi a tua voz no jardim, e tive medo, porque vi que estava nu; e escondi-me.

 17 E eu, o Senhor Deus, perguntei a Adão: Quem te disse que estavas nu? Comeste da árvore da qual te ordenei que não comesses, pois, se o fizesses, certamente amorrerias?

 18 E o homem disse: A mulher que me deste e ordenaste que permanecesse comigo deu-me do fruto da árvore e eu comi.

 19 E eu, o Senhor Deus, disse à mulher: O que é isso que fizeste? E a mulher disse: A serpente aenganou-me e eu comi.

 20 E eu, o Senhor Deus, disse à serpente: Por teres feito isso, amaldita serás sobre todo gado e toda besta do campo; sobre teu ventre andarás e pó comerás todos os dias de tua vida;

 21 E porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e o seu descendente; e ele ferirá tua cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar.

 22 À mulher eu, o Senhor Deus, disse: Multiplicarei grandemente tua dor e tua concepção. Com ador darás à luz filhos e teu desejo será para teu marido; e ele te dominará.

 23 E eu, o Senhor Deus, disse a Adão: Por haveres dado ouvidos à voz de tua mulher e teres comido do fruto da árvore de que eu ordenei, dizendo: Não comerás dele, maldita será a terra por tua causa; com dor comerás dela todos os dias de tua vida.

 24 Espinhos e cardos também produzirá para ti; e comerás a erva do campo.

 25 Pelo asuor de teu rosto comerás o pão, até que retornes à terra — pois certamente morrerás — pois dela foste tirado; pois eras b e ao pó retornarás.

 26 E Adão chamou o nome de sua mulher Eva, porque ela era a mãe de todos os viventes; pois assim eu, o Senhor Deus, chamei a primeira de todas as mulheres, que são amuitas.

 27 Eu, o Senhor Deus, fiz túnicas de peles para Adão e também para sua mulher e avesti-os.

 28 E eu, o Senhor Deus, disse ao meu Unigênito: Eis que o ahomem se tornou como um de nós, bconhecendo o bem e o mal; e agora, para que não estenda ele a mão e cpartilhe também da dárvore da vida e coma e viva para sempre,

 29 Eu, o Senhor Deus, expulsá-lo-ei, portanto, do Jardim do aÉden, para lavrar a terra da qual foi tomado;

 30 Pois assim como eu, o Senhor Deus, vivo, minhas apalavras não podem retornar vazias, pois assim como saem de minha boca têm de ser cumpridas.

 31 Assim expulsei o homem e coloquei, ao oriente do Jardim do Éden, aquerubins e uma espada flamejante, que virava para todos os lados a fim de guardar o caminho da árvore da vida.

 32 (E essas são as palavras que eu disse a meu servo Moisés; e elas são verdadeiras, conforme a minha vontade; e disse-as a ti. Não as mostres a homem algum até que eu te ordene, a não ser aos que creem. Amém.)