Pular para a Navegação Principal
Jovens Menu

Precisamos da Igreja de Cristo

David A. Edwards, Revistas da Igreja

Seguir a moda é uma armadilha diabólica.

Se pudéssemos dar uma olhada na caixa de ferramentas do diabo, veríamos instrumentos de precisão para desviar as pessoas do caminho certo, bem como outras ferramentas bem gastas que obviamente são as que ele usa com mais frequência.

Uma ferramenta que ele tem usado cada vez mais nestes dias vem na forma de uma mentira sutil: “Ninguém precisa de religião organizada para ser bom, espiritual ou para amar Jesus. Afinal, todas as igrejas são imperfeitas e corruptas”.

Essa falsidade é ardilosa porque recorre a alguns conceitos verdadeiros para fazer-nos aceitar a grande mentira. É verdade que devemos fortalecer nosso relacionamento com Deus e que as pessoas são imperfeitas, mas esses fatos não significam que o próprio conceito de igreja seja errado.

Esse tipo de pensamento é falso, e aqui estão cinco motivos para isso:

1. Cristo estabeleceu Sua Igreja. Nos evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João vemos que grande parte do ministério do Salvador consistiu em chamar pessoas, dar-lhes autoridade, treiná-las para a liderança e ensiná-las a agir como grupo. O Élder Dallin H. Oaks, do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou: “Aqueles que rejeitam a necessidade de uma religião organizada rejeitam a obra do Mestre, que estabeleceu Sua Igreja e seus líderes no meridiano dos tempos e que os restabeleceu em tempos modernos”.

2. A Igreja administra o evangelho e suas ordenanças. O Salvador claramente ensinou que o batismo e o dom do Espírito Santo são necessários para a salvação (ver João 3:5) e que a autoridade para pregar o evangelho e realizar essas ordenanças obedecia a uma ordem. Como disse o Élder Oaks: “A Bíblia ensina claramente que a autoridade do sacerdócio é necessária e que essa autoridade precisa ser conferida por imposição de mãos por quem a possua. A autoridade do sacerdócio não provém do mero desejo de servir ou da leitura das escrituras”.

Ao encontrar as mentiras que são as ferramentas de trabalho do diabo, lembrem-se que seu próprio jogo de ferramentars vai ajudá-los a viver o evangelho.

3. A Igreja nos ajuda a tornar-nos pessoas melhores. O Élder Donald L. Hallstrom, da Presidência dos Setenta, ensinou recentemente: “Precisamos do evangelho e da Igreja. Na verdade, o propósito da Igreja é ajudar-nos a viver o evangelho”. Embora seja constituída de pessoas imperfeitas, a Igreja nos ajuda a tornar-nos mais semelhantes a Jesus Cristo ensinando-nos Sua doutrina, dando-nos oportunidades para serviço e crescimento pessoal, permitindo que façamos e renovemos convênios com Deus.

4. A união é importante. O Senhor nos ordenou: ‘Sede um; e se não sois um, não sois meus’ (D&C 38:27). Essa união é uma parte essencial do plano do Pai Celestial para nós. O Presidente Henry B. Eyring, Primeiro Conselheiro na Primeira Presidência, ensinou:

“Ansiamos, como filhos espirituais de nosso Pai Celestial, pela alegria que tivemos com Ele na vida anterior a esta. Ele quer atender a esse sagrado desejo de união, por causa do amor que tem por nós.

Ele não pode conceder-nos isso individualmente. A alegria da união que Ele tanto almeja dar-nos não é solitária. Precisamos buscá-la e tornar-nos dignos dela juntamente com outros. Não admira, portanto, que Deus peça que nos unamos para que Ele possa abençoar-nos”.

5. “Organizada” não é sinônimo de “má” ou “corrupta”. Geralmente quando as pessoas chamam uma pessoa ou alguma coisa de “organizada” é um elogio. Mas por algum motivo, é uma coisa negativa no caso das religiões. De acordo com o Élder Neal A. Maxwell (1926–2004), do Quórum dos Doze Apóstolos, um dos motivos pelos quais Cristo organizou Sua Igreja foi “porque a bondade individual e aleatória não é suficiente na luta contra o mal”. O Senhor explicou claramente essa questão quando disse: “Eis que minha casa é uma casa de ordem, diz o Senhor Deus, e não uma casa de confusão” (D&C 132:8). Organizada é exatamente o que uma religião precisa ser.

Ao encontrar as mentiras que são as ferramentas de trabalho do diabo, lembre-se de que você tem sua própria caixa de ferramentas para ajudá-lo a viver o evangelho, ferramentas essas que estão a nossa disposição na Igreja de Jesus Cristo: as escrituras, o dom do Espírito Santo, seu testemunho e as verdades reveladas pelos profetas modernos.

Erro no envio de formulário. Certifique-se de que todos os campos estejam preenchidos corretamente e tente novamente.

 
1000 caracteres restantes