• Home
  • Concurso de Vídeos
  • Aprendizado e Recursos de Ensinamentos

Recursos de Ensino e Aprendizado


Jovens

Vem, Segue-Me: Expiação

Adultos

Ensinamentos dos Presidentes da Igreja: Joseph Smith, pp. 52–53.

Porque Jesus Cristo ressuscitou dentre os mortos, toda a humanidade será ressuscitada.

“Os princípios fundamentais de nossa religião são o testemunho dos Apóstolos e Profetas de que Jesus Cristo morreu, foi sepultado, ressuscitou no terceiro dia e subiu aos céus; e todas as outras coisas que pertencem a nossa religião são meros complementos dessa verdade. Mas com relação a essas coisas, cremos no dom do Espirito Santo, no poder da fé, no recebimento de dons espirituais de acordo com a vontade de Deus, na restauração da casa de Israel e no triunfo final da verdade.”

“‘Assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo’; todos serão todos serão ressuscitados dos mortos [I Coríntios 15:22]. O Cordeiro de Deus levou a efeito a ressurreição para que todos ressuscitem dos mortos.”

“Deus determinou um dia no qual julgará o mundo, e deu-nos a certeza disso ao ressuscitar Seu Filho Jesus Cristo dentre os mortos — a base da esperança na felicidade e alegria futuras de todos os que acreditam no registro inspirado porque tal como Paulo disse aos coríntios: “Se Cristo não ressuscitou, é vã a vossa fé é, e ainda permaneceis nos vossos pecados. E também os que dormiram em Cristo estão perdidos’ [I Coríntios15:17–18]. (…)

“O próprio Cristo sem dúvida alguma ressuscitou dos mortos; e se ressuscitou dos mortos, Ele fará, por meio de Seu poder, com que todos os homens se apresentem perante Ele: Porque se Ele ressuscitou dos mortos, as correntes da morte física foram rompidas de modo que a morte não será vitoriosa. Então, se a morte não terá a vitória, os que seguem as palavras de Jesus e obedecem a Seus ensinamentos contam não apenas com a com a promessa de ressurreição dos mortos, mas também com a certeza de serem aceitos em Seu glorioso reino, porque Ele próprio disse: ‘Onde eu estiver, ali estará também o meu servo’ [João 12:26]”.

“Aqueles que morreram em Jesus Cristo podem ter a esperança de, quando ressuscitarem, desfrutarem toda a alegria que tinham aqui ou pela qual antecipavam. (…) Fico feliz por ter o privilégio de transmitir-lhes algumas coisas que, se forem bem compreendidas, lhes serão uma grande ajuda quando os terremotos bramirem, as nuvens se juntarem, os relâmpagos cortarem o céu e as tempestades estiverem prestes a desabar sobre vocês como o ribombar de trovões. Apeguem-se a essas coisas e não deixem que tremam seus joelhos e juntas nem que se lhes desfaleça o coração e então o que poderão fazer os terremotos, guerras e tornados? Nada. Serão recompensados de todas as tuas perdas na ressureição, desde que continuem a ser fiéis. Pela visão do Todo-Poderoso, eu já vi essas coisas. (…)

“Dos céus, Deus revelou Seu Filho, e também a doutrina da ressurreição; e temos o conhecimento de que aqueles que sepultarmos aqui serão ressuscitados por Deus, revestidos de um corpo e vivificados pelo Espírito do grande Deus; então que importa se os sepultamos, ou se morremos com eles, quando não pudermos tê-los conosco? Que essas verdades penetrem profundamente em nosso coração, para que comecemos a desfrutar aqui o que teremos em plenitude na vida futura.”