• Home
  • LDS.org
  • O Que a Igreja Ensina a Respeito do Casamento

O Que a Igreja Ensina a Respeito do Casamento


Hugh B. Brown, “O Conceito de Casamento dos Santos dos Últimos Dias”, A Liahona, junho de 2011

O casamento é e deve ser um sacramento. A palavra sacramento pode ser definida de várias formas, mas entre os cristãos significa um ato ou uma cerimônia de cunho religioso, solenizada por alguém que possua a devida autoridade. É uma promessa, ou convênio solene, um sinal ou elo espiritual entre as próprias partes contratantes e entre elas e Deus.

Boyd K. Packer, “O Estandarte da Verdade Foi Erguido”, A Liahona, novembro de 2003

Por mais antiquados que pareçamos, por mais que se desdenhem os padrões e por mais que os outros cedam, nós não cederemos; não podemos ceder.

“A Família Desempenha um Papel Central no Plano do Criador”, A Liahona, dezembro de 2004

Precisamos assumir nossa posição na linha de frente desta guerra iniciada no mundo pré-mortal e fazer tudo a nosso alcance para preservar e proteger a santidade da família.

“Fortalecendo a Família: Multiplicar-se e Encher a Terra”, A Liahona, abril de 2005

As bênçãos resultantes da obediência ao mandamento de Deus de criar filhos estão entre as mais doces oferecidas por Ele. De fato, de várias formas, a paternidade e a maternidade são para nós uma prévia da deidade.

L. Tom Perry, “Uma Solene Responsabilidade de Amar e Cuidar uns dos Outros”, A Liahona, de junho de 2006

O assunto que me foi designado é a seguinte frase da proclamação sobre a família: “O marido e a mulher têm a solene responsabilidade de amar-se mutuamente e amar os filhos”.

Sheri L. Dew, “Não É Bom que o Homem ou a Mulher Esteja Só”, A Liahona, janeiro de 2002

É provável que nenhum casamento ou família, nenhuma ala ou estaca consiga atingir todo o seu potencial, a menos que maridos e esposas, mães e pais, homens e mulheres trabalhem juntos com o mesmo propósito.

David A. Bednar, “O Casamento É Essencial ao Plano Eterno de Deus”, A Liahona, junho de 2006

Fomos enfaticamente aconselhados pela Primeira Presidência a dedicar o melhor de nossos esforços ao fortalecimento do  casamento e do lar. Essas instruções nunca foram tão necessárias quanto no mundo de hoje, quando a santidade do casamento  está sendo atacada e a importância do lar está sendo enfraquecida.

Russell M. Nelson, “Fortalecer o Casamento”, A Liahona, maio de 2006

Os casamentos seriam mais felizes se nutridos com mais cuidado.

Russell M. Nelson, “Casamento Celestial”, A Liahona, novembro de 2008

A proclamação sobre a família nos ajuda a compreender que o casamento celestial proporciona maiores possibilidades para a felicidade do que qualquer outro relacionamento.

F. Burton Howard, “Casamento Eterno”, A Liahona, de maio de 2003

Se você quer que alguma coisa dure para sempre, deve tratá-la de modo diferente. (…) Ela torna-se especial porque você a fez especial.

Gordon B. Hinckley, “O Casamento Que Perdura”, A Liahona, julho de 2003

Deus os abençoe, para que, ao pensar em  casamento, não procureis apenas um excelente companheiro e um relacionamento familiar rico e frutífero para todos os dias de sua vida mortal, mas sim um estado ainda superior, no qual o amor e as preciosas ligações possam ser sentidos e manifestados sob a promessa divina.

James E. Faust, “Como Enriquecer Seu Casamento”, A Liahona, abril de 2007

No enriquecimento do casamento, é grande a importância das pequenas coisas. O apreço de um pelo outro deve ser constante, bem como uma atenciosa demonstração de  gratidão. É preciso que haja encorajamento mútuo no casal, cada um ajudando o outro a crescer. O casamento é a busca comum daquilo que é bom, belo e divino.

Spencer W. Kimball, “Harmonia no casamento ,“A Liahona, outubro de 2002

A mera celebração de uma cerimônia não garante a felicidade e o sucesso do casamento. Isso exige esquecer-se de si próprio, continuar a namorar e a obedecer os mandamentos do Senhor.

W. Douglas Shumway, “Casamento e Família: Nossa Responsabilidade Sagrada”, A Liahona, de maio de 2004

Em uma sociedade onde as pessoas se esquivam do casamento, a paternidade é evitada e famílias são degradadas, temos a responsabilidade de honrar nosso casamento, educar nossos filhos e fortalecer nossa família.