Mídia


Somos afetados por tudo o que lemos, vemos ou ouvimos. Os membros da Igreja são aconselhados a escolher somente entretenimentos e meios de comunicação que sejam inspiradores. Os entretenimentos sadios promovem bons pensamentos e escolhas corretas, permitindo que os participantes se divirtam sem perder o Espírito do Senhor.

Informações Adicionais

O Élder M. Russell Ballard, do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou:

“Devido a seu imenso tamanho, a mídia atual apresenta vastas opções extremamente contrastantes. Ao contrário de seu lado danoso e permissivo, a mídia oferece muitas coisas positivas e produtivas. A televisão tem canais de história do mundo, descobertas e educação. Podemos encontrar filmes, comédias e dramas que divertem e elevam, mostrando de modo correto as consequências do certo e do errado. A Internet pode ser um fabuloso instrumento de informação e comunicação. E há uma imensa quantidade de boa música no mundo. Portanto, nosso maior desafio é escolher sabiamente o que iremos ouvir e a que iremos assistir.

Conforme disse o profeta Leí, graças a Cristo e Sua Expiação, os homens estão ‘livres para sempre, distinguindo o bem do mal; para agirem por si mesmos e não para receberem a ação (…) livres para escolher a liberdade e a vida eterna (…) ou para escolherem o cativeiro e a morte’ (2 Néfi 2:26–27).

As escolhas que fazemos na mídia podem ser um símbolo das escolhas que faremos na vida. A escolha das coisas da moda, excitantes e espalhafatosas nos programas e filmes a que assistimos na TV pode levar-nos a escolher as mesmas coisas em nossa vida.

Ver Mais

Mais Materiais para Estudo

  • “Diversão e Mídia” Para o Vigor da Juventude, pp. 17–19