Pular para a Navegação Principal
Jovens Menu

O Que Podemos Fazer Se Gostamos Um do Outro?

Há muitas maneiras de manter os padrões da Igreja e ainda assim ter bons relacionamentos com o sexo oposto.

Quando Você Ainda Não Tem 16

É seu primeiro baile da Igreja quando isso acontece. Você acabou de criar coragem para pedir a moça nova para dançar. Ela acabou de se mudar para a ala e você só quer dizer oi para fazê-la sentir-se bem-vinda e conhecê-la melhor.

Aí você descobre que vocês dois adoram vôlei, gostam do mesmo tipo de música e do mesmo sorvete. Ela até ri das suas piadas. Então você percebe, a menos que esteja redondamente enganado, que ela também gosta de você.

Nossa!

E agora? Você não tem idade suficiente para começar a namorar. Obviamente, é hora de fugir do baile, ir correndo para casa e começar a fingir que você nunca a viu. Poderia também mudar o caminho que você faz para ir de bicicleta até o parque para não ter que passar em frente à casa dela. Certo?

Não exatamente. Na verdade, você não precisa fazer nenhuma dessas coisas. Mesmo que o namoro ainda esteja longe, você sempre pode fazer uma nova amizade. Conforme explicado em Para o Vigor da Juventude: “Todos precisam de amigos bons e verdadeiros. Eles são uma grande força e bênção para você. Eles vão influenciar muito o seu modo de pensar e de agir e até ajudar a determinar a pessoa na qual vocês vão se tornar” (2011, p. 16).

“Seu círculo de amizade vai influenciar enormemente seu modo de pensar e sua conduta, e vice-versa. Quando você e seus amigos partilham dos mesmos valores, vocês podem fortalecer-se e incentivar-se mutuamente.” — Presidente Thomas S. Monson

Às vezes pode ser fácil interpretar mal os padrões de namoro e achar que não podemos nem mesmo fazer amizades com pessoas do sexo oposto antes dos 16 anos. Mas se entendermos dessa forma, vamos perder oportunidades de fazer grandes amizades. Então, sim, vocês podem ser amigos.

Isso significa que não há problema em começar a sair sempre com seu novo amigo(a), fazer tudo juntos, desde a estudar as lições da escola a dar longas caminhadas no parque? Não. Isso é praticamente o mesmo que namorar — namorar firme mesmo — seja qual for o nome que você dê para isso.

Aqui estão algumas sugestões que podem ajudá-lo a saber quando sua amizade está dentro dos padrões corretos:

  • Considere a intenção envolvendo sua amizade. A intenção e os motivos são muito importantes. Pergunte a si mesmo: a única razão de você estar planejando uma atividade com um grupo de amigos é para que você possa ficar trocando olhares com um(a) amigo(a) em particular? Em caso afirmativo, isso é mais que amizade.
  • Não forme casais. Vamos supor que você está planejando uma noite para jogar jogos de tabuleiro em sua casa (com a supervisão dos pais, claro). No final, só três rapazes — dentre eles você mesmo — e três moças podem vir. Matematicamente, trata-se de três pares. Precisa correr para achar uma sétima pessoa para evitar a formação acidental de casais? Não necessariamente. “Formar casais” não se refere especificamente a ter ou não um número exato de rapazes e moças. Por exemplo, você poderia facilmente ter cinco moças em uma sala com 12 rapazes e no final ainda ter vários casais concentrando a atenção um no outro o tempo todo. Você evita formar casais quando a ideia é que todo mundo converse com todo o mundo. Sim, você pode fazer atividades com amigos de ambos os sexos. Porém, quando um grupo de amigos se reúne, certifique-se de que todos se sintam incluídos. A partir do momento que um rapaz e uma moça começam a ignorar o restante do grupo, é aí que “formar casais” não é adequado.
  • Converse com os seus pais. Quando se trata de amizades e atividades com o sexo oposto, é melhor resolver as regras e diretrizes específicas com os pais.

Depois de Completar 16 Anos

Finalmente você tem 16! Agora você tem idade suficiente para convidar aquela moça do baile, que tanto lhe chamou a atenção, para sair (ela fez 16 anos alguns meses antes). E agora? Tenha em mente estas ideias:

  • Saia em grupo. Como aconselha o livreto Para o Vigor da Juventude, “Quando começarem a sair com alguém do sexo oposto, façam isso na companhia de um ou mais casais” (p. 4). Sim, pode sair com ela. Mas os jovens da Igreja reúnem-se para sair em grupos, não sozinhos, portanto certifique-se de seu programa inclua outras pessoas.
  • Frequência. Você sabe que deve “[evitar] sair sempre com a mesma pessoa” (Para o Vigor da Juventude, p. 4), então o que significa “sair sempre”? Não sair mais do que uma vez por mês? Uma vez a cada seis meses? Que tal um agradável ida anual a uma sorveteria toda primeira sexta-feira de setembro? Em algumas culturas, sair só uma vez já significa um relacionamento sério. É melhor resolver detalhes específicos com seus pais e orar. Como acontece com muitos princípios do evangelho, a Igreja fornece diretrizes sobre namoro, mas sempre é responsabilidade de cada um de nós buscar o Espírito para saber como seguir essas diretrizes da melhor maneira possível. Sim, pode sair mais de uma vez com a moça do baile. Mas ainda assim, precisa encontrar o equilíbrio adequado na frequência.
  • Amizade primeiro. Ao entrar na fase do namoro, você vai descobrir que fazer boas amizades é ainda mais importante. Bons amigos são uma bênção em qualquer idade. O Élder Russell M. Nelson, do Quórum dos Doze Apóstolos, ensinou: “Todos os dias de sua vida, empenhem-se em ampliar seu círculo de amigos” (“Sê o Exemplo dos Fiéis”, A Liahona, novembro de 2010, p. 48). Embora você realmente possa sair com alguém do sexo oposto quando ambos têm idade para isso e estejam comprometidos a seguir os padrões da Igreja, criar amizades verdadeiras e inspiradoras — e não “arranjar um namorado ou namorada” — continua a ser um dos talentos mais importantes que podemos desenvolver na vida.

Erro no envio de formulário. Certifique-se de que todos os campos estejam preenchidos corretamente e tente novamente.

 
1000 caracteres restantes