Pular para a Navegação Principal
Jovens Menu

Autossuficiência: Preparar-se para o Futuro

Kimberly Richter

Aprender a ser responsável hoje abrirá as portas para vocês amanhã.

Você deve ter notado um novo padrão no livreto Para o Vigor da Juventude chamado “Trabalho e Autossuficiência”. Essa seção concentra-se na importância de aprender a trabalhar arduamente e cuidar de si mesmo em sua juventude. Jovens em todo o mundo compartilham por que eles sabem que é importante desenvolver a autossuficiência agora.

O que significa ser autossuficiente?

O livreto Para o Vigor da Juventude declara que somos autossuficientes quando “usamos as bênçãos e habilidades que Deus nos deu para cuidar de nós mesmos e de nossa família e para encontrar soluções para nossos próprios problemas” ([2011], p. 41).

Matthew W. da África do Sul diz: “Acho que somos autossuficientes quando não precisamos que os pais façam tudo por nós porque já sabemos como cuidar de nós mesmos”.

A autossuficiência é importante para todos. Quando somos autossuficientes, podemos confiar em nossas próprias habilidades para sustentar a nós mesmos e para ajudar outras pessoas na família e na comunidade.

Por que preciso trabalhar?

Para o Vigor da Juventude diz: “A ociosidade pode levar a comportamento inadequado, relacionamentos prejudicados e pecado” (p. 40). Trabalhar é uma maneira de viver uma vida produtiva e significativa. Ben M. de Yorkshire, Inglaterra, reconhece isso. Ele diz: “Quando aprendemos a trabalhar, entendemos que temos que trabalhar para conseguir algo, até mesmo na Igreja. Não dá para conseguir algo sem esforço. Temos que estudar”.

Algumas pessoas acreditam que merecem certos privilégios, como dinheiro ou comida, mesmo que não trabalhem para recebê-lo. Esse senso de direito adquirido é perigoso, porque torna as pessoas menos produtivas e faz com que elas não percebam o valor do trabalho. Para o Vigor da Juventude declara: “É falso acreditar que podemos conseguir algo em troca de nada” (p. 41). Sem trabalho, não conseguimos levar uma vida feliz e bem-sucedida.

Quando preciso tornar-me autossuficiente?

Tornar-se autossuficiente começa desde já. Quando perguntaram a Cassidy B. de Utah por que os jovens precisam começar a desenvolver habilidades bem cedo na vida, ela respondeu: “Há tantas coisas para aprender. Não dá para aprender a ser autossuficientes do dia para a noite. É um passo de cada vez”.

Seis Coisas que Vocês Podem Fazer Hoje

1. Fazer e seguir um orçamento para juntar dinheiro para a missão e a escola.

2. Preparar o jantar para a família uma vez por semana.

3. Aprender uma nova habilidade em computação que seria útil no local de trabalho.

4. Estudar arduamente, esforçando-se para ter boas notas.

5. Ajudar os pais com o armazenamento de alimentos ou kits de emergência.

6. Cumprir suas responsabilidades familiares com alegria.

Para o Vigor da Juventude declara que “é no lar que se começa a aprender a trabalhar” (p. 40). Os pais têm um papel importante em ajudá-los a tornarem-se autossuficientes. O melhor momento para formar bons hábitos e aprender novas habilidades é em sua juventude. Jayde e Sheridan C. de Leschenault, Austrália, compartilham como eles aprenderam no lar. “Em toda noite familiar”, Jayde diz, “criamos uma lista de tarefas para serem feitas durante a semana”. Sheridan continua: “Durante a semana ajudamos em casa e terminamos todas as tarefas da lista”. Jayde sabe que isso é importante para o seu futuro. “Algumas pessoas não sabem cozinhar ou limpar, mas em nossa casa nós aprendemos. Sempre ajudamos nossa mãe desde pequenos”.

Se você sente que precisa aprender mais sobre autossuficiência em sua casa, peça a seus pais para ajudá-lo. Ajude seu pai ou sua mãe a planejar e preparar uma refeição ou peça a seus pais para ajudá-lo a começar a fazer um orçamento e juntar dinheiro para a missão e a escola. E procure estar sempre disposto a fazer as tarefas de casa sem reclamar.

Como faço para conseguir fazer as coisas que eu não quero?

A autodisciplina é uma parte importante ao aprender a trabalhar. Sem ela vocês não chegarão muito longe. A autodisciplina é a sua própria motivação e vontade. É o que ajuda as pessoas a trabalhar arduamente mesmo quando não gostam de fazer certas tarefas. O Élder Russell M. Ballard, do Quórum dos Doze Apóstolos, disse: “Grande parte do seu destino é controlado por vocês mesmos. Vocês controlam sua própria vida. (…) Quando aplicamos o princípio de autodisciplina, não há muito que (…) não possamos realizar. (…) Se suas metas forem justas, (…) sigam em frente. Realizem-nas”. (“DoThings That Make a Difference”, Ensign, junho de 1983, pp. 70 – 71).

A melhor maneira de desenvolver autodisciplina é simplesmente ter determinação. Escolha ser forte e nunca desistir. Qualquer pessoa pode optar por trabalhar arduamente.

Que bênçãos recebemos ao aprender a trabalhar?

Para o Vigor da Juventude menciona duas bênçãos específicas: a capacidade de “contribuir para o mundo em que você vive” e um “maior senso de valor próprio” (p. 40). A segunda bênção parece inesperada, mas pense em como já se sentiu ao trabalhar arduamente em algo e dar o seu melhor. Agora compare esse sentimento com o que você sente quando fica no sofá o dia inteiro sem fazer nada produtivo. Quando você faz coisas boas, você percebe como pode fazer a diferença.

Embora as bênçãos específicas que você ganha ao trabalhar arduamente e ao tornar-se autossuficiente possam ser diferentes, você sempre será abençoado por seus esforços.

James M. do Quênia compartilhou sua experiência com o trabalho. “Moramos com minha avó e minha irmã”, diz ele, “então, além dos meus estudos pessoais, eu também sempre as ajudo. O trabalho me mantém ocupado e me ajuda a evitar más influências”.

Cassidy compartilhou outras bênçãos: “Como aprendi a trabalhar arduamente, vou ter mais portas abertas, mais opções e o potencial de levar uma vida mais feliz”.

Embora as bênçãos específicas que você ganha ao trabalhar arduamente e ao tornar-se autossuficiente possam ser diferentes, você sempre será abençoado por seus esforços.

Ser autossuficiente significa fazer as coisas sozinho?

Para o Vigor da Juventude diz: “A autossuficiência não significa que precisamos ser capazes de fazer todas as coisas sozinhos. Para ser verdadeiramente autossuficientes, precisamos aprender a trabalhar com outras pessoas e voltar-nos ao Senhor para pedir-Lhe ajuda e forças” (p. 41). A autossuficiência não significa que não podemos pedir ajuda. Significa fazer tudo o que podemos, e depois, pedir a ajuda necessária.

A autossuficiência é para vocês.

A autossuficiência será crucial em sua vida. Vocês precisarão dela quando forem para a missão, para a faculdade ou quando se mudarem para longe de casa e começarem sua própria família. Comecem a aprender as habilidades e atitudes que precisam agora — em sua juventude. Vocês serão grandemente abençoados ao voltar-se para o Senhor e pedir-Lhe para ajudá-los a desenvolver as habilidades e atributos que precisarão no futuro — e hoje! E ao olhar para o futuro, vocês se sentirão bem preparados e animados para o próximo estágio de sua vida.

Cuidar dos Outros

“Em primeiro lugar, todos se sentem mais felizes e têm mais respeito próprio se puderem sustentar a si mesmos e a sua família, e depois estender a mão para cuidar de outros. Tenho sido grato por aqueles que me ajudaram a atender as minhas necessidades. E tenho sido ainda mais grato, ao longo dos anos, por aqueles que me ajudaram a ser autossuficiente. E sinto a maior gratidão por aqueles que me mostraram como usar meus excedentes para ajudar outros”(Henry B. Eyring, “Oportunidades de Fazer o Bem”, Ensign ou A Liahona, maio de 2011, p. 24).

Dê o Melhor de Si

“O Pai Celestial pede apenas que façamos o melhor possível: que trabalhemos de acordo com nossa plena capacidade, por maior ou menor que ela seja” (Dieter F. Uchtdorf, “Dois princípios para Quaisquer Condições Econômicas”, Ensign ou A Liahona, novembro de 2009, p. 56).

Viver os Princípios da Autossuficiência

“A autossuficiência é fruto do viver previdente e do exercício da autodisciplina financeira. Desde o início, a Igreja ensinou que a família — na medida do possível — precisa assumir a responsabilidade pelo próprio bem-estar material. É primordial que cada geração aprenda de novo os princípios fundamentais da autossuficiência: evitar dívidas, implementar os princípios da frugalidade, preparar-se para tempos difíceis, ouvir e seguir as palavras dos oráculos vivos, desenvolver disciplina para distinguir necessidades de desejos e, depois, viver segundo esses princípios” (H. David Burton, “O Trabalho Santificador do Bem-Estar”, A Liahona, maio de 2011, p. 81

Seis coisas que vocês podem fazer hoje

  1. Fazer e seguir um orçamento para juntar dinheiro para a missão e a escola.
  2. Preparar o jantar para a família uma vez por semana.
  3. Aprender uma nova habilidade em computação que seria útil no local de trabalho.
  4. Estudar arduamente, esforçando-se para ter boas notas.
  5. Ajudar os pais com o armazenamento de alimentos ou kits de emergência.
  6. Cumprir suas responsabilidades familiares com alegria.

Erro no envio de formulário. Certifique-se de que todos os campos estejam preenchidos corretamente e tente novamente.

 
1000 caracteres restantes